Arquivo da tag: 2020

Divulgado o calendário de pagamento do PIS/Pasep em 2019 e 2020

Têm direito ao abono salarial trabalhadores que exerceram atividade com carteira assinada por ao menos 30 dias em 2018, recebendo até dois salários mínimos

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), órgão vinculado ao Ministério da Economia, divulgou, nesta quarta-feira 10, o calendário do novo abono salarial PIS/Pasep – referente ao exercício de 2018 e com pagamentos previstos para 2019 e 2020. De acordo com cronograma publicado no Diário Oficial da União, os benefícios devem começar a ser pagos já no fim deste mês de julho.

Têm direito ao abono salarial trabalhadores que exerceram atividade com carteira assinada por ao menos trinta dias em 2018, recebendo, em média, até dois salários mínimos. É necessário estar inscrito no PIS/Pasep e ter os dados atualizados pelo empregador no sistema.

Os pagamentos individuais devem variar de 84 a 998 reais, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano de referência. O valor do benefício pode ser consultado no aplicativo Caixa Trabalhador, no site do banco ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão, pelo telefone 0800 726 0207.

Quem trabalhou com carteira assinada pode sacar o dinheiro na Caixa Econômica Federal ou em casas lotéricas. Para isso, é preciso ter o Cartão Cidadão com senha cadastrada. Caso não tenha cartão ou senha, é preciso se dirigir a uma agência da Caixa com os documentos pessoais. Segundo o banco, trabalhadores que têm conta-corrente na Caixa receberam os valores em conta na data da liberação do calendário. Para saber se o dinheiro caiu, é preciso conferir o extrato.

Já os servidores públicos podem sacar o dinheiro nas agências do Banco do Brasil. É possível consultar pelos telefones 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 729 0001 (demais cidades) se há dinheiro a ser liberado.

Confira, abaixo, os calendários de pagamentos:

CALENDÁRIO DE PAGAMENTO DO ABONO SALARIAL

PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO SOCIAL – PIS – EXERCÍCIO 2019/2020

NAS AGÊNCIAS DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

CALENDÁRIO DE PAGAMENTO DO ABONO SALARIAL

PROGRAMA DE FORMAÇÃO DO PATRIMÔNIO DO SERVIDOR PÚBLICO – PASEP

EXERCÍCIO 2019/2020

NAS AGÊNCIAS DO BANCO DO BRASIL S.A.

Anúncios

Sem reajustes e triênios, servidores do Rio podem ficar com o mesmo salário até 2020

Extra

O governo do estado deu seu recado aos servidores públicos: nenhum real a mais de reajuste será concedido pelos próximos três anos. Os aumentos previstos para policiais civis e militares, bombeiros, servidores da Secretaria de Saúde, auditores fiscais da fazenda e funcionários do Detran-RJ serão suspensos, caso a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprove o projeto de lei que trata do assunto. As parcelas que seriam pagas pelos próximos três anos, como forma de compensar a inflação, somente voltarão a ser quitadas a partir de 2020.

— A situação não permite pensar em reajuste. Pensar nisso está fora da realidade. Nenhuma medida é agradável. São todas austeras, duras. Mas está claro que o Estado não tem capacidade de dar qualquer aumento — disse o secretário estadual de Fazenda, Gustavo Barbosa.

Os percentuais devidos aos servidores foram aprovados em 2014, a pedido do próprio governador Luiz Fernando Pezão. Na ocasião, a economia proporcionava condições para a concessão de aumentos escalonados, segundo o governo.

— Naquela época, o país e o Estado do Rio viviam uma situação de crescimento da economia. Após as concessões, passamos por dois anos de PIB (Produto Interno Bruto, soma das riquezas do estado) negativo — disse Barbosa.

Os cortes vão além. A Alerj recebeu pedidos do governo para extinguir o adicional pago por tempo de serviço, os chamados triênios. E pediu para que os Poderes — Judiciário e Legislativo — respeitem a receita corrente líquida para conceder reajustes a seus funcionários.

— O que se vê é uma vergonha, uma afronta aos servidores. Enquanto sofremos, o governo não cita as isenções fiscais e os benefícios concedidos a amigos. Não há uma proposta que cite — disse João Luiz Rodrigues, integrante do Movimento Unificado dos Servidores do Estado do Rio (Muspe).