Arquivo da tag: kombi

Kombi recolhe lixo de forma irregular em Itaguaí

Carro que fazia a coleta tinha emblema da prefeitura de Itaguaí. Devido a sérios e diversos problemas. Itaguaí já é chamada de Sucupira

Moradores registraram na manhã desta sexta-feira algo incomum em uma cidade que parece ter perdido completamente o sentido. No registro de um morador, uma kombi coletava e transportava o lixo das residências. Ao fazer o registro, foi possível ver o emblema da prefeitura de Itaguaí em uma das portas do veículo. Tal emblema é característico dos carros que prestam serviço para a prefeitura da cidade.

Repare o lado direito do veículo e veja o emblema

O carro estava lotado de lixo. A forma de coleta feita além de inadequada pode causar sérios riscos a quem transposta e possivelmente deixará resíduos que podem contaminar quem entrar no veículo futuramente, mesmo após lavada. O rapaz visto neste trabalho pode contrair várias doenças. Nesses lixos normalmente há baratas, ratos e vermes que podem transmitir diversas doenças como leptospirose e a raiva.

Consulta ao Detran

Uma simples consulta no site do Detran, mostrou que o veículo teve seu último licenciamento em seu ano de fabricação em 2011. Consulte você também clicando aqui

Itaguaí tem sido sinônimo de abandono, desrespeito e situações absurdas e até desumanas. Tudo isso tem feito os moradores chamarem a cidade de Sucupira em alusão a uma cidade fictícia da antiga novela Bem Amado da Rede Globo de televisão.

Entramos em contato com a prefeitura de Itaguaí, mas o governo não respondeu o contato até o momento.

Anúncios

Vans, táxis e kombis serão vistoriados e cadastrados pela SMTT em Itaguaí

Serviço para táxis começa em outubro e termina em novembro

A partir do dia 13 de outubro, a Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito de Itaguaí (SMTT) vai realizar a vistoria anual em táxis, kombis e vans registrados na categoria aluguel no exercício 2015, bem como o recadastramento da frota que presta serviço na cidade.

Slide2

Para requerer a vistoria, o prestador de serviço deverá comparecer à sede da  SMTT, no bairro Progresso, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h,  para o preencher pedido. Em seguida, quitar uma taxa de 25 UFIR-ITA (R$78,00) no banco ou lotérica e apresenta-la à secretaria e promover o cadastramento. Após essa fase, o responsável pelo veículo saberá o dia e hora que deverá comparecer à SMTT para inspeção.

 

As determinações que estabelecem a vistoria e o cadastramento estão na resolução 002, de 24 de setembro de 2015, assinada pelo secretário de Transportes e Trânsito, Alexander Florentino. Segundo a resolução, os titulares ou auxiliares que prestam serviços devem apresentar a carteira de habilitação, identidade, prova que residem em Itaguaí, registro de propriedade do veiculo, cartão de identificação de autônomo, entre outros documentos.

 

– O município de Itaguaí nunca fez uma determinação que regulamentasse o setor. Na administração do prefeito Weslei Pereira, vamos regularizar a profissão de motorista e oferecer à população um transporte complementar de qualidade – disse Alexander Florentino.

 

De acordo com Wilson Ribeiro, diretor de Serviços Cedidos, órgão ligado à  SMTT, os motoristas para atuarem nas ruas passarão por um curso de capacitação, obedecendo a resolução municipal e do Contram (Conselho Nacional de Trânsito). Ele ainda informou que os veículos aprovados receberão Certificados de Vistoria emitidos pela SMTT e um Selo de Vistoria, que será impresso pela Casa da Moeda.

Da esquerda para à direita secretário de Transportes e Trânsito, Alexander Florentino e Wilson Ribeiro, diretor de Serviços Cedidos, órgão ligado à SMTT

Da esquerda para à direita secretário de Transportes e Trânsito, Alexander Florentino e Wilson Ribeiro, diretor de Serviços Cedidos, órgão ligado à SMTT

Em 2016, os táxis em Itaguaí vão rodar com taxímetros. Um estudo, em fase final de conclusão, vai estabelecer a tarifa para a prestação do serviço. Os aparelhos, antes de entrarem em operação, serão aferidos pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e pelo Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Rio de Janeiro (IPEM).

 

Segundo Wilson Ribeiro, com a concretização da vistoria e da regulamentação da frota, o próximo passo é a licitação do transporte público complementar na cidade, que vai estabelecer as linhas das vans, itinerários, valor, entre outros itens. As kombis, que hoje prestam serviços, terão que migrar para os novos veículos exigidos, adequando-se às exigências. A licitação está em curso.

 

Todas as explicações sobre a vistoria, cadastro, implantação de taxímetro, curso de capacitação e licitação do transporte público complementar foram passadas a cerca de 40 taxistas e presidentes de cooperativa na quarta-feira (30/9), no auditório da Secretaria Municipal de Saúde, no bairro Vila Margarida.

 

Calendário de vistoria (Táxi)

Final de Placa Período de Vistoria Período de Exigência
7 (sete), 6 (seis) 13 a 16 de outubro de 2015 19 a 23 de outubro de 2015
5 (cinco), 4 (quatro) 19 a 23 de outubro de 2015 26 a 30 de outubro de 2015
3 (três), 2 (dois) 26 a 30 de outubro de 2015 03 a 06 de novembro de 2015
1(um), 0 (zero) 03 a 06 de novembro de 2015 09 a 13 de novembro de 2015
9 (nove), 8 (oito) 09 a 13 de novembro de 2015 16 a 20 de novembro de 2015

 

Calendário de vistoria (Kombi e Van)

Final de Placa Período de Vistoria Período de Exigência
7 (sete), 6 (seis) 16 a 20 de novembro de 2015 23 a 27 de novembro de 2015
5 (cinco), 4 (quatro) 23 a 27 de novembro de 2015 01 a 04 de dezembro de 2015
3 (três), 2 (dois) 01 a 04 de dezembro de 2015 07 a 11 de dezembro de 2015
1(um), 0 (zero) 07 a 11 de dezembro de 2015 14 a 18 de dezembro de 2015
9 (nove), 8 (oito) 14 a 18 de novembro de 2015 21 a 30 de novembro de 2015

Fonte: Prefeitura Municipal de Itaguaí