Arquivo da tag: Rio

Livros didáticos são descartados de forma irregular em rio de Itaguaí

Livros estavam fora da validade e deveriam ter sido doados ou mantidos em local próprio na escola. Em contato com nosso blog, Seeduc condena ação e promete punir os responsáveis. Direção da escola será afastada imeditamente. Sindicância será aberta e se comprovado participação pode ocorrer exoneração da servidora

Livros didáticos foram jogados fora no rio “Mazombinha” no bairro Mazomba no município de Itaguaí. Os livros não eram para o ano letivo de 2.020 e sim livros de anos anteriores e fora da validade do MEC como nos informou a Secretaria Estadual de Educação (Seeduc).

O material estava em desuso e deveria ter sido acondicionado de forma adequada ou doados, segundo a determinação da própria Seeduc às escolas da rede estadual. Nas embalagens, muitas ainda lacradas, o nome da Escola Estadual Sandra Roldam Barboza, localizada no Centro de Itaguaí.

A secretaria nos informou que a diretora sera afastada imeditamente para que não atrapalhe nas investigações e uma sindicância será aberta para apurar os fatos. Caso seja confirmado o descaso por parte da direção da escola ela poderá ser exonerada.

Nosso blog recebeu as imagens pelo número de nosso Whatsapp e entrou em contato com a Seeduc, que emitiu nota sobre o assunto.

Nosso blog não obteve retorno com a diretora da escola citada. Porém, circula nas redes sociais fotos que supostamente seria do depoimento da diretora da Unidade

Prefeitura do Rio suspende todos os pagamentos servidores serão afetados

Prefeitura diz que medida visa ajustar o caixa do município, em função dos arrestos determinados pela Justiça. Resolução também congela movimentações financeiras. Servidores podem ficar sem pagamento neste fim de ano

Por Bom Dia Rio

A prefeitura do Rio de Janeiro suspendeu todos os pagamentos e demais movimentações financeiras até segunda ordem. É o que informa uma resolução publicada nesta terça-feira (17) no Diário Oficial do Município. Nos últimos anos, o Rio viu seu endividamento aumentar e uma das áreas mais afetadas neste ano foi a da Saúde, que entrou em colapso.

A resolução, assinada pelo secretário municipal de Fazenda, Cesar Augusto Barbiero, suspende as atividades do Tesouro Municipal e tem efeito desde as 14h desta segunda (16). (Leia a íntegra da resolução).

Em nota, a prefeitura do Rio informou que a medida tem como objetivo ajustar o caixa do município, em função dos arrestos determinados pela Justiça. “O procedimento é pontual e pode ser revertido a qualquer momento”, diz o comunicado.

De acordo com o especialista em finanças públicas, Paulo Henrique Feijó, a medida, tal como foi redigida na resolução, afeta também o pagamento dos servidores. “A resolução diz que foi suspensa a realização de todos os pagamentos. Todos são todos, então afeta também a folha de pagamento”, disse.
Feijó ponderou, no entanto, que o pagamento do 13º pode ter sido agendado antes das 14h de segunda-feira, quando teve início a validade da resolução. “A prefeitura é que tem que responder se essa suspensão afetou o agendamento do pagamento da segunda parcela do 13º, que deveria cair na conta dos servidores ao longo desta terça-feira”.

Questionado, o especialista em finanças públicas disse que a medida não é ilegal. “É uma decisão muito mais administrativa. Não há nenhuma ilegalidade nisso. Mas, é uma media que não tem condições de durar muito tempo, porque fatalmente tem pagamentos que são obrigatórios e não podem ser suspensos”.

Para o economista do Ibmec Daniel Souza, a medida pode ser considerada um calote. “Quando você suspende o funcionamento do Tesouro, você não paga ninguém, é calote estabelecido pela falta do fluxo de caixa por suspender as movimentações financeiras. Me parece uma medida extrema que a Prefeitura adota diante da delicada situação do município”, afirmou Sousa.

Ex-chefe da Casa Civil da gestão de Marcelo Crivella na Prefeitura do Rio, o vereador Paulo Messina (PSD), considera que a resolução representa a decretação oficial da falência do município. “Não tem mais um tostão em caixa, a Justiça está em busca de recursos para a Saúde, Comlurb ameaçando paralisar às vésperas do Réveillon e décimo terceiro do servidor atrasado. O risco agora é de atrasarem os duodécimos de Câmara e TCM depois de amanhã (19) e a própria folha de dezembro (em 08 de janeiro) e as férias dos servidores da Educação (também em 08 de janeiro)”, garante.

Nesta segunda, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou nesta segunda-feira (17) o arresto de R$ 164 milhões nas contas da Prefeitura do Rio para o pagamento de salários atrasados da Saúde.

Crise fiscal

No dia 5 desse mês, o RJ2 antecipou que o déficit da Prefeitura do Rio esse ano poderia ser o maior desde que o prefeito Marcelo Crivella assumiu o cargo.

A TV Globo teve acesso ao saldo da Prefeitura e mostrou que a situação financeira do município se agrava. Em 2019, o caixa já aparece no negativo entre agosto e setembro.

Colapso na Saúde

Médicos, enfermeiros e outros profissionais contratados por organizações sociais (OSs) que fazem a gestão de unidades de saúde estão há dois meses sem salários. Hospitais municipais estão lotados, e há falta de insumos e medicamentos. Em meio à crise, pacientes vivem o drama na peregrinação por atendimentos.
Na semana passada, o prefeito Marcelo Crivella pediu ajuda do governo federal, e o Ministério da Saúde se comprometeu a repassar R$ 152 milhões em duas parcelas: uma de R$ 76 milhões na quarta-feira (18) e o restante até 15 de janeiro.
Além disso, para garantir que todos os profissionais terceirizados da saúde recebam os salários atrasados, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou o sequestro de R$ 300 milhões das contas da prefeitura. Ao total, foram encontrados nas contas R$ 92 milhões até a tarde desta segunda (16).
O desembargador César Marques Carvalho, vice-presidente do TRT, determinou, então, a transferência imediata de mais de R$ 76 milhões para as organizações sociais responsáveis pelos hospitais municipais Pedro II, Albert Schweitzer, Evandro Freire e Mariska Ribeiro.

Rio em Estágio de Atenção: previsão é de chuva forte nas próximas horas

Município do Rio entrou em Estágio de Atenção às 22h55 desta terça-feira (14/05/2019)

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio de Janeiro informa que o município entrou em ESTÁGIO DE ATENÇÃO às 22h55 desta terça-feira, dia 14 de maio de 2019. Devido ao avanço de uma frente fria, núcleos de chuva moderada a forte atuam sobre a Zona Oeste e se deslocam de forma lenta pela cidade, ocasionado chuva moderada a forte, acompanhada de raios e rajadas de vento moderado.

A previsão para esta noite e madrugada ainda é de chuva moderada a forte, podendo ser muito forte de forma isolada, com raios e rajadas de vento moderado, ocasionalmente forte.
O Estágio de Atenção é o segundo nível em uma escala de três e significa a possibilidade de chuva moderada, ocasionalmente forte, nas próximas horas.
A prefeitura recomenda que a população tome as seguintes ações preventivas:
  • Permaneça ou procure um local seguro. Evite áreas sujeitas a alagamentos e/ou deslizamentos;
  • Todos os cidadãos devem se cadastrar no serviço de alertas da Defesa Civil via SMS. Basta enviar o CEP de casa para o nº 40199, por mensagem de texto. É gratuito;
  • Verifique se há sinais de rachaduras em sua residência. Ao perceber trincas ou abalo na estrutura, acione a Defesa Civil pelo número 199 e evite ficar em casa;
  • Moradores de áreas de risco precisam ficar atentos aos alertas sonoros. O acionamento das sirenes indica perigo de deslizamento. As pessoas devem se deslocar para os pontos de apoio estabelecidos pela Defesa Civil Municipal. Os locais são informados pelo número 199;
  • Redobre atenção ao dirigir. Em caso de chuva, as pistas ficam escorregadias e podem conter bolsões d’água. Mantenha os faróis acesos;
  • Em casos de ventos fortes e/ou chuvas com descargas elétricas, evite ficar próximo a árvores ou em áreas descampadas;
  • Evite colocar o lixo nos pontos de coleta. A água da chuva pode levar o lixo a entupir bueiros e galerias;
  • Fique atento às informações divulgadas pelos veículos de comunicação;
  • Se necessário, use os telefones de emergência 193 (Corpo de Bombeiros), 199 (Defesa Civil) ou 1746 (Central de Atendimento da Prefeitura).

PREVISÃO DO TEMPO | Quarta-feira com chuva moderada a forte a qualquer hora do dia

A passagem de uma frente fria e posterior transporte de umidade do mar em direção ao litoral manterão o tempo instável na cidade do Rio ao longo desta quarta-feira. O céu ficará nublado a encoberto, com previsão de chuva moderada a forte a qualquer hora do dia, podendo ser muito forte durante a madrugada. Os ventos soprarão com intensidade moderada, ocasionalmente forte, e as temperaturas estarão em declínio em relação à terça-feira, sendo a máxima prevista de 27°C e a mínima de 17°C, que deverá ocorrer no fim do dia.

Prefeito Crivella determina que todos os assentos de transporte público do Rio sejam prioritários

Decreto foi publicado nesta terça-feira, no Diário Oficial da Cidade e dá 30 dias para empresas se adequarem. Quem se recusar a ceder o lugar fica sujeito a multa de R$100 e a ser retirado compulsoriamente do veículo

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, determinou que todos os assentos de transportes públicos do município sejam prioritários para obesos, gestantes, pessoas com criança de colo, portadores de deficiência e idosos. O decreto foi publicado nesta terça-feira, no Diário Oficial da Cidade.

A medida vale para ônibus, metrô e VLT e quem se recusar a ceder o lugar fica sujeito a multa de R$100 e a ser retirado compulsoriamente do veículo pela Guarda Municipal ou por um agente privado de segurança.

O decreto dá 30 dias de prazo para que as empresas de transporte que operam na cidade coloquem nos veículos avisos de advertência à preferência dos assentos. Nos casos de deficiência física, auditiva, visual, mental ou múltipla, para ter a preferência, o passageiro deverá apresentar, se necessário, documento de identidade e laudo médico atestando sua condição especial.

O prefeito Marcelo Crivella levou em consideração a Lei Orgânica do Município, a Lei federal nº 10.048, a Constituição Federal e também a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, adotada pela ONU em 13 de dezembro de 2006, para criar o decreto.

Fonte Jornal O Dia

Marinha alerta para ventos fortes a partir de hoje no Rio

Passagem de frente fria pode provocar rajadas de até 60 km/h, segundo o CHM

O Centro de Hidrografia da Marinha (CHM) informou, nesta segunda-feira, que a passagem de uma frente fria sobre as regiões Sul e Sudeste do Brasil poderá provocar ventos fortes, com intensidade de até 60 km/h, nas proximidades do litoral dos estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro, entre a noite de terça e a manhã de quinta-feira.

Esses ventos poderão gerar ondas de até 3 metros, nas proximidades do litoral dos mesmos estados, no mesmo período. Há também condições favoráveis à ocorrência de ressaca, com ondas até 2,5 metros entre as cidades de Laguna (SC) e Cananéia (SP) e entre as cidades de Cananéia (SP) e Arraial do Cabo (RJ).

Chuva muito forte prevista para quarta-feira

A cidade segue em Estágio de Atenção neste início de semana. Já são mais de 45 horas nessa condição, decretada às 10h30 de sábado. Tudo por causa ainda de ocorrências em aberto desde o temporal que atingiu o Rio na última semana e também pela previsão de chuva forte para os próximos dias, principalmente nesta quarta.

De acordo com o Alerta Rio, as temperaturas nesta segunda-feira ficarão elevadas, com a máxima atingindo os 38ºC e a mínima os 23ºC. No entanto, a partir de amanhã uma frente fria vai se aproximar do estado, aumentando gradativamente a nebulosidade, com previsão de pancadas de chuva fraca a moderada, em pontos isolados.

Na quarta, a atuação da frente fria será maior, com previsão de céu nublado a encoberto, com pancadas de chuva forte a muito forte.
Ao longo da semana, a temperatura máxima será 40ºC, na terça, e a mínima 18ºC, na sexta;

veja a previsão:

Segunda – Mínima 23ºC – Máxima 38ºC
Terça – Máxima 40ºC – Mínima 23ºC
Quarta – Máxima 32ºC – Mínima 22ºC
Quinta – Máxima 25ºC – Mínima 19ºC
Sexta – Máxima 26ºC – Mínima 18ºC

Fonte: Jornal O Dia

Universidades Federais do Rio só terão aula no próximo sábado

As universidades federais do Estado estarão com as aulas suspensas até o próximo sábado dia 02 de junho. UFRJ, UFRRJ, UFF, CEFET e as demais, foram afetadas devido a greve dos caminhoneiros continue que atinge todo o país. Escolas de várias cidades no Estado também suspenderam as atividades. Contudo, vários caminhões já estão voltando a operar e começando a se dirigir em direção aos postos de combustíveis. As empresas de ônibus do Estado podem começar a ter a normalização de suas atividades à partir de amanhã. Entre elas o BRT.

BRT funcionará com apenas metade da frota nesta quinta-feira

O BRT informou em suas redes sociais no começo desta noite, que amanhã quinta-feira 24, apenas 50% da frota estará circulando devido à falta de combustível, provocada pela paralisação dos caminhoneiros.

Hoje não houve alteração nos corredores. Novas informações serão divulgadas nas redes do BRT.