Arquivo da tag: enquete

Internautas classificam como péssima a gestão de Charlinho em Itaguaí

A maior rejeição da história em enquetes feita pelo Boca. Ela foi realizada de  agosto a dezembro de 2019 no grupo BOCA NO TROMBONE ITAGUAÍ no Facebook, a esmagadora maioria acha péssima a gestão do atual prefeito da cidade

O Boca no Trombone Itaguaí através de seu grupo de mesmo nome no Facebook realizou uma enquete que teve inicio em agosto. Nela se perguntava como está sendo a administração de Carlo Busatto Júnior, o Charlinho (MDB),atual prefeito da cidade. As opções  eram excelente, boa, regular, ruim ou péssima.

Dos 531 que votaram, 468 pessoas, 88% do total, classificaram como péssima a gestão do atual prefeito. Para 26 pessoas, 5 %, a gestão é ruim, outras 26 do total, 5%, acham boa, já para os que acham a gestão excelente ou regular, foram 6 e 5 votos respectivamente, totalizando 1% do total cada.

PÉSSIMA 88%

RUIM 5%

BOA 5%

REGULAR 1%

EXCELENTE 1%

REJEIÇÃO 93%

Com a soma da classificação péssima e ruim, Charlinho obteve incríveis 93% de rejeição entre os internautas que participaram da enquete. Tal percentual é ainda maior se compararmos a outras enquetes sobre a administração dele e outros prefeitos.

REJEIÇÃO 93%

 

Em 2018 o Boca realizou uma enquete para avaliar a gestão do mesmo Charlinho. Na época em nosso grupo o perncentual de reprovação foi de 91% e em outra enquete em nosso blog o índice foi de 88%. Clique na foto e reveja a matéria.

 

Comparação com antecessor

Se a comparação com o governo de Weslei Pereira for feita, os números são ainda maiores. Weslei quando avaliado teve 49% de rejeição quase metade da rejeição obtida pelo atual gestor de Itaguaí. Clique na foto e reveja a matéria.

 

Gestão fraca e inclinada a falta de transparência

Desde que assumiu a prefeitura da cidade, Charlinho tem tido graves problemas na condução de sua gestão. Apesar do rombo milionário deixado por seu antecessor, as verbas que a cidade recebeu de 2017 para cá já deixariam um cenário mais positivo. O atual prefeito não consegue equlibrar as finanças da cidade, mesmo tendo cortado direitos dos servidores públicos de forma arbitrária. Entre cortes de direitos e não repasse sequer do índice inflacionário, a redução e perdas giram em torno de 50%. Na contramão o número de comissionados aumentou desde que assumiu o governo conforme mostra o portal da transparência.

 

O atual prefeito tem verbas não usadas e sem explicações sobre elas retidas de forma proposital como demonstra balancetes divulgados por vários vereadores, enquanto isso a cidade enfrenta graves problemas na saúde e educação. Charlinho além de dezenas de processos criminais e administrativos, enfrenta a quarta CPI na Câmara dos vereadores, dessa vez por nepotismo, o que poderia justificar o alto número de comissionados atuando em seu governo.

Nas ruas a reprovação é assustadora. Charlinho hoje tem a gestão menos popular se comparada as suas anteriores e as de outros prefeitos.

O Boca no Trombone Itaguaí lembra que a enquete é meramente consultiva, não tendo a abrangência de toda a cidade e nem registro em qualquer instituto de pesquisa.

Internautas avaliam como péssima a gestão de Charlinho em Itaguaí

91% dos internautas do grupo BOCA NO TROMBONE ITAGUAÍ avaliaram como péssima a gestão do atual prefeito, enquanto no blog Boca no Trombone Itaguaí a porcentagem foi de 73%

O BOCA NO TROMBONE ITAGUAÍ iniciou uma enquete no dia 03 de fevereiro em que perguntava aos internautas como eles avaliam a atual administração municipal. Tal enquete elaborada no grupo BOCA NO TROMBONE ITAGUAÍ no Facebook e no Blog Boca no Trombone Itaguaí, dava aos internautas seis opções de escolha,  excelente, muito bom, bom, regular, ruim, muito ruim ou péssimo.

Em nosso grupo no Facebook 91% dos internautas avaliaram como péssima a atual gestão de Carlo Busatto (MDB), 4% acham regular, 2% classificaram como excelente, 1,5% como ruim, enquanto 1% acham boa a administração e os outros 0,5% muito bom ou muito ruim.

Já em nosso blog a rejeição foi de 73% que classificaram como péssima a condução por parte de Charlinho.

Veja abaixo todos os números percentuais.

A cidade de Itaguaí vive grave crise na saúde, educação e segurança. Sua população sofre para ter o essencial e diariamente graves problemas são relatados.

 

Enquete de Fátima Bernardes causa revolta entre policiais

Apresentadora é alvo de críticas por promover enquete sobre quem deveria ser socorrido primeiro, se policial ou traficante mais gravemente ferido

Uma enquete realizada pelo Encontro com Fátima Bernardes na última quinta-feira suscitou uma polêmica que só fez crescer nas redes sociais neste fim de semana. Motivado pela estreia de Sob Pressão, filme de Andrucha Waddington sobre um médico do sistema público que se vê obrigado a decidir quem vai atender primeiro — e por isso, muitas vezes, quem irá salvar –, o programa quis saber, de seus convidados, quem eles socorreriam antes, se um policial ferido ou um traficante com risco de morte.  No longa, há uma cena em que o médico, vivido por Julio Andrade, precisa tomar essa decisão. Os convidados do programa, Andrade entre eles, escolheram atender primeiro o criminoso. Fátima Bernardes vem sofrendo críticas e ataques de autores identificados como policiais ou simpatizantes da classe, que inundam a internet com críticas ao resultado da enquete.

Neste domingo, o deputado Jair Bolsonaro se lançou ao ataque à apresentadora Fátima Bernardes, jogando álcool na discussão. “Como chegamos a esse estado de coisas?”, questiona Bolsonaro em um vídeo publicado neste d0mingo na internet, referindo-se à morte de policiais de um helicóptero que teria sido abatido pelo crime organizado na favela Cidade de Deus, no Rio, no sábado — ainda não está clara qual a causa da queda da aeronave, porém. Em seguida, ele cita o Encontro com Fátima Bernardes entre as razões para o “estado de coisas” que menciona. “Os motivos, podemos identificar alguns”, diz. “Uma mídia completamente parcial, haja visto a questão agora de Fátima Bernardes, que prefere conduzir o seu programa dando mais atenção a um traficante ferido do que a um policial, um herói a serviço nosso nas ruas.”

O site oficial do programa também tem sido alvo de críticas. Em um texto sobre o ator Stepan Nercessian, que socorreu o pai de Fátima após uma queda na rua, um espectador perguntou. “Se, além do pai de Fátima Bernardes, houvesse um traficante gravemente ferido. Quem ele deveria salvar primeiro?” Outro imagina uma história que envolve os filhos da apresentadora: “Fátima Bernardes e os trigêmeos são sequestrados no carro da família, na fuga o sequestrador bate o carro e fica gravemente ferido, Fátima e o gêmeos ficam levemente feridos! Os policiais chegam no local quem eles devem socorrer primeiro? Mãe Fátima e seus filhos ou o bandido gravemente ferido?”

slide8Convidados do ‘Encontro com Fátima Bernardes’ escolhem socorrer primeiro o traficante, mais gravemente ferido

Deputado Jair Bolsonaro fez criticas a enquete do programa

Em nota, Globo defende Fátima Bernardes: ‘Tem enaltecido PMs’

Em comunicado, emissora também procura ressaltar que programa ‘sempre preza pelo respeito a todos’

Imersa em uma intensa polêmica nas redes sociais por ter promovido uma enquete em seu programa sobre quem deveria ser socorrido primeiro em um caso de emergência, se um policial ou um traficante mais gravemente ferido, a apresentadora Fátima Bernardes teve o seu programa defendido pela Globo na tarde desta segunda-feira. Procurada pelo site de VEJA, a comunicação da emissora enviou um texto em que afirma que o Encontro com Fátima Bernardes “preza sempre pelo respeito a todos”. A enquete foi realizada na última quinta-feira, data da estreia de Sob Pressão, longa-metragem de Andrucha Waddington sobre um médico que se vê com dilemas como o levantado pela atração.

Fonte: Revista Veja

Em nosso blog, maioria desaprova cancelamento da Expo Itaguaí 2016, já em nossos canais do Facebook, o resultado é favorável ao governo

ENQUETE

Expo Itaguaí, a festa que sempre foi o maior acontecimento da cidade, foi polemizada com seu cancelamento no ano de 2016 pelo atual governo do prefeito Weslei Pereira (PSB). Tal cancelamento, único aliás desde a criação do evento em 1.993, gerou grande repercussão nas mídias sociais e por todos os cantos da cidade de Itaguaí. Segundo a prefeitura, a não realização do evento, foi devido a grande crise que assola o país e que atingiu a cidade. Ainda em nota, o governo atribuiu a ação, a priorização das obras de revitalização do Centro da cidade e da necessidade de honrar o pagamento dos servidores municipais.

Com isso, o Boca no Trombone Itaguaí, resolveu perguntar a população se a decisão do governo estava certa ou não.

Slide3

Em nosso blog, quase 60% dos internautas reprovaram a atitude do prefeito. Já em nossos canais no Facebook, a página e o grupo, o resultado foi bem apertado à favor do cancelamento do evento.

ENQUETE   1

Tudo isso serviu para mostrar, que a atitude do governo de fato, será aprovada ou reprovada daqui a alguns meses, em especial nas urnas da cidade em outubro.

Em enquete, internautas pedem o Impeachment de Dilma Rousseff

Através de enquete em nosso blog e grupo no Facebook, os internautas puderam opinar dizendo se eram à favor ou contra o Impedimento de Dilma Rousseff.

No blog  66.67%  dizem ser à favor do impedimento, enquanto  33.33%  disseram que não aprovam o Impeachment.

Já no grupo do BOCA NO TROMBONE no Facebook, foram 28% contra e 72% à favor da cassação da atual presidente.

enquete

Enquete revela a intenção de eleitores para as eleições de Conselheiro Tutelar em Itaguaí, veja o resultado

Realizamos uma enquete nesta última semana que antecede as eleições para o Conselho Tutelar em Itaguaí e perguntamos em quem as pessoas votariam.

Veja os resultados:

19 – MARCELO PRAXEDES  37.8% 

41- PASTORA VIVIANE GARRAT  20.57% 

31- FABINHO TACIANO  10.05% 

06 – PROFESSOR ADRIANO  8.13% 

04 – BÁRBARA ÁVILA (BABI)  4.78% 

07- SIDNEY PERRIER  3.35% 

35- MARIA JOSÉ DESBRAVADORA  3.35% 

26- PROFESSORA VANIA  1.91% 

42- SILVANI SUZANO BARBOSA MOURA  1.91% 

34- CARLOS DELGADO  1.44% 

03- SILENE DA SAÚDE  0.96% 

14- PASTOR JOÃO  0.96% 

10- TUNINHO DO FÓRUM  0.48% 

11- DRª ANA CLÁUDIA PEREIRA  0.48% 

12- CLAUDINHO GARÇOM  0.48% 

15- INSPETORA ELIANE  0.48% 

23- PROFESSORA PAULINA  0.48% 

32- MARYNILZA DIAS CARNEIRO  0.48% 

36- ANA CARLA EVANGELISTA  0.48% 

39- WASHINGTON LUIS KIRK  0.48% 

40- ROSANA FERREIRA  0.48% 

43- SUELEN CARVALHO DOS REIS  0.47% 

Os candidatos aqui não mencionados não receberam votos. Essa é apenas uma pesquisa e que não interfere no resultado oficial das eleições que ocorrem no próximo dia 04 de outubro. Votaram 850 pessoas de 26 de setembro a 02 de outubro.

WEWE

Confira a lista dos locais de votação:

CIEP 300 Munic. Pref. Vicente Cicarino

CIEP 496 Munic. Maestro Francisco Mignone

E.M. Antônio Tupinambá

E.M. Padre Rafael Scarfó

E.M. Elmo Batista Coelho

E.M. Vereador Américo Rodrigues de Amorim

E.M. Profa Maria Guilhermina de Souza Freire

E.M. Fusao Fukamati

E.M. Coronel Alziro Santiago

E.M. Amauri Ferreira

E.M. das Acacias

E.M. Jorge Abraao

E.M. Severino Salustiano de Farias

Piranema Atlético Clube

As eleições ocorrem no domingo das 8h às 17h e serão eleitos 5 conselheiros mais 5 suplentes.

 

Índice de popularidade, prefeito Weslei Pereira foi avaliado por internautas, veja o resultado

Fizemos uma pesquisa que teve seu inicio no dia 13 de setembro e que se encerrou hoje dia 26 nas primeiras horas da manhã.

Indo para o 6º mês de governo, chegou a hora de você avaliar o mandato do atual prefeito de Itaguaí Weslei Pereira.  O governo de Weslei Pereira está sendo:

Muito bom, bom, regular, ruim ou péssimo? A mesma pergunta feita no blog também foi feita no grupo BOCA NO TROMBONE no Facebook.

A maioria respondeu que o governo do atual prefeito é péssimo com 38% dos votos, outros 22% disseram que o governo é bom, 20% regular, 11% ruim, e disseram que o governo é  muito bom 9% dos internautas.

Essa avaliação é um termômetro do que pensa os Itaguaienses. Sérios problemas continuam ocorrendo em Itaguaí e a atual gestão não tem conseguido êxito em várias situações, tanto nas complexas como nas mais simples também.

Esperamos que o governo da cidade, não comece a trilhar um caminho de gestões fracassadas como ocorreu na do ex prefeito Luciano Mota. Ainda há tempo, pouco mas ainda há. Ou se confirma o que fora prometido, ou se afunda de vez na contramão de qualquer avanço.