Arquivo da tag: Júlio Andrade

Mirante do Imperador e Trilha Real da Serra da Calçada, belezas em Itaguaí

Fácil de chegar e pouco conhecida. Belezas de Itaguaí

Desbravando Itaguaí – O Blog Boca no Trombone Itaguaí, está iniciando uma série de reportagens que tem por finalidade explorar as belezas da cidade. Lugares que poucos conhecem , mas que trazem recompensas impagáveis.

Em nossa primeira parte vamos falar da Estrada Real da Serra da Calçada, localizada a 30 minutos de distância do Centro de Itaguaí. Acionando o GPS com destino final ao Mirante do imperador, você chegará até a placa da Estrada Real da Serra da Calçada. Nela um resumo da história e à esquerda de quem vem do Centro da cidade se inicia o caminho histórico.

Um lindo lugar! A trilha da Estrada Real da Serra da Calçada leva você a um caminho de pedras conhecidas como (pedras pé-de-moleque) construída por volta do ano de 1700, chegar a São Paulo do Rio de Janeiro vindo por terra era uma tarefa quase impossível, por causa da barreira natural criada pela Serra do Mar. Para que a viagem se tornasse mais rápida, o então governador Luiz Vaía Monteiro ordenou que fosse aberto um caminho através da serra de Itaguaí.

Esta calçada, que parece ter sido construída pelos Jesuítas baseados na Fazenda de Santa Cruz, foi utilizada pelo imperador D. Pedro I em 1822, por ocasião da sua viagem a São Paulo, para proclamar a independência do Brasil. Por aqui passou também o naturalista francês Auguste de Saint’Hilaire, no início do século XIX.

Seguindo a trilha que tem percurso em média de uma hora se o ponto inicial for a placa que denomina o espaço, você chega ao Mirante do Imperador. Um lugar mágico e que servia de observatório para Dom Pedro I.

De lá é possível ver toda a cidade e pode ser feito por toda a família, amigos e se torna também um passeio romântico.

Uma atração turística que deveria ser mais explorada pela cidade. Nós itaguaienses vamos para tão longe explorar trilhas e paisagens distantes e muitos não sabem as belezas que aqui temos.

A história da Estrada Real

O chamado “Caminho dos Jesuítas” ou “Estrada Real” foi uma importante via terrestre que garantiu a comunicação da cidade do Rio de Janeiro com o interior, a partir da Fazenda Santa Cruz. Por conta dos naufrágios e da pirataria constante na rota marítima, sua construção se tornou necessária. A Coroa Portuguesa resolveu construir a estrada utilizando recursos dos proprietários mais ricos da região, que foram contra. Quem também fez oposição foram os jesuítas, que pediam aos índios para atrapalharem as obras. A estrada só foi concluída após forte intervenção do governador na época.

A Estrada Real foi o eixo principal do processo de urbanização de Itaguaí. Era utilizada por tropeiros, comitivas, aventureiros e viajantes que queriam alcançar as minas de São Paulo e Minas Gerais em busca de riquezas minerais. Também era utilizada pelo Imperador Dom Pedro I para chegar até uma dessas regiões. Ele, inclusive, utilizou esse caminho quando se dirigia a São Paulo para proclamar a Independência do Brasil.

O caminho de Itaguaí em direção à trilha do ouro aparece na carta topográfica do sargento-mor, editada em 1767. O ponto culminante é o Mirante do Imperador, a 628 metros de altitude, com uma vista maravilhosa. Abaixo do mirante está a Pedra de Santo Antônio, também conhecida como “Pedra da Inscrição de Bronze”, com fragmentos dos dizeres: “Prezidência de Província 1822”.

Tem alguma sugestão de passeio ou lugar que você tenha ido e gostaria de nos contar? Participe do “Desbravando Itaguaí.” Nos envie através de nosso Whatsapp 21-99538-9923.

Impeachment é a solução para o crescimento do país?

Papo Reto com Júlio Andrade

Este domingo será um dia histórico para o Brasil.

Neste domingo a câmara dos deputados vota o relatório da comissão especial, que é favorável ao impeachment da presidente. Pedaladas fiscais, aliadas a escândalos de corrupção, podem determinar o afastamento de Dilma Rousseff da presidência da República. Se 342 dos 513 parlamentares se manifestarem a favor do processo, ele seguirá para o Senado. Caso o número não seja alcançado, o processo será arquivado.

O curioso é que boa parte dos votantes, também estão respondendo ou são acusados de diversos processos de corrupção. Ou seja, corruptos julgando outros…

O nosso país, sempre foi uma vergonha política em todas as esferas. Jamais foi reconhecido que não pelo país da malandragem e da safadeza política. Mas esses últimos acontecimentos, tem reforçado e muito essa vergonhosa tônica. Se Dilma for cassada, o vice Temmer assume. Logo ele que sempre assinou com o governo e com as possíveis irregularidades que hoje ele diz condenar. Se ele, também for afastado, pois também cai em suas costas diversas acusações, assumiria Eduardo Cunha, presidente da Câmara dos Deputados e principal articulador deste processo de impedimento da presidente. O curioso, é que Cunha é acusado de receber propina de US$ 5 milhões e responderá pela prática de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no esquema de desvio de recursos da Petrobras. Caso ele não possa assumir, temos Renam Calheiros, presidente do Senado como a terceira opção. Seria simples se este também não tivesse várias acusações contra ele em escândalos de corrupção.  Entre eles, desvios de verbas da que já foi uma das maiores empresas do mundo, a Petrobrás. Aí você fala do segundo colocado das últimas eleições, que também é acusado de receber propina nos mesmos moldes dos outros dois últimos citados, Aécio Neves. Lula? Esse também é acusado de usar verbas federais na aquisição de móveis e afins, com dinheiro de propina.

brasilia009

Moral da história, somos governados por corruptos e continuaremos sendo… A briga não deveria ser para tirar A ou B e sim para varrer de vez com esses bandidos engravatados. Novas eleições onde nenhum desses pudesse participar, seria uma possível solução imediata. Mas como vivemos no Brasil, isso é a única coisa que não vai ocorrer.

Viva à democracia que beneficia apenas políticos corruptos! Viva ao país da maracutaia e do povo medíocre que se vende em época de eleições.

Desta vez até o futebol virou piada com corrupção na CBF. Até a máxima da fuga do povo voltando às atenções para o esporte bretão, virou lenda…

VIVA AO POVO BRASILEIRO! VIVA AO PAÍS FALIDO!

Decadência do futebol Brasileiro

Crônica

Mais uma derrota da seleção Brasileira ocorreu ontem em jogo válido pelas quartas de final da Copa América 2015, realizada em Concepcion no Chile. Desta vez o algoz foi novamente o Paraguai, que já havia eliminado a seleção do Brasil na edição anterior do mesmo torneio e por coincidência também nos pênaltis.

Porém, esse jogo de ontem não foi o determinante para uma avaliação decadente do futebol do “país do futebol”. Se na década de 70, 80 e inicio de 90, tínhamos os melhores jogadores atuando por clubes nacionais, nos fins dos anos 90, os melhores jogadores já atuavam por times europeus. Apesar da queda de qualidade dentro do país, os nossos jogadores exportados, ainda faziam parte do rol dos melhores do mundo.

A partir do inicio dos anos 2000, as coisas começam a mudar e vemos jogadores indo para outros times de fora do país cada vez mais cedo. Muitos até mesmo antes de se profissionalizarem por aqui. Mesmo com a conquista do pentacampeonato, a crise já se era notada, afinal os jogadores com maiores responsabilidades nessa conquista, ainda faziam parte da safra, talvez uma das últimas de boa qualidade no país.

A CBF, sempre foi alvo de criticas e frequentemente era insinuada como uma entidade corrupta. Algo que hoje em dia, já se pode comprovar através de investigações internacionais que revelaram um esquema de corrupção na Fifa em parceria com as confederações de diversos países.

Slide3

A Lei Pelé, foi o oposto do que representou esse jogador para o país. Ela vem ao longo dos anos, decretando uma lenta falência dos grandes clubes Brasileiros. Antes, o jogador tinha o “passe” pertencente aos clubes. Hoje, após a criação dessa lei, empresários são donos de boa parte dos “melhores” jogadores daqui. Apesar de mudanças realizadas na Fifa, que impedem essa grande participação de empresários e que foi aprovada recentemente, o enraizamento desse grupo de pessoas que visam o lucro à qualquer custo, rendeu inúmeras denúncias de “convocações financeiras” de jogadores para a seleção Brasileira, deixando a técnica desses esportistas de lado e só priorizando o lucro.

Slide2

Tudo isso se reflete em campo, os maiores clubes do Brasil convivem com dividas milionárias através de anos, onde a mistura da busca pelo enriquecimento individual, usando o nome de clubes através de gestões fraudulentas e a inoperância da CBF, pois ela também visava apenas o dinheiro, deixam hoje o nosso futebol tão pobre, quanto a nossa distribuição de renda na nossa economia.

futebol

A derrota para a Alemanha em um vergonhoso 7a 1, de longe a maior derrota da história da seleção Canarinho e ainda mais sentida por ser em uma Copa do Mundo no Brasil, foi emblemática e transpareceu que o nosso futebol está cavando um buraco cada vez maior. Já podemos notar seleções de diversos cantos do mundo melhorando seus rendimentos, enquanto a nossa se afunda na lama da crise técnica e profissional.

Enquanto vivermos em busca de respostas a tantas perguntas, jovens e promissores jogadores assinam contratos milionários com clubes do exterior, e muitos destes conseguindo cidadania que não a Brasileira, para quem sabe um dia nos ensinar um pouco mais do que é perder.

Slide4

O futebol Brasileiro precisa urgentemente de boas categorias de base e conseguir formas que impeçam de perdermos tantos jovens para clubes de fora precocemente.

Crônica – Júlio Andrade