Arquivo da tag: homem

Ciep Irmã Dulce em Itaguaí sofre com atos de vandalismo

Professor é confundido com miliciano e quase é assassinado em Chaepró

O ciep 498 – Irmã Dulce localizado em Chaperó, foi vitima de vandalismo na última segunda- feira. Vândalos invadiram a unidade e quebraram uma TV que é utilizada para aulas no auditório da escola, além de danificarem impressoras e roubarem latas de tinta que são usadas para grafite num projeto que ocorre no local. Os marginais quebraram cadeiras, quadros e reviraram armários.

Não há informações dos autores do vandalismo.

Leia o texto publicado em uma perfil no Facebook que leva o nome da escola

“E triste pensar que ainda existe em nossa sociedade, pessoas capazes de roubar, depredar e vandalizar o único espaço, capaz de transformar a vida das pessoas. A ESCOLA. Pessoas que tentam tirar a oportunidade de crescimento intelectual e profissional de uma sociedade, um bairro, um município. Inadmissível, quebraram uma TV, utilizada para aulas no auditório, danificaram impressoras, roubaram latas de tinta para grafites da marca COLORGIN ARTE URBANA, que seria utilizada pelos alunos num projeto de grafite. Picharam vários ambientes, quebraram cadeiras e mesas novas de sala de aula, arrebentaram várias portas dos armários e portas de outros áreas. Picharam várias locais com palavrões. O bairro de Chaperó é um local de potencial crescimento e não podemos permitir que o espaço educacional seja desrespeitado.”

Professor é confundido com meliciano e quase é assassinado em Chaepró

No mesmo dia, um professor de outra unidade escolar que prefere não se identificar, foi parado quando atravessava de carro a linha ferrea em Chaperó. Bandidos armados ameaçavam dizendo que iriam matá-lo, alegando que ele era miliciano. Após provar que não era e suplicar por sua vida, o homem foi liberado pelos marginais.

ATENÇÃO! Todo conteúdo do blog Boca no Trombone Itaguaí se o texto for copiado deve conter a autoria da matéria. Caso contrário medidas legais podem ser adotadas.

Anúncios

Homem passa mal em frente a hospital de Itaguaí

Rapaz teve ataque epiléptico e violência da cidade fez surgir boatos de tiroteio.

Um homem passou mal em frente ao hospital Municipal São Francisco Xavier em Itaguaí. O rapaz caiu tendo ataque epiléptico e como não houve atendimento por parte do hospital o corpo de bombeiros foi acionado e socorreu a vítima que também teve auxílio policial.

Violência na cidade causou boatos de tiroteio em frente ao hospital

Devido aos constantes atos de violência na cidade, muitos pensaram ter sido um tiroteio e rapidamente se espalhou o boato. Contudo, em vários pontos da cidade houve disparos sendo ouvidos por todos os cantos no drama diário que se tornou a cidade.

 

ATENÇÃO! Todo conteúdo do blog Boca no Trombone Itaguaí se o texto for copiado deve conter a autoria da matéria. Caso contrário medidas legais podem ser adotadas.

HOMEM MORREU NO PRÓPRIO PORTÃO DE CASA EM ARRAIAL DO CABO

Homem prendeu a cabeça em seu portão quebrando o pescoço

Um guarda municipal quebrou o pescoço e morreu ao tentar abrir e ficar preso no portão de casa no distrito de Monte Alto, em Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, na manhã deste sábado (10).

Segundo a delegada Flávia Monteiro, titular da 132ª Delegacia de Polícia, o homem estava alcoolizado.

“Fizemos oitivas com testemunhas e a linha de investigação, à princípio, é de suicídio acidental”, explica a delegada.

A principal hipótese é que o guarda municipal se pendurou no portão para tentar abrir pelo lado de fora. De acordo com secretário de segurança pública do município, Márcio Galo, ele chegou à residência no início da manhã e moradores que passavam pelo local estranharam o tempo em que ele estava na mesma posição.

“Tudo indica que ele tentou abrir o portão, estava bêbado e ficou agarrado. Não conseguiu se desprender e acabou morrendo”, disse Márcio Galo.

A perícia da Polícia Civil fez a remoção do corpo, que foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Araruama.

Assista ao vídeo do momento do resgate do corpo pelos bombeiros

https://www.facebook.com/bocanotromboneitaguai/videos/838488303019585/

Créditos O Globo

Corpo de um homem é resgatado do mar da Ilha da Madeira

Moradores avistaram e bombeiros retiraram o cadáver no final da manhã de ontem 24

Bombeiros retiraram do mar da Ilha da Madeira em Itaguaí no final da manhã de ontem quarta-feira 24, o corpo de um homem que boiava no local. Alguns moradores assim que avistaram o cadáver acionaram o corpo de bombeiros.

O corpo é de um homem que aparenta ter entre 25 a 35 anos. As tatuagens podem ajudar na identificação. Há relatos de que a família já foi encontrada, no entanto ainda não foi divulgado o nome da vítima. A divisão de homicídios está investigando o caso.

Homem tenta suicídio por amor não correspondido em Seropédica

Nesta segunda-feira (13), um homem conhecido por Juliano, colocou gasolina no próprio corpo e ateou fogo, em frente a Galeria do Km 50, em Seropédica. Segundo ele próprio fala no vídeo em anexo, que não queria mais viver, porque a pessoa que ele amava não queria mais saber dele.

Juliano teve 90% de seu corpo queimado, ficou agonizando por uns 20 minutos até a chegada da Ambulância do Samu. O Técnico de Enfermagem Adilson Rosário Junior e o condutor do Samu José Carlos Matias, fizeram o primeiro socorro e o encaminharam ao Hospital Pedro II em Santa Cruz, onde se encontra em estado grave.

Fonte: Seropédica online

Polícia investiga morte de homem no Arco Metropolitano

O crime teria acontecido na última quarta-feira (24)

 

A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga a morte de Alexandre Maia e Chaves, de 52 anos, ocorrida na tarde da última
quinta-feira (24), no Arco Metropolitano, em Seropédica.

Segundo informações da Polícia Civil, a vítima conduzia seu veículo pela rodovia quando um outro carro emparelhou com o seu e um dos ocupantes, armado,
ordenou que parasse. Após a parada, o criminoso se aproximou e, quando Alexandre fez menção de sair do carro, foi atingido por tiros. Os assassinos fugiram em
seguida.

A DHBF realizou perícia no local do crime e faz diligências para esclarecer os motivos e os autores do homicídio. Familiares de Alexandre postaram
mensagens de luto nas redes sociais para homenageá-lo. Uma irmã da vítima escreveu que sua família nunca mais será a mesma. Amigos também dedicaram
palavras para se despedir de Alexandre no Facebook.

Fonte: Jornal Atual

 

Preso PM que atirou em sargento da Marinha em shopping de Campo Grande

Autor dos disparos se apresentou ao Quartel General do Rio. Ele e a vítima discutiram por conta de cadeiras em praça de alimentação nesta quarta

Foi preso administrativamente na manhã desta quinta-feira o policial militar que atirou em um sargento da Marinha durante uma discussão na praça de alimentação do Shopping Park, em Campo Grande, Zona Oeste, na noite de quarta-feira. Segundo do delegado Fábio Souza, da 35ª DP (Campo Grande), o PM Robson Rodrigues Alves, lotado no 14º BPM (Bangu), apresentou-se ao Quartel General do Rio pela manhã.

O policial trabalha há 19 anos na corporação e desde o início do ano estava encarregado de serviço interno porque estava em tratamento psiquiátrico. Ele deve ser transferido para o Batalhão Especial Prisional (BEP) nos próximos dias. O veículo do PM e a pistola calibre 380 usada no crime foram apreendidos.

O crime ocorreu por volta das 20h30 desta quarta-feira na praça de alimentação do ParkShopping, em Campo Grande. O sargento da Marinha Jonathan Macedo Rodrigues e o PM discutiram por causa de uma mesa.

O sargento foi atingido por três tiros, na perna, barriga e braço, e na confusão, o outro homem fugiu. Policiais do 40º BPM (Campo Grande) foram acionados para o local. O caso está sendo investigado pela 35ª DP (Campo Grande).

Vítima foi levada para o Rocha Faria

O sargento baleado foi socorrido e levado para Hospital Municipal Rocha Faria e em seguida transferido para o Hospital Naval Marcílio Dias. Na noite desta quarta-feira, seu estado de saúde era estável e ainda não há atualização sobre o mesmo.

 

No momento da briga e dos disparou o shopping estava cheio por causa do feriado do Dia das Crianças. Houve um grande tumulto Segundo relatos, as pessoas se esconderam em lojas e alguns clientes chegaram a passar mal.

 

Nas redes sociais, muitos disseram ter ficado aterrorizados. “Nunca vi isso aqui, foi horrível. Todos tiveram que sair do shopping”, contou uma das moradoras de Campo Grande que estava no shopping. “Foi assustador”, reforçou outro.

 

O ParkShopping Campo Grande informou que lamenta o ocorrido e está prestando assistência aos familiares.

Fonte: O Dia