Arquivo da tag: Expresso Mangaratiba

Empresa Expresso Mangaratiba esta proibida de operar linhas à partir de 08 de abril

Carros serão apreendidos e Detro dará baixa em toda a frota

Conforme determinação do Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) publicada nesta sexta-feira (31/03), no Diário Oficial, a Expresso Mangaratiba sofrerá intervenção total, a partir de 0h do dia 08 de abril. A decisão visa garantir o pleno atendimento aos usuários das linhas operadas pela empresa, considerando a regularidade, qualidade, continuidade e segurança do serviço.

 A partir do próximo dia 08, as linhas passam a ser operadas, em caráter emergencial pelas empresas Expresso Real Rio, Expresso Recreio e Auto Viação Reginas. A Expresso Mangaratiba deixará de operar os seguintes trajetos: 426P Cesarão – Itaguaí (SA), 427P Itaguaí – Santa Cruz (via Codin) (SA), 430P Chaperó – Santa Cruz (SA), 458S Campo Grande – Itaguaí (via Av. Brasil/BR-101) (SA), 459S Campo Grande – Mangaratiba (via Av. Brasil/BR-101) (SA), 121T Duque de Caxias – Mangaratiba (via Campo Grande/Estrada do Campinho) (SA), 119T Duque de Caxias – Itaguaí (via Bangu/Campo Grande) (SA), 428P Campo Grande – Itaguaí (via Estrada do Campinho) (SA), 122T Itaguaí – Mangaratiba (SA), 1900T Conceição de Jacareí – Duque de Caxias (via Campo Grande/BR-101) (A), 1901T Conceição de Jacareí – Duque de Caxias (A), 1902S Campo Grande – Conceição de Jacareí (A), 1903S Conceição de Jacareí – Itaguaí (A), 457U Conceição de Jacareí – Itaguaí (via Mangaratiba) (SAC), 570P Itaguaí – Marechal Hermes (SA), 573P Campo Grande – Itaguaí  (SA) e 590I Itaguaí – Nono (via Caçador) (SA).

 A empresa já tinha sofrido intervenção parcial de cinco linhas em janeiro deste ano. Desde então, o Detro vem acompanhando a operação dos demais trajetos. Além do grande número de reclamações recebidas pela ouvidoria, referentes aos serviços prestados pela Expresso Mangaratiba, o Detro constatou que a empresa não possui frota em condições de atender adequadamente à população, além de não ter demonstrado regularidade fiscal, trabalhista e previdenciária. A intervenção tem validade de 365 dias. Durante este prazo, se a Expresso Mangaratiba regularizar sua situação, a decisão poderá ser reavaliada.

Vários prazos foram dados, mas a viação não obedeceu as mínimas exigências de operação. Ônibus sucateados, problemas trabalhistas e previdenciários, além de documentação irregular, foram os motivos pelo fim da operação. As novas empresas que assumirão as linhas, terão um ano de permissão para operar e poderão participar do processo licitatório e serem selecionadas para a extensão de uso após a conclusão de processo licitatório para a seleção de futuras concessionárias.

Veja as linhas e as novas empresas de operação:

 

Expresso Recreio
458S – Campo Grande x Itaguaí (via Palmares)
459S – Campo Grande x Mangaratiba (via Palmares)
122T – Itaguaí x Mangaratiba
1902S – Campo Grande x Jacareí
1903S – Itaguaí x Jacareí
457U – Itaguaí x Jacarei (via Mangaratiba)
590I – Itaguaí x Nono (via Caçador)

 

Auto Viação Reginas
121T – Caxias x Mangaratiba (via Estr Campinho)
119T – Caxias x Itaguaí (via Bangu/Cpo Grande)
1900T – Caxias x Jacareí (via Cpo Grande)
1901T – Caxias x Jacareí (Direto)
570P – Itaguaí x Marechal Hermes

 

Real Rio
426P – Cesarão x Itaguaí
427P – Santa Cruz x Itaguaí (via Codin)
430P – Santa Cruz x Chaperó
428P – Campo Grande x Itaguaí (via Estr do Campinho)
573P – Campo Grande x Itaguaí (via Cesário de Melo)

 

Os valores das tarifas permanecem os mesmos fixados no começo do ano.

Leia a Portaria:

 

 

Saiba o que é dar baixa no veiculo:

É o processo de exclusão da Base de Dados do DETRAN-RJ e da Base Índice Nacional (BIN) do Registro Nacional de Veículos Automotores (RENAVAM) do registro de um veículo retirado de circulação nas seguintes situações: irrecuperável, definitivamente desmontado, sinistrado com laudo de perda total e vendido ou leiloado como sucata.

 

Veja mais:

https://bocanotromboneitaguai.com/2017/01/19/empresa-expresso-mangaratiba-esta-impedida-pelo-mprj-de-operar-em-5-linhas/

Ônibus da Expresso Mangaratiba tomba próximo ao túnel de Muriqui.

Um ônibus da empresa Expresso Mangaratiba, tombou na tarde de ontem sábado (08/08), próximo a entrada de um túnel antes de Muriqui. O ônibus tombou entre o canto da pista e uma declínio próximo a vegetação que beira o trecho da via. Os passageiros saíram pela janela e tiveram escoriações.  Ainda não se sabe a causa do acidente.

 

Foto: Leandro Martins

Passageira registra o péssimo estado de um ônibus em Mangaratiba

Não é de hoje que a empresa Expresso Mangaratiba, é alvo de denúncias de péssimas condições de estado de seus veículos. Muitos relatos chegam frequentemente com fotos e vídeos que comprovam o total desrespeito da empresa com seus clientes.

Slide3

Em um vídeo postado nas redes sociais, a passageira Elisabeth Barreira de Oliveira, mostra um ônibus da empresa que fazia o trajeto em direção a Itacuruça, com pneu furado e totalmente careca.

Passageiros que estavam indo para o trabalho, foram obrigados a esperar um novo veiculo da empresa. No vídeo se pode notar claramente que o pneu está em um estado de deterioração grave.

Slide2

Vários incidentes e acidentes se acumulam na vida da Expresso Mangaratiba, dentre eles ônibus com problemas nos freios, sem acesso para cadeirantes, uma porta apenas servindo de entrada e saída, o que dificulta em casos emergenciais, ônibus sucateados e com letreiros escritos com caneta piloto, onde deveriam existir letreiros luminosos entre vários outros.

Note o pneu careca

Note o pneu careca

Como se não bastasse esses problemas, a empresa que tem o monopólio em Mangaratiba e atende a 70% das linhas em Itaguaí, não tem uma frota suficiente para a demanda e passageiros ficam mais de uma hora esperando ônibus para determinados itinerários, como é o caso do trajeto de Itaguaí / Santa Cruz. O que mais chama atenção, é que o DETRO, (Departamento de transportes rodoviários do estado do Rio de Janeiro), não multa a empresa. Pelo contrário, multa quem tenta concorrer com ela, como é o caso das vans e kombis. Esses transportes alternativos, não existem mais de forma legal para atender o trajeto de Itaguaí a Campo Grande e de Santa Cruz a Itaguaí como existia no passado, graças a uma ordem desse órgão fiscalizador. Vale lembrar que as vans tinham notadamente condições infinitamente melhores que muitos ônibus sucateados da empresa em questão.

ESTAMOS DE OLHO

 

SE VOCÊ TEM ALGUM VÍDEO, FOTO OU QUEIRA NOS ENVIAR QUALQUER DOCUMENTO, MANDE ATRAVÉS DE NOSSO WHATSAPP.

Whatsapp