Arquivo da tag: Conselho Tutelar

Veja o resultado oficial da eleição para conselheiro tutelar de Itaguaí

Conselheiros atuarão no mandato 2020/2023, sendo os 5 primeiros os titulares. Publicação sairá amanhã no Jornal Oficial do município de Itaguaí

EXCLUSIVO

O Conselho Municipal dos direitos da criança e do adolescente (CMDCA) de Itaguaí, que realizou a eleição para a escolha dos novos membros do Conselho Tutelar de Itaguaí, divulga o resultado oficial das eleições.

RESOLUÇÃO CMDCA Nº 037 08 DE OUTUBRO DE 2019.

O CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE de Itaguaí, via Comissão Especial para Elaboração do Edital do Processo de Escolha dos Membros do Conselho Tutelar mandato 2020/2023, no uso das atribuições que lhe conferem:

RESOLVE:

ARTIGO 1º – Divulgar o resultado da votação eleitoral dos candidatos do Processo de Escolha Unificado dos Membros do Conselho Tutelar, mandato 2020/2023 que ocorreu no dia 06 de outubro de 2019 no município de Itaguaí;

ARTIGO 2º – A listagem seguirá por ordem do primeiro ao último colocado, a saber:

1º – Vanessa Teixeira de Almeida;

2º – Cintia Aparecida de S.S. Silva;

3º – Bárbara Adila de Ávila;

4º – Marcelo Ribeiro Praxedes;

5º – Jéssica A. de F. R. C. de Paula;

6º – Ana Carla R. de Sá Evangelista;

7º – Nilzete Regina S P. Assumpção;

8º – Sonia da Silveira Guimarães;

9º – Willian Silva da Conceição;

10º- Maria Helena de O. Paloquine;

11º- Ana Paula de Almeida Pereira;

12º- Rosana Cardoso Ferreira;

13º- Eliane Silva de Oliveira Lopes;

14º- Fernanda Duarte de Freitas;

15º- Maria Dilma Acioli de Souza;

16º- Elisângela Florêncio de Jesus;

ARTIGO 3º – Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação.

𝑵𝒆𝒍𝒖𝒄𝒊𝒂 𝑪𝒐𝒆𝒍𝒉𝒐 𝒅𝒂 𝑪𝒐𝒔𝒕𝒂 𝑺𝒊𝒍𝒗𝒂
𝑷𝒓𝒆𝒔𝒊𝒅𝒆𝒏𝒕𝒆 𝑪𝑴𝑫𝑪𝑨 𝒅𝒆 𝑰𝒕𝒂𝒈𝒖𝒂í

Os cinco primeiros já atuarão como conselheiros, tendo a suplência constituída pelos classificados da sexta à décima colocação conforme a ordem do resultado das eleições. Lembrando que ainda há riscos de impugnição em denúncias que ainda estão sendo verificadas pela justiça.

A publicação do resultado acontece amanhã no Jornal Oficial do município e os candidatos eleitos tomam posse em 10 de janeiro.

EDITAL

O blog Boca no Trombone Itaguaí zela por seu material de atuação e solicita que qualquer reprodução de seu conteúdo seja dado o seu devido crédito.

Anúncios

Ministério Público  recebe mais de cem denúncias de irregularidades em eleições para Conselho Tutelar em todo o Estado

Boca de urna e vários eleitores sem conseguir votar. Sete candidaturas foram impugnadas e outras podem ocorrer

O Ministério Público do Rio de Janerio recebeu pelo menos 124 denúncias durante todo o dia de irregularidades de candidatos às eleições do Conselho Tutelar no estado, destas, 58 na capital Fluminense, e 51 no interior. Além de acusações de bocas de urna, propaganda irregular, também foram registradas denúncias de eleitores que não conseguiram votar em suas seções eleitorais. Até o fim da tarde, na capital, o MPRJ representou pela impugnação de sete candidatos da capital carioca. Outras ainda podem acontecer.

Segundo a promotora Rosana Cipriano, titula da 1ª Promotoria da Justiça da Infância e da Juventude da Capital, todas as denúncias serão apuradas e se houver provas o MPRJ representará pela impugnação das candidaturas.
— A maior parte das denúncias recebidas pelo MP são intercorrências relacionadas à falta de acesso às urnas ou seções corretas por desconhecimento das alocações das seções eleitorais e da data de corte fixado pelo TRE para atualização do domicílio eleitoral para estas eleições específicas. Irregularidades como boca de urna, transporte ilegal de eleitores, compra de votos ou distribuição de cestas básicas estão sendo apurados pelo MP a partir de denúncias recebidas pela Ouvidoria e algumas foram objeto de verificação no local da denúncia por parte dos promotores.

Medidas de impugnação podem ser adotadas para a perda do cargo, caso o candidato seja eleito. A impugnação pode ser administrativa perante o CMDCA a partir do auto de constatação ou através de ação civil pública após investigação — explicou a promotora.

Segundo ela, nos casos de queixas de eleitores que se sentiram lesados por não conseguir votar, o MPRJ irá analisar para saber se houve erro da comissão eleitoral.
— Se for comprovado que o eleitor estava regularizado com seu título regularizado em data anterior a 1º de julho, e ainda assim seu nome não constava nas urnas, o caso será analisado.

Segundo a promotora, no caso do município do Rio, como são 19 conselhos tutelares, o processo eleitoral funciona como se fossem 19 eleições no município.
O presidente do Conselho Municipal dos Direitos de Criança e do Adolescente, Carlos Roberto Laudelino afirmou que, caso seja comprovado que algum eleitor deixou de votar por erro na inseminação das urnas, a eleição no conselho onde houve acontecido o problema poderá ser anulada e refeita:
— Nós temos algumas denúncias de eleitores que se dizem em situação regular com o TRE-RJ, mas que não conseguiram votar porque seus títulos não estavam cadastrados nas urnas. Estamos apurando isto.

Segundo o CMDCA, as eleições para conselheiro tutelar mandato 2020 a 2023, foram encerradas às 17h. As urnas seguiram para apuração no Centro de Convenções SulAmérica, com horário previsto para início às 19h. Quanto à finalização da contagem de votos, não há previsão de horário.Nesta etapa, no município do Rio, concorrem 468 pessoas, divididas em 19 Conselhos Tutelares. Ao todo, serão eleitos por voto popular 190 conselheiros, sendo 95 titulares e 95 suplentes.

A eleição mobilizou cerca de quatro mil pessoas que trabalharam para viabilizar o pleito. Os postos de votação chegaram a 233 locais, que agregaram 1.143 urnas. Os apoiadores e parceiros no processo foram Prefeitura do Rio, TRE, CET-Rio, Guarda-municipal, OAB, Secretaria Municipal de Educação, Zonas eleitorais do município do Rio.
O resultado da apuração deve ser divulgado nas primeiras horas deste segunda-feira, ainda pela madrugada.

Fonte Jornal Extra

Conselho Tutelar de Itaguaí vai ganhar nova sede

Local estratégico pretende garantir eficiência no serviço prestado

A nova sede do Conselho Tutelar de Itaguaí será inaugurada na terça-feira (31/5), às 14h, na Rua Moisés Abrahão, nº 134, nas proximidades da Caixa Econômica Federal, no Centro. A medida tem por finalidade prezar pela eficiência no atendimento, permitindo o aprimoramento do trabalho do conselho.

Para a presidente da instituição, Bárbara Adila de Ávila, o órgão deliberativo poderá aprimorar o atendimento aos jovens de 18 anos incompletos.

– A nova sede é um local de fácil acesso e vai facilitar o atendimento a quem precisa do trabalho. Agora, por meio da setorização do serviço, poderemos agilizar as ações e aprimorar a eficiência do atendimento – disse a presidente, Bárbara Adila de Ávila.

Já para o prefeito Weslei Pereira, o trabalho dos conselheiros tutelares é muito importante, pois garante os direitos da criança e do adolescente.

– Os conselheiros trabalham arduamente para ajudar as crianças e os adolescentes que foram ameaçados ou que tiveram seus direitos violados. Por isso, a Prefeitura busca fortalecer este trabalho na cidade que é de grande relevância – destaca o prefeito.

Em 10 de janeiro, houve uma cerimônia no gabinete do prefeito Weslei Pereira para empossar os novos conselheiros eleitos. São eles: Viviane Garrat (vice-presidente) e Marcelo Praxedes, Silvani Suzano e Cláudio Luiz Bonfim (conselheiros).

Fonte: Prefeitura de Itaguaí

Resultado eleição para o Conselho Tutelar em Itaguaí

100% das urnas apuradas

Eleitos:

1º Fabiano Taciano 514 votos

2º Bárbara Babi       403 votos

3º Marcelo Praxedes 272 votos

4º Pastora Viviane Garrat  214 votos

5º Silvani Suzano 191 votos

Suplentes:

6º Claudinho Garçom 183 votos

7º Ana Carla Evangelista 177 votos

8º Sidney Perrier 171 votos

9º Silene da Saúde 168 votos

10º Tuninho do Fórum 166 votos

cins2                                     Parabéns aos eleitos e mãos à obra

Resultado geral 

1º Fabiano Taciano 514 votos

2º Bárbara Babi       403 votos

3º Marcelo Praxedes 272 votos

4º Pastora Viviane Garrat  214 votos

5º Silvani Suzano 191 votos

6º Claudinho Garçom 183 votos

7º Ana Carla Evangelista 177 votos

8º Sidney Perrier 171 votos

9º Silene da Saúde 168 votos

10º Tuninho do Fórum 166 votos

11º Rosana Ferreira 159 votos

12º Inspetora Eliane 137 votos

13º Maria José Desbravadora 131 votos

14º Professor Adriano 121 votos

15º Pastor João 115 votos

16º Simone Agostini 106 votos

17º Carlos Delgado 102 votos

18º Vanessa da Banca 99 votos

19º Dra Ana Cláudia  93 votos

20º Professora Paulina 91 votos

21º Cíntia Comiano 71 votos

22º Jussara Mendonça  69 votos

23º Rozana Machado  53 votos

24º Bárbara Ramos 34 votos

25º Whashinton Luis 33 votos

26º Marynilza Dias 27 votos

27º Suelen Carvalho 21 votos

28º Professora Vânia 14 votos

29º Jhonny Borges 6 votos

Agradecemos ao professor Adriano que nos enviou os relatórios do inicio ao fim da apuração. A agora Conselheira Tutelar Pastora Viviane Garrat e a reeleita Conselheira Bárbara Babi que nos enviaram o resultado final.

O Boca no Trombone que teve o privilegio de acompanhar o preparatório, a eleição, o resultado e os candidatos desde o inicio, agradece a todos os participantes de mais um ato de democracia

ENQUETE FEITA NO BOCA NO TROMBONE ENCERRADA NO ÚLTIMO SÁBADO JÁ REVELAVA OS MAIS FORTES CANDIDATOS. DOS 5 ELEITOS 4 FORAM OS MAIS VOTADOS NA ENQUETE. VEJA NO LINK ABAIXO:

https://bocanotromboneitaguai.com/2015/10/03/enquete-revela-a-intencao-de-eleitores-para-as-eleicoes-de-conselheiro-tutelar-em-itaguai-veja-o-resultado/

Eleições para novos membros do Conselho Tutelar de Itaguaí já é neste domingo

Os cinco novos conselheiros tutelares serão escolhidos entre 29 candidatos

 

Os novos conselheiros tutelares serão escolhidos, por voto direto, pela população de Itaguaí neste domingo (4/10), das 8h às 17h. Entre os 29 candidatos, serão escolhidos cinco titulares e cinco suplentes que vão exercer os cargos de 2016 a 2019.

 

Em julho, os candidatos passaram por capacitação e por uma prova sobre conhecimentos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Os aprovados nesta avaliação tiveram suas candidaturas confirmadas para a eleição.

 

De acordo com o artigo 136 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o Conselho Tutelar é o órgão municipal responsável por zelar pelos direitos da criança e do adolescente, além de aconselhar pais ou responsáveis. Ele deve ser acionado sempre que se perceba abuso ou situações de risco contra a criança ou o adolescente, como por exemplo, em casos de violência física ou emocional.

 

O secretário de Assistência Social de Itaguaí, Aramis Brito, falou da importância do trabalho do Conselho Tutelar.

 

– O conselho tutelar é de extrema importância para garantir o direito da criança e do adolescente. Os conselheiros tutelares exercem a função de ininterrupto estabelecimento desses direitos, trabalham arduamente, em conjunto com o Ministério Público e com a Prefeitura de Itaguaí, para retirar crianças e adolescentes de situações de risco e de condições sociais precárias – disse Aramis Brito.

 

Para informações sobre a votação, é necessário entrar em contato com Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Itaguaí, localizado na Avenida Prefeito Isoldackson Cruz de Brito, 18.745, Vila Margarida, através do telefone: 2688-6052, ramal 252.

 

Confira a lista dos locais de votação:

 

CIEP 300 Munic. Pref. Vicente Cicarino

CIEP 496 Munic. Maestro Francisco Mignone

E.M. Antônio Tupinambá

E.M. Padre Rafael Scarfó

E.M. Elmo Batista Coelho

E.M. Vereador Américo Rodrigues de Amorim

E.M. Profa Maria Guilhermina de Souza Freire

E.M. Fusao Fukamati

E.M. Coronel Alziro Santiago

E.M. Amauri Ferreira

E.M. das Acacias

E.M. Jorge Abraao

E.M. Severino Salustiano de Farias

Piranema Atlético Clube

O blog Boca no Trombone e o grupo BOCA NO TROMBONE no Facebook, está fazendo uma pesquisa com a intenção de votos da população. PARTICIPE DESSA ESCOLHA!

Conselho Tutelar de Itaguaí eleições se aproximam

De 29 candidatos ao todo, somente 05 demonstraram a vontade de terem as suas ideias divulgadas e mostraram que querem fazer a diferença no conselho da cidade. As eleições para conselheiros em  Itaguaí, é algo historicamente pouco divulgado e o candidato comprometido deve se atinar para isso. Infelizmente, ainda vivemos em um local, onde a maioria se candidata, visando apenas o dinheiro, sem sequer imaginar a responsabilidade que assumirão.

VOTE EM NOSSA ENQUETE NO BLOG. A PARTIR DE DOMINGO VOTE TAMBÉM NO GRUPO BOCA NO TROMBONE NO FACEBOOK.

ATENÇÃO: NOSSA ENQUETE SÓ PERMITE UM VOTO POR VEZ DE CADA NAVEGADOR, COMPUTADOR, OU OUTRO APARELHO COM ACESSO À INTERNET. 

O Boca no Trombone tomou essa iniciativa, para ajudar os próprios candidatos na divulgação de seus números e na busca da conquista do eleitor que necessita saber em quem está votando. O prazo foi de 2 semanas para que eles, os candidatos, pudessem demonstrar a sua capacidade e do dia 01 a 19 de setembro o prazo foi dado. Mas, infelizmente, ainda vivemos em um local, onde a maioria se candidata, visando apenas o dinheiro, sem sequer imaginar a responsabilidade que assumirão.

Portanto, nós do Boca no Trombone, mostraremos com muita honra, os desejos dos candidatos comprometidos com a cidade.

Vejam os candidatos e saiba onde votar no próximo sábado dia 04 de outubro

São eles:

Bárbara Ávila ( Babi) , pastora Viviane Garrat, professor Adriano e Marcelo  Praxedes.

Conheça os candidatos:

Por ordem alfabética de acordo com o nome de campanha:

Bárbara Ávila ( Babi) NÚMERO 04.

Slide2

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

Bárbara é médica veterinária, mas ama trabalhar com crianças e adolescentes. Foi eleita delegada na conferência estadual dos direitos da criança e do adolescente do Estado do Rio de Janeiro para representar a cidade de Itaguaí. Participou junto ao Executivo municipal, da implementação de um novo conselho tutelar, com a criação de um 0800, para que a população tenha mais acesso aos serviços. A candidata é filiada na Associação dos Conselheiros do Estado do Rio de Janeiro (ACETERJ)  e deseja ter seu voto para dar continuidade ao trabalho que já realiza desde 2012.

 

Marcelo Praxedes NÚMERO 19

Slide3

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

Marcelo acredita que o Conselho Tutelar precisa instruir a população sobre as funções dos conselheiros, com palestras, encontros e outros eventos. Relata que conhece o papel de cada um, no âmbito do poder público e que juntos , diversos órgãos devem trabalhar em prol da criança e do adolescente, e se caso não funcione, o conselheiro deve de forma eficaz atuar para assistir esses menores. Segundo ele, o conselho não pode ser visto como “órgão punitivo”, mas sim como um órgão transformador. O candidato relata, que aos 17 anos quando viajou indo ao Vale do Paraíba, para conhecer alternativas frente ao trabalho infantil, percebeu a sensibilidade que tinha para esta causa. Foi eleito conselheiro em 2002 atuando por 3 anos na função.

“Quero trabalhar para criar o segundo o segundo conselho – que é urgente, e fazer funcionar essa rede de atendimento, buscando a melhoria e eficiência nas esferas educacionais e de saúde de nosso município. Destacando a primazia no atendimento das crianças e adolescentes”.

 

Professor Adriano Número 06

Slide4

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

Adriano Sampaio Evangelista, também conhecido como palhaço Didi, milita na área da infância e juventude há mais de 16 anos. Cursa Gestão Pública na universidade Estácio de Sá. Desde 2007 é professor de circo do projeto Garoto Cidadão da fundação CSN. Foi eleito delegado na conferência estadual dos direitos das crianças e adolescentes do Estado do Rio de Janeiro para representar a cidade de Itaguaí. O candidato é filiado na Associação dos Conselheiros do Estado do Rio de Janeiro (ACETERJ).

Slide2

Suas metas são de articulação de uma nova lei de atendimento infanto juvenil pois a legislação atual não foi adequada às leis estaduais e federais vigentes, pois a cidade de Itaguaí cresceu e as demandas aumentaram. Implementação do projeto arquitetônico “Conselho Tutelar, meu lugar na cidade”. Implementação do Sistema de Informação para infância e adolescência, SIPIA. Implementação do fluxo de notificações da rede de serviços online através do site da prefeitura. Articulação para criação de um 0800 e de um link online do município para o recebimento de denuncias 24 horas por dia com uma equipe especializada entre outras.

 

Pastora Viviane Garrat NÚMERO 41

DSC_0210

CANDIDATA AO CONSELHO TUTELAR

Pastora Viviane Garrat, 35 anos, Pastora e Pedagoga

“É muito difícil se falar em uma proposta individual em um órgão onde as decisões são colegiadas, no entanto acredito na integração do Conselho Tutelar com a população e a rede de proteção social do município”.

A EXPERIÊNCIA COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Atuação na função de voluntária na Igreja Geração Betesda e exerce as atividades de cadastramento de famílias de baixa renda, apoio de crianças e adolescentes em vulnerabilidade social, além de outras atividades voltadas ao amparo social de famílias carentes no período de 11/09/2009 até a presente data atual. A prática como pedagoga que se deu através das variadas atividades lúdicas e recreativas como a arte de contar histórias, para as crianças e adolescentes desta comunidade, com vulnerabilidade social.

PROPOSTAS DO CONSELHO TUTELAR 1. Lutar por mais um Conselho Tutelar na cidade, visto que apenas um já não consegue atender com eficácia a demanda existente; 2. Diminuir a distância entre a escola e entidades, por meio de ações conjuntas que envolvam todas as esferas de poder público em geral, e que tenham como foco principal a proteção integral da criança e do adolescente 3. Aproximar o Conselho Tutelar da Comunidade, para que todos passem a ver a entidade como parceira da busca de direitos e não como um órgão repressor, posto que a atribuição do Conselho Tutelar é de orientação e auxílio; 4. Lutar por políticas públicas de inclusão de crianças e adolescentes; 5. Implementar junto a Secretaria de Educação e Cultura e a sociedade medidas para diminuir a evasão escolar; 6. Trabalhar com projetos de prevenção contra a violência à criança e ao adolescente; 7. Implementar parcerias junto a Secretaria de Desenvolvimento Econômico na área de capacitação de jovens para o mercado de trabalho; 8. Buscar junto à várias entidades de classe do município, parcerias visando um atendimento no mercado de trabalho de acordo com a legislação vigente; 9. Buscar junto as autoridades competentes a viabilização de um espaço adequado ao lazer das crianças e dos adolescentes, pois isto é um dos direitos garantidos;

A DECISÃO

“A decisão em disputar a candidatura ao Conselho Tutelar para mim representa um novo desafio, conheço o que me aguarda caso eu seja eleita e por isso parabenizo os conselheiros que atuaram até aqui. Mas todo cidadão pode somar com este trabalho e é o que gostaria de fazer, acredito que por minha formação como educadora, possa contribuir nesse trabalho em prol da proteção dos direitos da criança e do adolescente, levando a população o conhecimento de seus direitos. Pretendo agir com bom senso e me fazer presente onde há violação de direitos e atuar para minimizar essa violação levando orientação e informação as famílias. Quero focar muito no relacionamento entre a comunidade e o Conselho Tutelar, ampliação do atendimento telefônico, a fim de viabilizar as denúncias a entidade. ”

Slide5

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

“Ofereço minha dedicação e esforço e nisso a população pode contar comigo!”

Professora Vânia número 26

Slide7

Slide6

As eleições acontecem domingo dia 04 de outubro.

Locais de votação:

 

1 – CIEP 300 Munic. Pref. Vicente Cicarino – Av. Dep Octavio Cabral, s/nº

 

2-  CIEP 496 Munic. Maestro Francisco Mignone – Rua Kaisser Abrão, s/nº – Mont Serrat

 

3- E.M. Antônio Tupinambá – Rua Júlio Verne, qd 45, s/nº- Vila Margarida

 

 4-  E.M. Padre Rafael Scarfó – Rua Elvira Ciuffo Cicarino, 40 – Vila Margarida

 

5-  E.M. Elmo Batista Coelho – Estrada Joaquim Fernandes, 419 – Ilha da Madeira

 

6- E.M. Vereador Américo Rodrigues de Amorim – Rua Sebastião Bruno Oliveira, s/nº – Itimirim

 

7- E.M. Profª Maria Guilhermina de Souza Freire – Estr do Mazomba – Leandro

 

8- E.M. Fusao Fukamati – Rua 18 quadra 18 – Chaperó

 

9-  E.M. Coronel Alziro Santiago – Estr Mazomba, s/nº – Mazomba

 

10-  E.M. Amauri Ferreira – Rua Adalgisa Lemos, s/nº – Vila Geni

 

11- E.M. das Acacias – Rua das Camélias, qd 131 – Parque Primavera

 

12-  E.M. Jorge Abraao – Estr do Mazomba, 22 – Mazomba

 

13-  E.M. Severino Salustiano de Farias – Est do Teixeira esq c/ Rua Z s/nº – Teixeira

 

14-  Piranema Atlético Clube – Rua Telma Ecard Lins, 664 – Piranema

 

 Ainda nesta semana, faremos uma pesquisa com a intenção de voto da população no grupo Boca no Trombone no Facebook e em nosso blog.

A DEMOCRACIA SE FORTALECE QUANDO ELEITORES SABEM DA CAPACIDADE DE SEUS ELEITOS.

 

 

Eleições – Conheça os candidatos que mostraram que tem ideias para o Conselho Tutelar de Itaguaí

Infelizmente apenas 04 candidatos a conselheiro tutelar de Itaguaí, enviaram propostas e ideias caso vençam as eleições do próximo dia 04.

De 29 candidatos ao todo, somente 04 demonstraram a vontade de terem as suas ideias divulgadas e mostraram que querem fazer a diferença no conselho da cidade. As eleições para conselheiros em  Itaguaí, é algo historicamente pouco divulgado e o candidato comprometido deve se atinar para isso.

O Boca no Trombone tomou essa iniciativa, para ajudar os próprios candidatos na divulgação de seus números e na busca da conquista do eleitor que necessita saber em quem está votando. O prazo foi de 2 semanas para que eles, os candidatos, pudessem demonstrar a sua capacidade. Mas, infelizmente, ainda vivemos em um local, onde a maioria se candidata, visando apenas o dinheiro, sem sequer imaginar a responsabilidade que assumirão.

Portanto, nós do Boca no Trombone, mostraremos com muita honra, os desejos dos candidatos comprometidos com a cidade.

São eles:

Bárbara Ávila ( Babi) , pastora Viviane Garrat, professor Adriano e Marcelo  Praxedes.

Conheça os candidatos:

Por ordem alfabética de acordo com o nome de campanha:

Bárbara Ávila ( Babi) NÚMERO 04.

Slide2

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

Bárbara é médica veterinária, mas ama trabalhar com crianças e adolescentes. Foi eleita delegada na conferência estadual dos direitos da criança e do adolescente do Estado do Rio de Janeiro para representar a cidade de Itaguaí. Participou junto ao Executivo municipal, da implementação de um novo conselho tutelar, com a criação de um 0800, para que a população tenha mais acesso aos serviços. A candidata é filiada na Associação dos Conselheiros do Estado do Rio de Janeiro (ACETERJ)  e deseja ter seu voto para dar continuidade ao trabalho que já realiza desde 2012.

 

Marcelo Praxedes NÚMERO 19

Slide3

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

Marcelo acredita que o Conselho Tutelar precisa instruir a população sobre as funções dos conselheiros, com palestras, encontros e outros eventos. Relata que conhece o papel de cada um, no âmbito do poder público e que juntos , diversos órgãos devem trabalhar em prol da criança e do adolescente, e se caso não funcione, o conselheiro deve de forma eficaz atuar para assistir esses menores. Segundo ele, o conselho não pode ser visto como “órgão punitivo”, mas sim como um órgão transformador. O candidato relata, que aos 17 anos quando viajou indo ao Vale do Paraíba, para conhecer alternativas frente ao trabalho infantil, percebeu a sensibilidade que tinha para esta causa. Foi eleito conselheiro em 2002 atuando por 3 anos na função.

“Quero trabalhar para criar o segundo o segundo conselho – que é urgente, e fazer funcionar essa rede de atendimento, buscando a melhoria e eficiência nas esferas educacionais e de saúde de nosso município. Destacando a primazia no atendimento das crianças e adolescentes”.

 

Professor Adriano Número 06

Slide4

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

Adriano Sampaio Evangelista, também conhecido como palhaço Didi, milita na área da infância e juventude há mais de 16 anos. Cursa Gestão Pública na universidade Estácio de Sá. Desde 2007 é professor de circo do projeto Garoto Cidadão da fundação CSN. Foi eleito delegado na conferência estadual dos direitos das crianças e adolescentes do Estado do Rio de Janeiro para representar a cidade de Itaguaí. O candidato é filiado na Associação dos Conselheiros do Estado do Rio de Janeiro (ACETERJ).

Slide2

Suas metas são de articulação de uma nova lei de atendimento infanto juvenil pois a legislação atual não foi adequada às leis estaduais e federais vigentes, pois a cidade de Itaguaí cresceu e as demandas aumentaram. Implementação do projeto arquitetônico “Conselho Tutelar, meu lugar na cidade”. Implementação do Sistema de Informação para infância e adolescência, SIPIA. Implementação do fluxo de notificações da rede de serviços online através do site da prefeitura. Articulação para criação de um 0800 e de um link online do município para o recebimento de denuncias 24 horas por dia com uma equipe especializada entre outras.

 

Pastora Viviane Garrat NÚMERO 41

DSC_0210

CANDIDATA AO CONSELHO TUTELAR

Pastora Viviane Garrat, 35 anos, Pastora e Pedagoga

“É muito difícil se falar em uma proposta individual em um órgão onde as decisões são colegiadas, no entanto acredito na integração do Conselho Tutelar com a população e a rede de proteção social do município”.

A EXPERIÊNCIA COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Atuação na função de voluntária na Igreja Geração Betesda e exerce as atividades de cadastramento de famílias de baixa renda, apoio de crianças e adolescentes em vulnerabilidade social, além de outras atividades voltadas ao amparo social de famílias carentes no período de 11/09/2009 até a presente data atual. A prática como pedagoga que se deu através das variadas atividades lúdicas e recreativas como a arte de contar histórias, para as crianças e adolescentes desta comunidade, com vulnerabilidade social.

PROPOSTAS DO CONSELHO TUTELAR 1. Lutar por mais um Conselho Tutelar na cidade, visto que apenas um já não consegue atender com eficácia a demanda existente; 2. Diminuir a distância entre a escola e entidades, por meio de ações conjuntas que envolvam todas as esferas de poder público em geral, e que tenham como foco principal a proteção integral da criança e do adolescente 3. Aproximar o Conselho Tutelar da Comunidade, para que todos passem a ver a entidade como parceira da busca de direitos e não como um órgão repressor, posto que a atribuição do Conselho Tutelar é de orientação e auxílio; 4. Lutar por políticas públicas de inclusão de crianças e adolescentes; 5. Implementar junto a Secretaria de Educação e Cultura e a sociedade medidas para diminuir a evasão escolar; 6. Trabalhar com projetos de prevenção contra a violência à criança e ao adolescente; 7. Implementar parcerias junto a Secretaria de Desenvolvimento Econômico na área de capacitação de jovens para o mercado de trabalho; 8. Buscar junto à várias entidades de classe do município, parcerias visando um atendimento no mercado de trabalho de acordo com a legislação vigente; 9. Buscar junto as autoridades competentes a viabilização de um espaço adequado ao lazer das crianças e dos adolescentes, pois isto é um dos direitos garantidos;

A DECISÃO

“A decisão em disputar a candidatura ao Conselho Tutelar para mim representa um novo desafio, conheço o que me aguarda caso eu seja eleita e por isso parabenizo os conselheiros que atuaram até aqui. Mas todo cidadão pode somar com este trabalho e é o que gostaria de fazer, acredito que por minha formação como educadora, possa contribuir nesse trabalho em prol da proteção dos direitos da criança e do adolescente, levando a população o conhecimento de seus direitos. Pretendo agir com bom senso e me fazer presente onde há violação de direitos e atuar para minimizar essa violação levando orientação e informação as famílias. Quero focar muito no relacionamento entre a comunidade e o Conselho Tutelar, ampliação do atendimento telefônico, a fim de viabilizar as denúncias a entidade. ”

Slide5

CLIQUE NESTE LINK ABAIXO E COMPARTILHE A FOTO E O NÚMERO DE SEU CANDIDATO

“Ofereço minha dedicação e esforço e nisso a população pode contar comigo!”

 

As eleições acontecem domingo dia 04 de outubro.

Locais de votação:

 

1 – CIEP 300 Munic. Pref. Vicente Cicarino – Av. Dep Octavio Cabral, s/nº

 

2-  CIEP 496 Munic. Maestro Francisco Mignone – Rua Kaisser Abrão, s/nº – Mont Serrat

 

3- E.M. Antônio Tupinambá – Rua Júlio Verne, qd 45, s/nº- Vila Margarida

 

 4-  E.M. Padre Rafael Scarfó – Rua Elvira Ciuffo Cicarino, 40 – Vila Margarida

 

5-  E.M. Elmo Batista Coelho – Estrada Joaquim Fernandes, 419 – Ilha da Madeira

 

6- E.M. Vereador Américo Rodrigues de Amorim – Rua Sebastião Bruno Oliveira, s/nº – Itimirim

 

7- E.M. Profª Maria Guilhermina de Souza Freire – Estr do Mazomba – Leandro

 

8- E.M. Fusao Fukamati – Rua 18 quadra 18 – Chaperó

 

9-  E.M. Coronel Alziro Santiago – Estr Mazomba, s/nº – Mazomba

 

10-  E.M. Amauri Ferreira – Rua Adalgisa Lemos, s/nº – Vila Geni

 

11- E.M. das Acacias – Rua das Camélias, qd 131 – Parque Primavera

 

12-  E.M. Jorge Abraao – Estr do Mazomba, 22 – Mazomba

 

13-  E.M. Severino Salustiano de Farias – Est do Teixeira esq c/ Rua Z s/nº – Teixeira

 

14-  Piranema Atlético Clube – Rua Telma Ecard Lins, 664 – Piranema

 

 Ainda nesta semana, faremos uma pesquisa com a intenção de voto da população no grupo Boca no Trombone no Facebook e em nosso blog.

A DEMOCRACIA SE FORTALECE QUANDO ELEITORES SABEM DA CAPACIDADE DE SEUS ELEITOS.