Arquivo da tag: criminoso

Polícia prende chefe do tráfico do Carvão dentro de hospital, ele estava foragido

Policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos de Autos (DRFA), prenderam na última terça – feira (25/04), o chefe do tráfico do bairro Carvão em Itaguaí conhecido como Lelê. Leandro da Silva Soares, estava foragido. Os policiais quando chegaram ao local, foram recebidos a tiros pelo criminoso. O bandido foi atingido na região da canela, ainda assim conseguiu correr para trás de uma casa, tendo seu comparsa empreendido fuga, deixando cair um rádio comunicador. Lelê, conseguiu fugir, mas deixou cair a pistola que estava portando, da marca GLOCK, modelo 19, calibre 9mm, a qual estava municiada com 04 (quatro) munições, sendo certo que o carregador da pistola tem capacidade para 15 (quinze) munições. Ainda, foi arrecadado na casa mais 01 (um) rádio comunicador, 01 (uma) capa de colete a prova de bala, 01 (um) carregador de fuzil M-16, municiado com 27 (vinte e sete) munições, 01 (um) telefone celular e 01 (um) caderno de capa dura na cor azul, contendo contabilidade do tráfico.

Posteriormente, os policiais foram avisados pela delegacia de Itaguaí, que o criminoso tinha dado entrada no hospital São Francisco Xavier. Leandro já se encontrava acautelado em razão do cumprimento de Mandado de Prisão Preventiva, expedido pelo juízo da Vara Criminal de Itaguaí, nos autos do processo 0011114-97.2016.8.19.0024, como incurso nas penas do Art. 33 da Lei 11343/06 (tráfico de drogas).

 

Por fim, foi realizada a lavratura do auto de prisão em flagrante

Operação da PF prende família do criminoso que chefiava tráfico em Santa Cruz

A Polícia Federal deflagrou na última quinta-feira, a Operação Velgax para desarticular quadrilha que permanecia atuando no tráfico de armas, drogas e lavagem de dinheiro, mesmo com os seus líderes tendo sido presos pela PF há menos de dois meses. Foram cumpridos cinco mandados de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão. Participam da ação 30 policiais federais. Houve ainda a prisão em flagrante de um homem portando uma pistola e a apreensão de dois veículos.

Em outubro último, a Polícia Federal e o Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar – BOPE prenderam em Nova Iguaçu/RJ na Baixada Fluminense, os traficantes Cláudio Aurélio Conceição da Silva, conhecido como “Ben 10” e Leonardo Barbosa da Silva, o “Léo do Aço”. Com eles, foram apreendidos 04 fuzis. Na ocasião, “Ben 10” chefiava o tráfico na Favela do Rodo, repassada a ele por “Léo do Aço” que permanecia à frente da Favela de Antares.

Dando continuidade à investigação, a Delegacia de Repressão a Crimes contra o Patrimônio da Polícia Federal (DELEPAT) concluiu que o traficante “Ben 10” se utilizava da sua família para lavar o dinheiro obtido com as atividades criminosas, principalmente adquirindo imóveis e bens. Hoje, foram presos a sua esposa, o seu cunhado e a sua sogra.

Apurou-se ainda que policiais militares receberiam propina para avisar aos traficantes da facção de “Leo do Aço” e “Ben 10” sobre operações do BOPE que poderiam acontecer na região. Essa informação foi encaminhada à PMERJ.

“Ben 10” e “Léo do Aço”, que já estão presos no Presídio Bangu 3, também tiveram suas prisões preventivas decretadas.  Foram cumpridos, com apoio de agentes da Inteligência da SEAP, mandados de busca e apreensão em suas celas.

A PF ratifica que possui dados concretos sobre a participação de Cláudio Aurélio Conceição da Silva, “Ben 10”, na morte do casal cuja criança foi encontrada em um terminal do BRT em Santa Cruz e que, como é praxe entre os órgãos de segurança, tais informações serão repassadas à Polícia Civil hoje.

Os presos responderão por lavagem de dinheiro e associação para o tráfico. As penas podem chegar a 20 anos de reclusão. O homem detido será encaminhado ao Presídio Ary Franco e as mulheres ao Presídio Nelson Hungria.

O nome da operação – VILGAX – faz referência ao apelido do maior inimigo de Ben 10, herói infantil dos desenhos animados.

Fonte: JB