Arquivo da categoria: Serviços

Decreto muda e educadores voltam a atuar mesmo sem a completa imunização contra a Covid-19 em Itaguaí

Seguindo outros municípios, Itaguaí voltará às aulas antes da imunização completa de servidores. Cerca de 30 dias já garantiriam total imunização. Sindicato estadual dos educadores recomendou servidores do estado a só voltarem se tiverem tomado as duas doses. Educadores mostram descontentamento com mudança e muitos pais de alunos não mandarão seus filhos às escolas

Em 01 de agosto de 2021 / Júlio Andrade

Itaguaí – A Secretaria Municipal de Educação de Itaguaí decidiu que os educadores terão que voltar a atuar nas unidades de ensino já amanhã. Mesmo que ainda sem alunos na próxima semana, os servidores terão que atuar novamente de segunda a sexta. A previsão é que as aulas com alunos pelo sistema híbrido retorne na semana que vem ou dia 16 de agosto.

O Decreto 4.620 / 21, que fomenta essa volta dos servidores ao trabalho teve uma modificação em complementação ao Decreto anterior número 4.616/21. Antes, no segundo artigo, em sua redação, dizia-se que após 14 dias da segunda dose da vacina contra a Covid-19, é que o servidor deveria voltar a atuar de forma presencial. Ou seja, de forma segura esse trabalhador só retornaria após estar imune contra a Covid-19.

No entanto, na última quarta-feira dia 28, no Jornal Oficial 954, segundo caderno, a redação do artigo segundo, definiu que o servidor que tiver sido vacinado com a primeira dose e após ter passado 14 dias, deverá voltar a atuar de forma presencial.

Basicamente, Itaguaí está seguindo o que muitas cidades e estados estão fazendo. Porém, no caso de Itaguaí, e muitas outras cidades pelo País, a imunização completa dos servidores está batendo à porta. Para quem esperou quase um ano e oito meses, mais 30 dias para que haja total segurança parece pouco, mas, pelo visto para a Secretaria Municipal de Educação de Itaguaí o risco dessa volta desde já, parece valer a pena. Assim como em várias cidades, Itaguaí tem notificado a morte de muitos educadores.

Os educadores de Itaguaí são o reflexo dos educadores de todo País, que por alguns dias irão correr riscos que daqui a um mês seriam evitados. Em contato com muitos pais de alunos de Itaguaí, o Boca constatou que muitos deles ainda temem a volta neste momento.

O Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação núcleo Central, recomenda que os educadores estaduais que não estejam completamente imunizados, não devam retornar ao trabalho presencial neste momento e permanecer em greve. Em reunião com a Secretaria Estadual de Educação, o Sepe – RJ comunicou que os representantes da SEEDUC compreenderam a ausência dos servidores que ainda não foram imunizados por completo e reafirmaram que as escolas não estão obrigadas a convocar todos os profissionais de educação que estão aptos a retornar e que devem convocar apenas o quantitativo proporcional a necessidade para atender os estudantes, e que não há rigidez quanto ao cumprimento exato do professor na sua grade horária.

https://www.facebook.com/260528207360293/posts/4170040046409070/

Vários municípios têm educadores em greve do trabalho presencial até que haja imunização completa dos servidores. A ” Greve pela Vida” em Itaguaí foi encerrada recentemente, mas os educadores já falam em nova greve.

A preocupação de muitos é que com a volta dos alunos, e por não se saber se nas residências desses estudantes há um cuidado contra o vírus da Covid-19, eles transmitam o vírus aos profissionais e aos demais discentes, que mesmo que sejam assintomáticos transmitem a doença.

Exemplos de reabertura de escolas pelo mundo sem a completa imunização já ocasionaram novos fechamentos e maior transmissão do vírus.

Uma live promovida pela prefeitura de Itaguaí com a Secretaria Municipal de Educação está programada para amanhã para falar sobre o tema.

Opinião do Blog Boca no Trombone – O blog Boca no Trombone Itaguaí tem uma posição firme de que a prudência será sempre o melhor remédio. Diante de tantas mortes de educadores e servidores em geral, e ainda mais faltando tão pouco para que haja a completa imunização do funcionalismo, essa volta não somente é temerária como é uma certeza de estresse descabido diante de um quadro que por sí só, já abala todos os educadores e seus familiares. Além de um risco enorme de atritos desnecessários, onde deveria ocorrer o bom senso de todas as partes. Júlio Andrade.

Escolas estaduais do RJ voltaram às aulas em 59 municípios, em formato híbrido

Orientação do sindicato dos servidores do estado é que educadores que ainda não tomaram a segunda dose da vacina continuem apenas no sistema remoto, mantendo ou aderindo a greve de aulas presenciais. Nas escolas municipais de Seropédica já há um plano de retorno e em Itaguaí decreto fala em volta após prazo de imunização dos servidores

Em 27 de julho de 2021 / Júlio Andrade com jornal O Dia

Rio de Janeiro – As escolas estaduais do Rio de Janeiro voltaram às aulas ontem segunda-feira (26) para o segundo semestre. Ao todo, 59 municípios estão autorizados a retomarem o ano letivo, que será administrado em formato híbrido: parte das aulas serão presenciais, e outra parte seguirá online. A partir de agora, as cidades irão depender dos próprios decretos municipais e do mapa de risco para a Covid-19.

Na capital, 259 escolas estão autorizadas para retornar com as atividade presenciais. As outras cidades são Angra dos Reis, Aperibé, Araruama, Areal, Armação de Búzios, Arraial do Cabo, Barra Mansa, Barra do Piraí, Belford Roxo, Cabo Frio, Campos dos Goytacazes, Cantagalo, Cardoso Moreira, Carmo, Casimiro de Abreu, Comendador Levy Gasparian, Conceição de Macabu, Engenheiro Paulo de Frontin, Guapimirim, Itaboraí, Itaguaí, Itaocara, Itaperuna, Japeri, Macaé, Macuco, Magé, Mangaratiba, Maricá, Mendes, Miguel Pereira, Miracema, Natividade, Nilópolis, Niterói, Nova Friburgo, Paracambi, Paraíba do Sul, Paraty, Petrópolis, Pinheiral, Piraí, Porciúncula, Porto Real, Quatis, Quissamã, Resende, Rio Bonito, Rio das Ostras, Santa Maria Madalena, São Gonçalo, Saquarema, Tanguá, Três Rios, Valença, Varre-Sai, Vassouras e Volta Redonda.

As instituições que retornaram nesta segunda devem respeitar o limite de capacidade instituído pela Secretaria Estadual de Educação, conforme a cor da bandeira no mapa de risco da Covid-19. Há diferenças entre o limite de atendimento no Ensino Fundamental e no Ensino Médio.

Ensino Fundamental:
Bandeira laranja – até 50% da capacidade
Bandeira amarela – até 75% da capacidade
Bandeira verde – até 100% da capacidade.

Ensino Médio:
Bandeira laranja – até 40% da capacidade
Bandeira amarela – até 60% da capacidade
Bandeira verde – até 100% da capacidade

A cidade do Rio, que está em bandeira laranja, pode receber apenas 50% da capacidade total no Ensino Fundamental da rede estadual, e 40% no Ensino Médio.

Apesar da autorização, ainda cabe aos responsáveis e aos alunos maiores de idade a decisão de retornar ou não para as aulas presenciais. Cada escola deverá se adequar ao distanciamento e manter em funcionamento os equipamentos necessários conforme os protocolos sanitários.

Em todo o estado, 33 municípios ainda estão impedidos: Duque de Caxias, São João de Meriti, Nova Iguaçu, Mesquita e Queimados ainda não podem voltar em razão da cor vermelha no mapa da região – significa que boa parte dos municípios da Baixada Fluminense estão avaliados em ‘risco alto’.

Outras cidades seguem com as aulas impedidas por decretos municipais: Bom Jardim, Bom Jesus do Itabapoana, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, Carapebus, Cordeiro, Duas Barras, Iguaba Grande, Italva, Itatiaia, Laje do Muriaé, Paty do Alfares, Rio Claro, Rio das Flores, Santo Antonio de Pádua, São Fidélis, São Francisco de Itabapoana, São João da Barra, São José de Ubá, São José do Vale do Rio Preto, São Pedro da Aldeia, São Sebastião do Alto, Sapucaia, Seropédica, Silva Jardim, Sumidouro, Teresópolis, Trajano de Moraes.

Em caso de bandeiras vermelha e roxa, as unidades escolares da rede pública estadual funcionarão apenas para atividades administrativas, como a retirada de material pedagógico e do kit alimentação, além de entrega de documentos e matrícula de alunos. As aulas, nesses casos, acontecerão somente de forma remota.

Já a partir das bandeiras de risco laranja, amarela e verde, as escolas estaduais poderão desenvolver atividades pedagógicas com os estudantes que tenham interesse em frequentar aulas presenciais, mediante a capacidade física da unidade, em sistema de rodízio, respeitando as normas de distanciamento.

Sindicato estadual dos profissionais de educação decidem pela greve para os educadores que não estão completamente imunizados

Os profissionais de educação da rede estadual RJ decidiram em assembleia e votação on-line ontem, que os professores e funcionários administrativos que ainda não completaram seu ciclo total de imunização contra a covid, compreendendo a realidade da vacinação em cada município, deverão entrar em greve ou manter a greve das atividades presenciais nas escolas em todo o estado.
Com isso, os profissionais de educação das escolas estaduais que foram convocados para voltar às atividades presenciais nesse 2º semestre, mas que ainda não estão com o seu ciclo de imunização contra a covid, através da vacina, totalmente finalizado (ciclo completo) deverão entrar ou se manter em greve. Esses profissionais deverão manter o trabalho remoto.

Já os profissionais que já estão com o seu ciclo de vacinação completo devem retornar às atividades presenciais normalmente.

O Sepe RJ orientou a categoria a denunciar as escolas estaduais que não estiverem cumprindo os protocolos de segurança para a prevenção da doença, neste retorno às atividades presenciais. Na próxima quarta-feira, o sindicato irá se reunir com a Secretaria Estadual de Educação para discutir esse e outros assuntos.

Escolas municipais de Seropédica tem previsão de retorno para as próximas semanas em Itaguaí decreto fala em retorno pós imunização e dúvidas persistem sobre retorno

O município de Seropédica, que neste momento se encontra em bandeira vermelha para o risco de contágio para a Covid-19, montou um plano de retorno para a volta às aulas em sistema híbrido nas unidades municipais de ensino. De acordo com o plano, as aulas presenciais retornam à partir de 09 de agosto para os anos finais, 23 de agosto para o 6° e 7° ano e 30 de agosto para os anos iniciais. Contudo, se a bandeira vermelha persistir esses planos serão alterados.

Em Itaguaí existe a previsão de retorno para o sistema híbrido, porém não foi divulgado o plano de retomada e nem maiores informações.

Em Itaguaí é importante salientar que, o Decreto 4.616 de 16 de julho de 2021, publicado no Jornal Oficial 950, em seu artigo segundo, diz que os servidores públicos de qualquer faixa etária, com comorbidades ou não, devem retornar obrigatoriamente às atividades presenciais após 14 dias da aplicação da segunda dose ou da dose única de vacina contra Covid-19. Isso hoje, impossibilitaria o retorno à essas atividades por muitos servidores, independente da idade e de doenças pré-existentes, conforme relata o artigo.

O município está em bandeira laranja. Nosso blog tentou contato com a secretária de educação Nilce Ramos, porém mais uma vez não tivemos retorno.

Tanto em Itaguaí, quanto em Seropédica os profissionais de educação ainda não estão completamente imunizados.

Escolas particulares devem respeitar decisão municipal

Em relação às escolas particulares, a direção deve seguir o que está autorizado pelo município onde está localizada. As unidades de ensino que voltarem deverão seguir os mesmos protocolos adotados na rede pública.

Licitação prevê recuperação da pista do Distrito Industrial de Santa Cruz

Rio de Janeiro – A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria de Infraestrutura, anunciou que abriu uma licitação para obras de recuperação no Distrito Industrial de Santa Cruz, na Zona Oeste da cidade. A decisão foi publicada no Diário Oficial do município.

A pasta informou que a região vai receber obras de pavimentação, drenagem e no final também o Luz Maravilha, programa de iluminação de LED da Rioluz. Será recuperarada 8,5 km de vias, com obras previstas para ter início em setembro deste ano, nas principais ruas do Distrito, que são: Avenida Átila Temporal, ruas Guarantã e Darci Pereira e um trecho da Avenida João XXIII.

O local que recebe caminhões de carga pesada diariamente tem alto grau de comprometimento no asfalto e com as intervenções vai melhorar as condições viárias. Para maior durabilidade do asfalto será usado o agregado siderúrgico. O composto reduz o consumo de recursos naturais não renováveis, como aqueles provenientes da mineração de rochas, areia entre outros.

“Vamos utilizar um material de maior durabilidade, o que vai requalificar esse importante polo industrial da cidade”, conta a secretária Katia Souza.

Para o local, estão previstas intervenções como a implantação de canaletas laterais para águas pluviais; recuperação da rede de micro drenagem, além do asfalto e as sinalizações horizontais das vias. A licitação ocorrerá no mês de agosto e a obra que tem prazo de 12 meses vai custar cerca de R$ 16 milhões.

O subprefeito da Zona Oeste, Edson Menezes, já esteve reunido com os empresários e fala da importância da obra para revitalização local.

“O polo recebe centenas de caminhões pesados todos os dias, essa obra é de suma importância para região de Santa Cruz e para a Cidade do Rio como um todo”, finaliza o subprefeito.

O Dia.

Viação Reginas reativa linha Itaguaí x Nonô

Linha que estava paralisada desde 2019 e liga Itaguaí a Serra voltou a operar hoje com dois horários de partidas de Itaguaí e mais dois com partidas do bairro Nonô

Em 08 de julho de 2021 / Júlio Andrade

Itaguaí – A viação Reginas começou a operar com a linha 5901 Itaguaí x Nonô, que liga Itaguaí a Serra. Desde 2019 em desuso, a linha que era operada pela viação Expresso Recreio foi reativada nesta quinta-feira 08, com dois horários de partidas de Itaguaí e dois de partida do bairro Nonô.

Em Itaguaí os horários são às 07 da manhã e às 15 horas, já no sentido inverso, de Nonô à Itaguaí às 09 e às 17 horas.

Divulgação não oficial de redução de idade para vacinas causa confusão em Itaguaí

Filas ocorreram por conta de “xepa ” de vacinas no dia anterior, algo que ocorre em todo País

Em 07 de julho de 2021 / Júlio Andrade

Itaguaí – Filas e dúvidas marcaram o dia em alguns locais de vacinação contra a Covid-19 em Itaguaí nesta quarta-feira. O motivo seria a divulgação sobre a redução das idades para a vacinação contra a Covid-19. A informação que pessoas de 30 anos em diante seriam vacinadas, causou confusão e filas em frente às unidades de saúde. Mensagens e áudios em aplicativos e redes sociais culminaram em toda confusão ocorrida no dia de hoje.

Na verdade o que houve ontem terça-feira, é o que ocorre em todo País. Quando as doses de vacinas são abertas elas precisam ser utilizadas no mesmo dia, para que não se percam. Isso ocorre quando menos pessoas com a idade divulgada no calendário para a imunização deixam de ir aos postos no dia determinado. Aí se faz necessário tal utilização das vacinas, a famosa “xepa”. E isso aconteceu na cidade ontem e hoje em alguns postos.Em todo país isso é percebido, e em alguns, há até filas de espera com pessoas abaixo das idades de imunização que aguardam um telefonema para irem aos postos aproveitar a “xepa”. Há municípios que existem até cadastrados para esses momentos, o que é algo natural, afinal o crime seria perder as doses. No entanto, é algo incerto já que o Brasil além de atrasado na imunização não tem doses em escala ideal chegando às cidades.

Calendário de vacinação

Prefeitura de Itaguaí entrega licença a feirantes neste domingo

Calçadão revitalizado com lâmpadas de Led, Wi-fi e pintura a custo zero para os cofres púbicos, live com cantores locais falando sobre a cidade, passeio ciclisto, instalação de escada no ponto turístico Mirante do Imperador e até o Cristo Redentor com as cores de Itaguaí. Ações fazem parte de várias que estão e estarão ocorrendo na cidade na semana de aniversário de 203 anos de Itaguaí

Em 04 de julho de 2021 / Júlio Andrade

Itaguaí – Hoje, domingo dia 04/07, a Secretaria de Ordem Pública juntamente com o prefeito Rubem Vieira (Podemos), entregaram as licenças aos feirantes do Parque Municipal. As licenças foram possíveis após recadastramento dos trabalhadores. Com a homologação, os feirantes terão mais Segurança jurídica em suas atuações.

Uma série de ações estão ocorrendo para que a agricultura local seja mais valorizada. Autor da lei que concede um vale no valor de R$ 50 reais aos servidores públicos, para que eles comprem na feira da cidade, o vereador Jocimar do Cartório informou em live com Júlio Andrade do Boca no Trombone, que a prefeitura já teria sancionado sua lei que tem a intenção de beneficiar servidores e os feirantes locais.

Calçadão de Itaguaí com nova pintura, iluminação e Wi-fi gratuito

O calçadão de Itaguaí foi outra ação da semana. O local, característico ponto comercial e de circulação, conta agora com iluminação especial com lâmpadas de Led, Wi-fi e uma nova pintura.

Ao Boca, o prefeito informou que essa revitalização só foi possível graças a união dos comerciantes e de empresas como a Vale do Rio Doce e 7 Link. Os custos dessa reforma no calçadão foram zero para a prefeitura. Além da beleza e utilidade com a mudança, o novo calçadão conta agora com um letreiro em seu início com a frase”Eu amo Itaguaí “.

Live com cantores locais teve muita música e contou um pouco da história de Itaguaí

Na noite de sábado, uma live organizada pela Secretaria de Educação e Cultura, contou com apresentações de música dos cantores locais Ricardinho Martiliano e Luan Azevedo cadastrados no sistema municipal de Cultura. Além disso, a live contou um pouco da história da cidade e teve a apresentação de Flávia Maria com um discurso do prefeito Rubem Vieira.

Passeio ciclisto na manhã de sábado mostrou a importância da vida saudável

A Secretaria de Turismo e Esporte realizou ontem, sábado, um passeio ciclístico em homenagem ao aniversário de 203 anos de Itaguaí.

O evento reuniu atletas e moradores locais que percorreram cerca de 5km com saída da Praça Vicente Cicarino e teve como destino final o Parque Municipal de Eventos.

Fernanda Espíndola Motta Secretaria de Turismo e Esporte ao lado do Prefeito de Itaguaí Rubem Vieira

O Mirante do Imperador ganhou uma nova escada de acesso

O Mirante do Imperador, um local que tem uma importância histórica para o município, já que a trilha é conhecida por ter sido um dos caminhos utilizados pelo imperador D. Pedro I, no ano de 1822, para proclamar a Independência do Brasil, ganhou uma nova escada de acesso aos visitantes.

Para chegar ao local, há uma trilha que tem 613 m de altitude e se destaca por ter uma vista incrível de toda cidade.

Cristo Redentor com as cores de Itaguaí

O maior monumento e símbolo do Brasil, recebe, amanhã segunda-feira (5/7), uma iluminação especial para festejar os 203 anos da cidade de Itaguaí. As cores da bandeira municipal (amarelo, azul, verde e vermelho) estarão brilhando na estátua a partir das 18h.

Reitor do Santuário do Cristo Redentor padre Omar, Bispo de Itaguaí, Dom Ubiratan e Prefeito de Itaguaí Rubem Vieira.

Com prefeitura de Itaguaí, Diocese e jornal O Dia

Um dia com 23 aberturas do Magazine Luiza no Rio

Uma delas será em Itaguaí. As unidades serão abertas em uma data da semana que vem — o dia não tem sido informado para evitar aglomeração, com abastecimento a partir de um novo centro de distribuição, em Duque de Caxias

Em 30 de junho de 2021

Rio de Janeiro – Depois da abertura de 50 lojas em um único dia em São Paulo, treze anos atrás, no seu maior anúncio de expansão orgânica, o Magazine Luiza vai seguir estratégia similar no Rio de Janeiro e abrir, em um único dia, 23 lojas no Estado fluminense.

As unidades serão abertas em uma data da semana que vem — o dia não tem sido informado para evitar aglomeração, com abastecimento a partir de um novo centro de distribuição, em Duque de Caxias (RJ), aberto há cerca de quatro meses.

Até o fim do ano, serão 50 aberturas no Estado, todas em novos pontos — não são aquisições de lojas, mas inaugurações de lojas construídas a partir do zero. Será o primeiro passo para avançar numa área ainda sub explorada pelo grupo, que vê essa limitação e agora quer “destravar” valor na região.

“O ‘share’ [participação’} que temos lá é menor que a média nacional, podemos avançar muito mais na área com as aberturas porque as lojas têm um papel fundamental na nossa estratégia de multicanalidade, e não vínhamos colhendo esse ganho no Rio”, disse vice-presidente de negócios do Magazine Luiza, Eduardo Benjamin Galanternick.

“Nós entendemos que o nosso ‘share’ no Rio vai se aproximar ao que seria a nossa média rapidamente, isso tem ocorrido nas novas praças que entramos”, afirma.

A empresa não detalha valores, mas o mercado estima que uma loja nova custe entre R$ 1,5 milhão e R$ 2 milhões.
“Faremos uma estratégia de ocupação de espaços, e com muitas lojas ao mesmo tempo porque não vemos outro jeito de entrar no Rio, a segunda maior economia do país. E isso será feito em paralelo a ações de benefícios para a população, como a reforma de 30 ônibus do BRT, que passarão a ter ar condicionado e wi-fi, gradativamente, e também com a reforma de trens da Supervia”.

Em troca desse investimento, os ônibus do BRT devem ser envelopados pelo Magazine por seis meses, num acordo com a o governo local. Outra ação será a disponibilidade de bicicletas, de forma gratuita, com o logo no Magazine Luiza na região de orla e ruas da capital, e a liberação de 40 mil guarda-sóis para barracas em praias do Leme ao Pontal, num acordo fechado com órgãos da prefeitura. A ação com as bicicletas dura um mês.

A entrada da rede no Rio era um ponto frequentemente levantado pelo mercado, e a empresa dizia que ainda não era o momento. Em 2017, Luiza Helena Trajano, atual presidente do conselho de administração do grupo, disse num evento que o elevado volume de cargas roubadas pesava contra a chegada da rede no Estado.

Sobre essa questão, Fabricio Garcia, vice-presidente de operações, diz que não houve um aumento nos gastos com segurança na região por conta da abertura. “São quinze transportadoras de atuação na área, selecionadas pelos critérios que temos como em qualquer outro estado, assim como mantemos nossos serviços de segurança como em outras regiões”, disse ele. “Nós não fomos ao Rio porque decidimos avançar em outras áreas antes. Entramos no Distrito Federal, Goiás, Pará e Maranhão nos últimos anos. E o Rio viria em seguida”, diz ele, após ser perguntado sobre as razões do investimento neste momento.

Estratégias adotadas pelo Magazine Luiza em todos os seus canais serão replicadas no Rio. A empresa começa já após a abertura com o serviço de compra on-line e retire na loja. Atualmente, cerca de 50% da venda do Magazine no país passa necessariamente pela loja, o que reduz custos de transporte. Além disso, as unidades devem passar a fazer parte do projeto de entrega em até uma hora, a partir de agosto. Compras de certos produtos feitas em áreas próximas ao ponto físico podem ter envio nesse prazo.

Outra nova medida envolve o “marketplace” da empresa. Os produtos vendidos pelos lojistas do marketplace da rede deve passar a fazer parte do estoque das novas lojas. Na rede, os pontos servem como área de armazenamento e de envio dessas mercadorias. “Cerca de 500 lojas hoje na empresa no Brasil operam dessa forma, com estoque dos ‘sellers’, e acredito que ao longo do terceiro trimestre, os produtos de lojistas da região já estarão em lojas no Rio também”, disse Galanternick.

Isso deve acelerar a concorrência na região não apenas com o Ponto Frio, da Via, e com a Casa & Vídeo, que atuam no varejo eletrônico, mas com redes de outros segmentos, como Lojas Americanas, Extra, Guanabara, entre outras. Isso porque vendedores do marketplace do Magazine vendem mercadorias em áreas exploradas por essas lojas. Além disso, o Magazine passa a dar a opção de retirada nas unidades de produtos da própria empresa, vendidos on-line, em linhas de produtos vendidas por essas varejistas concorrentes.
Garcia calcula que o prazo de entrega de mercadorias deve cair pela metade com o início da abertura orgânica, passando de dois dias, em média, para até um dia. Pelos cálculos da empresa, o Rio responde por cerca de 10% a 12% do varejo nacional.

(Com conteúdo publicado originalmente no Valor PRO, o serviço de notícias em tempo real do Valor)

Campanha de vacinação contra raiva para cães e gatos está ocorrendo hoje em Itaguaí; veja os locais

Além dos postos de vacinação de hoje, campanha vai até o final do ano em diversos locais. Veja:

Em 26 de junho de 2021 / Júlio Andrade

Itaguaí – A campanha de vacinação contra a raiva para cães e gatos foi iniciada hoje em Itaguaí. Neste sábado são cinco pontos de imunização no bairro do Engenho e três no Centro, entre eles na Área da Expo. As equipes da Secretaria de Saúde estarão atuando assim como hoje em diversos pontos até o final do ano.

Equipe de vacinação atuando na Área da Expo

Durante toda a campanha, que vai até 4 de dezembro, serão disponibilizados 56 postos de vacinação, além de 15 localidades que serão assistidas com a circulação de viaturas.

Segundo a coordenação de Vigilância Ambiental em Saúde, a meta para 2021 é imunizar 16.855 cães e 3.375 gatos. Na campanha de 2020, a Prefeitura vacinou mais de 15 mil animais: 12.862 cães e 2.264 gatos.

A prefeitura reforça que a vacina antirrábica é importante, pois representa a única forma de prevenir enfermidade e manter os animais saudáveis.

Veja a programação e os pontos de vacinação:

26/06 – Engenho, Centro.
24/ 07 – Jardim Laiá, Parque Paraíso, Califórnia, Santana, Ibirapitanga, JardimAmérica.
28/08 – Jardim América, São José, Monte Serrat, Mangueira, Estrela do Céu, Parque Primavera,
25/09 – Parque Primavera, Chaperó, Vila Margarida.
23/10 – Vila Margarida, Ito, Brisamar, Teixeira, Santa Cândida.
27/11 – Coroa Grande, Vila Paraíso, Vila Geni, Leandro, Jardim Weda, Amendoeira, Cantão.
04/12 – Ibirapitanga.

Acompanhe os locais com as respectivas datas:

Data: 26/06

Engenho UBS Engenho
Engenho UBS Vista alegre
Engenho Rua 18 (próximo a ponte)
Engenho Posto IST/AIDS
Engenho Rua Antônio Ferraz Viana (Próximo a antiga Academia K19)
Centro DVS
Centro ESF Centro (Rua da Câmara)
Centro Praça da Área da Expo

Data: 24/07

Jardim Laía Rua Olavo Vieiras de Farias (Campo Society)
Parque Paraíso E.M. Abeilard Goulart
California UBS Califórnia
California Quadra de Esportes (próximo ao CRAS)
California Av. Orleans (próximo ao mercadinho)
Praça Santana
Ibirapitanga Av. Bahia (próximo à barraca da Conceição)
Jardim América – UBS Odenit Maia

Data: 28/08

Jardim América Rua Costa Rica (atrás da Transturismo)
Jardim América Rua Nova York (praça próximo ao Itaguaí Show)
São José Rua São Domingos (Praça dos Passarinheiros)
Monte Serrat CEMES (próximo ao Campo de Futebol do Beto da Reta)
Mangueira UBS Mangueira (Rio-Santos)
Mangueira próximo a Creche
Est. do Ceú Praça (próximo ao Colégio Almira Figueira)
Parque Primavera Próximo a E.M. Das Acácias

Data: 25/09

Parque Primavera Rua Jacinto (próximo ao Ponto Final das kombis)
Chaperó Praça do Condomínio Safira 2
Parque Primavera Rua das Rosas (próximo ao Bar do Fula).

Chaperó Praça da Gleba A2 (próximo a antiga academia, igreja bat. Agrovila)
Chaperó Avenida Primeiro de Maio (próximo à Igreja Nova Vida – Gleba B)
Chaperó Praça da Gleba A (próximo à rua 1;
Templo Assembleia de Deus)
Chaperó ESF Chaperó
Vila Margarida Posto Vila Margarida

Data: 23/10

Vila Margarida EM Elvira Ciúffo Cicarino (final dos prédios, próximo a linha Férrea)
Vila Margarida Rua Manoel Souza Rosa (próximo a Igreja Batista do Morro do Corte).
Ito Rua Domingos Acácio de Oliveira (Associação do Bairro Ito)
Brisamar Rua Manoel Araújo dos Santos (próximo ao Colégio Carmem de Menezes)
Brisamar Rua Praia da Salina (próximo ao Ponto Final das kombis).
Brisamar Rua Transversal Dois (próximo ao Motel D’amore)
Teixeira Rua Genecildo A. Vieira (próximo E.M. Alexandre Ignácio)
Sta. Candida UBS Santa Cândida

Data: 27/11

Cro. Grande UBS Coroa Grande
Vila Paraiso Próximo antiga E.M. Amauri Ferreira.
Vila Geni Praça Kome Keto
Leandro Estrada do Mazomba (próximo a Mista Estrela ou Késia Pipas)
Leandro Estrada do Mazomba (ponto final das kombis do Leandro)
Jardim Ueda Estrada Ari Parreiras (próximo a E.M. Jorge Flores da Silva)
Amendoeiras Estrada dos Teixeiras (Praça da Amendoeira).

Cantão Rua Leila Gama (próximo ao campinho)

Data: 04/12

Ibirapitanga Rua Antônio Francisco Paula (próximo a Capela Mãe Rainha)

Além dos dias/locais descritos acima, algumas localidades serão assistidas com a circulação de viaturas, através de roteiros definidos descritos abaixo.

06/07 – Coroa Grande Frontal das Ilhas
08/07 – Mazombinha Estrada do Mazomba(Praça de Mazombinha)
13/07 – Mazomba Iniciando da Cedae até o DPO de Mazomba
15/07 – Brisamar Rodovia Mário Covas (Rua 09 até o Bicão)
20/07 – Somel Rua São Jorge (próximo ao Antigo depósito de Carros-Pipas)
23/07 – Somel Rua Campo Lindo (próximo ao Só Praia Náutica)
27/07 – Itimirim Rua Sebastião Bruno de Oliveira (próximo Campo de Futebol)
30/07 – Área Rural Fazenda São Sebastião – Estrada das Palmeiras e dentro da fazenda
03/08 – Área Rural Estrada do Caçador – Bairro Caçador / Estrada Raiz da Serra
05/08 – Ilha da Madeira Rua Miguel Correia (próximo ao ponto final das kombis)
10/08 – Rodoférrea Rodoférrea
12/08 – Piranema Praça de Piranema
17/08 – Santa Rosa Santa Rosa
19/08 – Piranema Valão dos Bois

Mapa de risco do estado põe Mangaratiba em bandeira vermelha, Itaguaí e Seropédica em bandeira laranja para a Covid-19

Contudo, na divulgação da prefeitura de Mangaratiba a bandeira é classificada como azul. Em Itaguaí, todos os leitos intensivos destinados a pacientes com Covid-19 no São Francisco Xavier estão ocupados. Ao todo, o hospital tem 26 vagas disponíveis para pacientes com Covid-19 e apenas 08 estão vagos para tratamentos não intensivos para a doença. Saiba todas as informações.

Em 25 de junho de 2021 / Júlio Andrade

Rio de Janeiro – O cenário epidemiológico do estado do Rio de Janeiro, apresenta baixo risco de contrair a doença em cinco regiões e duas permanecem em bandeira vermelha. A 36ª edição do Mapa de Risco da Covid-19, divulgada nesta sexta-feira (25) pela Secretaria de Estado de Saúde, mostra que o estado do Rio de Janeiro permanece com risco baixo de contrair a doença, com bandeira amarela. O estado manteve o mesmo cenário epidemiológico da semana passada.

As regiões da Baía da Ilha Grande e Noroeste permanecem com bandeira vermelha (risco alto).

Centro-Sul e Metropolitana I estão em bandeira laranja (risco moderado).

Médio Paraíba, Serrana, Baixada Litorânea, Norte e Metropolitana II seguem com bandeira amarela.

A análise compara a semana epidemiológica 23 (6 a 12 de junho) com 21 (23 a 29 de maio) de 2021.

Mesmo com a queda nos indicadores, é importante reforçarmos que a população precisa continuar se vacinando e seguindo as medidas de enfrentamento, como uso de máscara e álcool em gel, lavagem das mãos e evitar aglomerações. Neste momento, ainda não temos uma parcela importante da população imunizada. Por isso, mesmo quem já se vacinou deve manter as medidas de precaução recomendadas” – diz o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

Cada bandeira representa um nível de risco e um conjunto de recomendações de isolamento social, que variam entre as cores roxa (risco muito alto), vermelha (risco alto), laranja (risco moderado), amarela (risco baixo) e verde (risco muito baixo).

O Estado do Rio de Janeiro apresentou uma redução de 26% no número de óbitos, e as internações por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) caíram 35% na comparação entre as semanas epidemiológicas analisadas.

As taxas de ocupação de leitos no estado, nesta sexta-feira (25), são 63% para leitos de UTI e 44% para leitos de enfermaria.

Os resultados apurados para os indicadores apresentados devem auxiliar a tomada de decisão, além de informar a necessidade de adoção de medidas restritivas, conforme o nível de risco de cada região.

Mangaratiba

Na divulgação do mapa pelo governo do estado, o município de Mangaratiba está inserido na região classificada com a bandeira vermelha (alto risco), de contágio por Covid-19. Já no boletim da prefeitura de Mangaratiba, a cidade está inserida na bandeira azul (risco baixo). Contudo, e apesar dessas diferenças, vale ressaltar que mesmo com um cenário mais controlado, conforme divulgação do governo municipal, Mangaratiba tem em sua região (municípios vizinhos), o risco de deslocamentos que podem agravar o cenário local e a ocupação de leitos.

Itaguaí

Em Itaguaí, todos os leitos intensivos destinados a pacientes com Covid-19 no São Francisco Xavier estão ocupados. Ao todo, o hospital tem 26 vagas disponíveis para pacientes com Covid-19 e apenas 08 estão vagos, todos para tratamentos não intensivos. Pelo mapa do governo do estado e na divulgação da secretaria de saúde de Itaguaí, o município está classificado como bandeira laranja (risco médio) de contágio para a Covid-19.

Seropédica

Pelo mapa do governo do estado, a cidade está na região classificada com a bandeira laranja (risco médio), de contágio pela Covid-19.

As cidades de Itaguaí, Mangaratiba e Seropédica não estão utilizando os hospitais de campanha neste momento.

Veja como é composta algumas regiões do Estado

Região Metropolitana I é composta pelos municípios do Rio de Janeiro, Duque de Caxias, Magé, São João de Meriti, Belford Roxo, Nilópolis, Mesquita, Nova Iguaçu, Queimados, Japeri, Seropédica e Itaguaí, tendo o município do Rio de Janeiro como pólo regional.

Região Metropolitana II do Rio de Janeiro é formada por sete municípios, representa 6,18% do território do estado e 11,89% da população estadual. Integram a Região, os municípios de Itaboraí, Maricá, Niterói, Rio Bonito, São Gonçalo, Silva Jardim e Tanguá.

Região Noroeste do estado é composta pelas cidades de Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana, Italva, Laje do Muriaé, Natividade, Porciúncula, Varre-Sai, Santo Antônio de Pádua, Aperibé, Cambuci, Itaocara, Miracema e São José de Ubá.

Baía da Ilha Grande é formada pelos municípios de Mangaratiba, Angra dos Reis e Paraty.

Fonte: Secretaria de saúde do governo do estado do Rio de Janeiro.

https://www.saude.rj.gov.br/noticias/2021/06/mapa-de-risco-covid-19-estado-do-rio-de-janeiro-mantem-bandeira-amarela

Campanha de vacinação contra a raiva de cães e gatos em Itaguaí começa no próximo sábado

Veja as datas de cada local

Em 24 de junho de 2021 / Júlio Andrade

Itaguaí – A Prefeitura de Itaguaí vai iniciar no próximo dia 26/06, das 9h às 15h, a campanha de vacinação contra a raiva para cães e gatos. Neste dia, as equipes da Secretaria de Saúde estarão com cinco postos de imunização no bairro do Engenho e mais três no Centro.

Durante toda a campanha, que vai até 4 de dezembro, serão disponibilizados 56 postos de vacinação, além de 15 localidades que serão assistidas com a circulação de viaturas.

Segundo a coordenação de Vigilância Ambiental em Saúde, a meta para 2021 é imunizar 16.855 cães e 3.375 gatos. Na campanha de 2020, a Prefeitura vacinou mais de 15 mil animais: 12.862 cães e 2.264 gatos.

A prefeitura reforça que a vacina antirrábica é importante, pois representa a única forma de prevenir enfermidade e manter os animais saudáveis.

Veja a programação e os pontos de vacinação:

26/06 – Engenho, Centro.
24/ 07 – Jardim Laiá, Parque Paraíso, Califórnia, Santana, Ibirapitanga, JardimAmérica.
28/08 – Jardim América, São José, Monte Serrat, Mangueira, Estrela do Céu, Parque Primavera,
25/09 – Parque Primavera, Chaperó, Vila Margarida.
23/10 – Vila Margarida, Ito, Brisamar, Teixeira, Santa Cândida.
27/11 – Coroa Grande, Vila Paraíso, Vila Geni, Leandro, Jardim Weda, Amendoeira, Cantão.
04/12 – Ibirapitanga.

Acompanhe os locais com as respectivas datas:

Data: 26/06

Engenho UBS Engenho
Engenho UBS Vista alegre
Engenho Rua 18 (próximo a ponte)
Engenho Posto IST/AIDS
Engenho Rua Antônio Ferraz Viana (Próximo a antiga Academia K19)
Centro DVS
Centro ESF Centro (Rua da Câmara)
Centro Praça da Área da Expo

Data: 24/07

Jardim Laía Rua Olavo Vieiras de Farias (Campo Society)
Parque Paraíso E.M. Abeilard Goulart
California UBS Califórnia
California Quadra de Esportes (próximo ao CRAS)
California Av. Orleans (próximo ao mercadinho)
Praça Santana
Ibirapitanga Av. Bahia (próximo à barraca da Conceição)
Jardim América – UBS Odenit Maia

Data: 28/08

Jardim América Rua Costa Rica (atrás da Transturismo)
Jardim América Rua Nova York (praça próximo ao Itaguaí Show)
São José Rua São Domingos (Praça dos Passarinheiros)
Monte Serrat CEMES (próximo ao Campo de Futebol do Beto da Reta)
Mangueira UBS Mangueira (Rio-Santos)
Mangueira próximo a Creche
Est. do Ceú Praça (próximo ao Colégio Almira Figueira)
Parque Primavera Próximo a E.M. Das Acácias

Data: 25/09

Parque Primavera Rua Jacinto (próximo ao Ponto Final das kombis)
Chaperó Praça do Condomínio Safira 2
Parque Primavera Rua das Rosas (próximo ao Bar do Fula).

Chaperó Praça da Gleba A2 (próximo a antiga academia, igreja bat. Agrovila)
Chaperó Avenida Primeiro de Maio (próximo à Igreja Nova Vida – Gleba B)
Chaperó Praça da Gleba A (próximo à rua 1;

Templo Assembleia de Deus)
Chaperó ESF Chaperó
Vila Margarida Posto Vila Margarida

Data: 23/10

Vila Margarida EM Elvira Ciúffo Cicarino (final dos prédios, próximo a linha Férrea)
Vila Margarida Rua Manoel Souza Rosa (próximo a Igreja Batista do Morro do Corte).

Ito Rua Domingos Acácio de Oliveira (Associação do Bairro Ito)
Brisamar Rua Manoel Araújo dos Santos (próximo ao Colégio Carmem de Menezes)
Brisamar Rua Praia da Salina (próximo ao Ponto Final das kombis).

Brisamar Rua Transversal Dois (próximo ao Motel D’amore)
Teixeira Rua Genecildo A. Vieira (próximo E.M. Alexandre Ignácio)
Sta. Candida UBS Santa Cândida

Data: 27/11

Cro. Grande UBS Coroa Grande
Vila Paraiso Próximo antiga E.M. Amauri Ferreira.

Vila Geni Praça Kome Keto
Leandro Estrada do Mazomba (próximo a Mista Estrela ou Késia Pipas)
Leandro Estrada do Mazomba (ponto final das kombis do Leandro)
Jardim Ueda Estrada Ari Parreiras (próximo a E.M. Jorge Flores da Silva)
Amendoeiras Estrada dos Teixeiras (Praça da Amendoeira).

Cantão Rua Leila Gama (próximo ao campinho)

Data: 04/12

Ibirapitanga Rua Antônio Francisco Paula (próximo a Capela Mãe Rainha)

Além dos dias/locais descritos acima, algumas localidades serão assistidas com a circulação de viaturas, através de roteiros definidos descritos abaixo.

06/07 – Coroa Grande Frontal das Ilhas
08/07 – Mazombinha Estrada do Mazomba (Praça de Mazombinha)
13/07 – Mazomba Iniciando da Cedae até o DPO de Mazomba
15/07 – Brisamar Rodovia Mário Covas (Rua 09 até o Bicão)
20/07 – Somel Rua São Jorge (próximo ao Antigo depósito de Carros-Pipas)
23/07 – Somel Rua Campo Lindo (próximo ao Só Praia Náutica)
27/07 – Itimirim Rua Sebastião Bruno de Oliveira (próximo Campo de Futebol)
30/07 – Área Rural Fazenda São Sebastião – Estrada das Palmeiras e dentro da fazenda
03/08 – Área Rural Estrada do Caçador – Bairro Caçador / Estrada Raiz da Serra
05/08 – Ilha da Madeira Rua Miguel Correia (próximo ao ponto final das kombis)
10/08 – Rodoférrea Rodoférrea
12/08 – Piranema Praça de Piranema
17/08 – Santa Rosa Santa Rosa
19/08 – Piranema Valão dos Bois

Fonte: Prefeitura de Itaguaí