Arquivo da tag: queda

Ponte cede e caminhão cai de 4 metros em Itaguaí

Outra ponte próxima está em estado ainda pior e também tem grande risco de desabamento

Um caminhão que transportava pedras caiu de uma ponte que desabou com seu peso na Estrada Feitoria de Ibituporanga em Itaguaí na última sexta-feira dia 29 de novembro. A ponte não suportou o peso do veículo e cedeu no momento que o caminhão passava. A queda de quatro metros de altura felizmente não causou danos ao motorista que ficou apenas tonto e com uma leve dor em um dos braços. Ele nos contou que o susto foi grande e que a queda ocorreu quando ele já estava no final da ponte, por isso o caminhão caiu de traseira no buraco que se formou. “O susto foi grande, mas graças à Deus não tive ferimentos “, disse ele.

Por questão de 5 minutos um ônibus escolar da Escola Estadual Municipalizada Taciano Basílio, escola do Munícipio de Itaguaí, não sofreu com tal queda. O caminhão que caiu na ponte deu passagem ao ônibus escolar que seguiu viagem minutos antes do acidente.

As estradas que ligam à escola citada estão em péssimo estado de conservação, sendo riscos diários para alunos e funcionários. Outro caminho usado pela serra é ainda pior e com as chuvas há riscos de deslizamentos e quedas de precipícios que são comuns na região.

O transporte e o estado de conservação dos ônibus usados é o grande desafio diário de quem deles dependem. Vans frequentemente são usadas, mas assim como os ônibus não são próprias para a travessia no local.

O local da queda da ponte continua intransitável.

Outra ponte corre riscos ainda maiores

Uma outra ponte 3 quilômetros à frente da que cedeu está em estado ainda pior. Ela está com ferregens aparecendo e tem um trecho que arames de cerca amarram o concreto para que não haja queda. A altura da ponte é de 5 metros e serve de travessia de moradores, estudantes e trabalhadores.

Ponte pode desabar a qualquer momento

Muro da escola Clodomiro Vasconcellos em Itaguaí desaba

SEEDUC informou em nota, que uma equipe foi ao local verificar o ocorrido

Um susto tomou conta de quem passava pelos arredores e quem estudava no dia na Escola Estadual Clodomiro Vasconcellos na última sexta dia 16. As péssimas condições que se encontram a escola estadual contribuíram e muito para esta cena lamentável. Felizmente ninguém se feriu, mas o susto foi grande.

Estudantes e pais de alunos, dizem que falta de materiais pedagógicos a funcionários. Para se ter uma ideia, há uma inspetora de alunos improvisada na função na parte da manhã, já que a mesma é auxiliar de serviços gerais e foi desviada para a função. As escolas estaduais tem servidores terceirizados e o estado tem atrasado os pagamentos desde o ano passado, o que acarreta em falta de profissionais e os que sobram atuam insatisfeitos.

Entramos em contato com a secretaria estadual de educação do Estado do Rio de Janeiro (SEEDUC) e fomos informados que além de ações preventivas já adotadas, uma equipe esteve no local para verificar os reparos necessários.

A SEEDUC esclareceu que, às fortes chuvas que ocorreram em Itaguaí, foram determinantes pela queda do muro do prédio anexo do Colégio Estadual Clodomiro Vasconcelos.

A Secretaria também ressaltou que as aulas transcorrerão normalmente durante esta semana, sem prejuízos às atividades educacionais.

 Segue a nota na íntegra

“A Secretaria de Estado de Educação esclarece que, devido às fortes chuvas que ocorreram em Itaguaí, o muro do prédio anexo do Colégio Estadual Clodomiro Vasconcelos cedeu na última sexta-feira (16/06). No entanto, o prédio principal onde as atividades escolares são realizadas não foi afetado e ninguém foi ferido.

 

Além de ações preventivas já adotadas, uma equipe esteve no local para verificar os reparos necessários. A Seeduc ressalta que as aulas transcorrerão normalmente durante esta semana, sem prejuízos às atividades educacionais.”

Homens morrem após briga em apartamento em Copacabana

image

Dois homens morreram após uma briga num apartamento em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Segundo as primeiras informações de policiais militares do 19º BPM (Copacabana), vizinhos ouviram uma discussão durante a madrugada e, por volta das 5h30m, um idoso caiu da janela do 9º andar do prédio, na Rua Figueiredo de Magalhães. A vítima é Paulo Campos Domingues Lourenzo, de 60 anos. O corpo permanece no local à espera de perícia.

O outro homem que estaria envolvido na briga foi identificado como Erick Alessandro Menegotto, de 22 anos. Ele ficou ferido ao tentar fugir por uma corda improvisada, também pela janela.

.

image

O rapaz chegou a ser levado por uma equipe do Corpo de Bombeiros para o Hospital municipal Miguel Couto, na Gávea, também na Zona Sul, mas não resistiu aos ferimentos.

O caso será investigado pela Divisão de Homicídios (DH).

QUEDA DE IDOSOS: É MELHOR PREVENIR QUE REMEDIAR

Slide3

Coluna Boca Saúde com Dr Rocindes Berriel

O envelhecimento é um processo progressivo e contínuo que pode trazer consigo diversas alterações funcionais que põem em risco a segurança do indivíduo. Há várias doenças que acometem os idosos e até o processo natural do envelhecimento comprometendo aos poucos a execução de atividades diárias simples, ocasionando redução progressiva na autonomia e na adaptação natural ao meio que vivem. O risco de sofrerem quedas se torna cada vez maior à medida que a idade aumenta, além de que diversos fatores estão envolvidos neste evento, principalmente os que estão relacionados às condições inadequadas do ambiente doméstico, segundo profissionais especialistas. Para prevenir quedas em idosos, segundo profissionais da saúde, é necessário fazer pequenas alterações no estilo de vida da pessoa, como usar sapatos antiderrapantes e, fazer adaptações na casa, como ter uma boa iluminação, por exemplo. Tratando-se de que a queda ocorre principalmente em ambiente doméstico podemos preveni-las com simples medidas que possam facilitar a execução de atividades diárias dentro de casa.

Cada cômodo merece atenção especial: Banheiro: use tapetes emborrachados antiderrapantes; mantenha uma boa iluminação utilizando lâmpadas fluorescentes; utilizar cores diferentes na parede e no piso em relação ao assento sanitário e a pia do banheiro; e instalar barras de apoio laterais e aumentar a altura do assento sanitário. Quarto: usar tapetes fixos ao chão e não encerar o piso; usar sapatos com solado antiderrapante; ajustar a altura da cama e colchão firme; e ter um abajur ou interruptor de luz próximo à cama. Sala: deixar o caminho livre de fios e sem bagunça; preferir sofás firmes e altos; e utilizar poltronas com braços. Cozinha: utilizar armários fixos e de fácil alcance. Escadas: deve possuir corrimão nas laterais; estar livre de objetos; utilizar fitas antiderrapantes nos degraus; ter interruptores de luz na parte superior e inferior da escada. Além de por em prática as dicas de como melhorar o ambiente para o idoso, deve-se realizar exames oftalmológicos regularmente, manter uma dieta saudável e tomar banhos de sol para fortificar os ossos; rotular os medicamentos e tomá-los na hora certa, procurar seguir um programa de atividades físicas que visem o equilíbrio, coordenação e força muscular, segundo a orientação de um profissional de Educação Física e o Médico.

Fonte: Sites especializados em Terceira Idade. Colaboradora: Enfermeira Julliane Sobral

wp-1459232939471.jpeg

Dr. Rocindes Berriel Cirurgião Dentista formado pela UERJ, professor de Educação Física, professor auxiliar de Bioquímica na FABA, especialista no Programa de Saúde da Família (PSF) – UGF, Curso Superior em Empreendedorismo e Inovação – UFF, especialista em planejamento, implementação e gestão em educação à distância – UFF, mestrando em Ciências – PPGEA – UFRRJ, especialista em gênero e sexualidade – IMS/UERJ

 

A coluna Boca Saúde sai todas às terças- feiras