Arquivo da categoria: Segurança

Vídeo mostra poste de luz quase caindo no bairro Boa Fé em Seropédica

Nosso blog entrou em contato com a Light que prometeu soluções

Uma moradora enviou a nosso blog um vídeo que mostra o poste da rua Fábio Alves, localizada no conjunto Boa Fé em Seropédica prestes a desabar. O poste esta sendo seguro apenas pelos fios de alta tensão que podem se romper a qualquer instante. A rua é uma das principais do local, por onde passam centenas de pessoas, incluindo crianças vindo de escolas. O risco de queda é iminente.

Resposta da Light

Nosso blog entrou em contato com Light que prometeu levar uma equipe ao local para solucionar o problema. Também entramos em contato com a prefeitura de Seropédica, mas não tivemos retorno até o momento.

Anúncios

Assaltantes roubam carro forte e assustam motoristas em Angra dos Reis

Intenso tiroteio assustou motoristas na Rio-Santos. De acordo com a PRF, homens armados teriam assaltado um carro forte. Até o momento 12:30 a Rio Santos está fechada na região e o engarrafamento é gigantesco.

Um intenso tiroteio assustou motoristas, na manhã desta quarta-feira, na Rodovia Rio-Santos (BR-101), em Angra dos Reis, Costa Verde do estado. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), homens armados, que estariam com uniformes semelhantes ao do Batalhão de Operações Especiais (Bope), teriam assaltado um carro forte.

Os criminosos trocaram tiros com agentes da PRF e com policiais militares do 33º BPM (Angra). Veículos, que transitavam pela rodovia, retornaram na contra mão. Um carro foi incendiado na via. As equipes policiais continuam na busca aos criminosos. Até o momento, não há informações sobre feridos.

Vídeos e fotos divulgados nas redes sociais, mostram um pouco do terror que ocorreu nesta manhã.

Casas foram atingidas com os tiros

Com jornal O Dia

Chuvas castigam Angra, Mangaratiba e Itaguaí

Em Mangaratiba, prefeito foi às ruas com a Defesa Civil para ver os estragos. Já em Angra dos Reis sirenes foram acionadas para alertar dos riscos de desmoronamentos

As fortes chuvas que caem sobre toda a região da Costa Verde tem causado estragos. Desde a tarde de ontem (04/02), vários municípios tem sofrido com o problema. Em Angra dos Reis, sirenes foram acionadas para alertar dos riscos de desmoronamentos. Ruas estão alagadas e muitas pessoas tiveram suas casas invadidas pelas águas, com algumas perdendo tudo que tinham.

Defesa Civil de Angra alerta:

Forte chuva causou alguns transtornos no município, mas não há feridos

A Prefeitura de Angra, através Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil, continua nas ruas avaliando os transtornos causados pela forte chuva que atingiu a cidade, ontem (4) no final da tarde. Vários bairros ficaram alagados, mas não há notícias de feridos.
Em 24 horas, Angra dos Reis acumulou 200mm de chuva, quando o limite tolerado é de 100mm. A localidade onde a chuva caiu com maior intensidade foi Praia Brava (259mm) e em seguida o Parque Mambucaba ( 200mm). No Balneário, choveu 167mm.

Mangaratiba

Em Mangaratiba, o prefeito foi às ruas desde a noite de ontem junto com a Defesa Civil para ajudar os moradores e nesta terça várias obras emergenciais tem sido feitas. Muita gente perdeu móveis e casas foram destruídas. A prefeitura de Mangaratiba divulgou uma nota nesta terça sobre os problemas ocasionados pelas chuvas intensas.

“NOTA OFICIAL

A Prefeitura de Mangaratiba, face aos problemas causados por conta das chuvas que atingiram o município esclarece:

– Desde a tarde de ontem, 4 de fevereiro, a cidade foi atingida por fortes chuvas com um volume de quase 315mm. Mangaratiba foi um dos municípios mais atingidos do Estado. A cidade registrou, em poucas horas, o dobro esperado para o mês inteiro.

– As chuvas causaram uma situação de anormalidade que ocasionou erosão de margem fluvial, erosão costeira/marinha, enxurradas, inundações, alagamentos bruscos e os deslizamentos de terra ocorridos em diversos locais, com situação que se agrava em decorrência do fenômeno de maré alta.

– Neste momento em alguns locais há impedimento de locomoção que, consequentemente, ocasiona a interrupção dos serviços públicos, com significativos danos e prejuízos sociais, ao meio ambiente, patrimônio público e particular.

– A prefeitura criou um Gabinete de Crise para avaliar os estragos das chuvas com os secretários municipais e ainda hoje (5) será divulgado um balanço e as medidas que serão tomadas.

– As aulas da rede municipal de ensino estão suspensas até a próxima segunda-feira.

– A Prefeitura está em constante conversa com o governo do Estado e conta com o auxílio da Defesa Civil Estadual que está fazendo parte do gabinete de crise e já foi alertada sobre o desabamento de parte da RJ-014 na altura da localidade de Axixá.

Todas as sirenes estão em pleno funcionamento e desde domingo à noite as sirenes foram acionadas 204 vezes.

– Cinco equipes estão vistoriando todos os pontos críticos da cidade

– Até o momento a Prefeitura registra:
16 desalojados, inúmeros deslizamentos e os seguintes atendimentos realizados:
– Imóveis 08
– Vistorias 24
– Interdição 02

– A Secretaria de Saúde suspendeu todas as cirurgias eletivas e disponibilizou 8 leitos. De ontem até hoje foram realizados 98 atendimentos em decorrência das chuvas.

– As doações estão sendo direcionadas para a Escola Coronel Moreira da Silva, no Centro de Mangaratiba, e os abrigos estão sendo utilizados como pontos de apoio. Nos distritos, as doações podem ser encaminhadas para as unidades dos CRAS.

– Locais de pontos de apoio:
Itacuruçá – Escola Caetano de Oliveira
Muriqui -Estádio Municipal
Praia do Saco – Colégio Estadual João Paulo II
Centro – Escola Coronel Moreira da Silva
Conceição de Jacareí – Colégio Hermínia de Oliveira Matos
Itacuribitiba- Escola Adalberto Pereira Pinto

– ÍNDICES PLUVIOMÉTRICO DAS ÚLTIMAS 96 HORAS:

PRAIA DO SACO: 186.65 mm
MURIQUI : 325.85 mm
CONGUINHO: 166.0 mm
ITACURUBITIBA: 124.4 mm
SERAFIM: 88.6 mm

Itaguaí

Na cidade de Itaguaí, uma das poucas que não possui Defesa Civil, apesar de ser a maior cidade da região, moradores tiveram prejuízos com as chuvas. Casas foram invadidas, ruas alagadas e pessoas desalojadas.

A Prefeitura está com retroescavadeiras e caminhões desobstruindo ruas e limpando a cidade. Se você estiver necessitando de ajuda, ligue para 3782-9000 (ramal 2611), comunica o governo.

O prefeito não está na cidade. Segundo informações ele está ainda de licença com a esposa em viagem internacional desde a segunda metade de janeiro.

Vai ter muito deputado e prefeito preso no carro da Civil’, diz novo secretário

Prefeitos e deputados que se preparem. Segundo secretário estadual celas vão receber novos integrantes

Os ladrões do dinheiro público, com foro privilegiado ou não, que costumam se arrepiar quando avistam o camburão preto e dourado da Polícia Federal, vão passar a ter pesadelos com a viatura preta e branca da polícia judiciária estadual.

“Agora você vai ver muito deputado e prefeito sendo preso no carro da Polícia Civil”, projeta o novo secretário Marcus Vinicius Braga. A instituição, que volta a ter status de Secretaria, redesenhou sua estrutura para ingressar na nova era da investigação, cuja premissa básica se resume à expressão ‘Siga o dinheiro’, seja no combate à corrupção ou ao crime organizado.

Para tanto, Braga está montando um departamento para descobrir onde e como os criminosos estão escondendo o dinheiro e o patrimônio obtido com o dinheiro sujo.

Fonte: O Dia

Quatro ex vereadores de Itaguaí tem prisão preventiva decretada

Dr Marquinho, Marcio Pinto, Vicente Rocha e Silas Cabral são acusados pelo MP de desviarem recursos da Prefeitura na contratação de funcionários fantasmas na época do Luciano Mota, prefeito cassado e foragido da Justiça responde pelo mesmo crime

Jornal Atual de Itaguaí

O juiz Edison Ponte Burlamaqui, da Vara Criminal de Itaguaí, ordenou, nesta terça-feira (16) a prisão preventiva dos ex-vereadores de Itaguaí Marco Aurélio de Souza Barreto, o dr Marquinho, Marcio Alfredo de Souza Pinto, Vicente Cicarino Rocha, o Vicentinho, e Silas Cabral. Eles são acusados pelo Ministério Público (MP) de apropriação e desvio de rendas públicas no valor R$ 1.206.918,32, juntamente com outros 117 réus, além de inserção de dados falsos no sistema da folha de pagamento de funcionários da Prefeitura de Itaguaí, ao incluírem 112 pessoas sem nenhum vínculo formal ou legal com o município à época em que Luciano Mota era prefeito.

O MP pediu a prisão preventiva “para assegurar a confiança dos envolvidos a deporem com isenção de ânimo e, para, no mínimo, anular o poder de intimidação, coerção e manipulação que os quatro réus, como vereadores que foram e políticos ainda influentes, têm sobre as testemunhas que irão depor e mesmo sobre os corréus de menor hierarquia no esquema”, conforme afirmou o juiz Bularmaqui em sua decisão que aponta, ainda, que o MP constatou que as testemunhas, na sua maioria também réus neste processo, mentiram em seus depoimentos tentando proteger os políticos envolvidos por temerem qualquer represaria. O MP também citou na denúncia os fatos históricos de violência política da cidade, como o caso do assassinato do prefeito Abeilard Goulart de Souza e do interventor do Hospital São Francisco Xavier, Severino Salustiano de Farias, ambos na década de 1990. E na tentativa de homicídio em 2006 contra o ex-vereador Eliazer Lage Bento – que foi afastado pela Câmara de Vereadores do cargo recentemente após ser condenado pela Justiça por falsa participação em congresso. Zezé também é um dos denunciados nesse esquema.

Além dos que tiveram a prisão preventiva decretada e as 112 pessoas descritas como funcionários “fantasmas”, são denunciadas também a ex-vereadora Mirian Pacheco e o ex-vereador Zezé, o vereador Roberto Lúcio Espolador Guimarães, o Robertinho, o vice-prefeito Abeilard Goulart de Souza Filho, o Abelardinho, o ex-diretor de Informática David Brites de Macedo e o ex-prefeito Luciano Carvalho Mota. Estes dois últimos também tiveram suas prisões preventivas decretadas pela Justiça pelo mesmo crime e estão foragidos desde julho deste ano. Os demais nomes aqui descritos estão sendo acusados em outros processos, como é o caso do Abelardinho que está correndo em segredo de Justiça.

Consta dos autos evidências de que os acusados têm interferido na normalidade da instrução buscando manipular fontes de prova. As principais testemunhas de acusação, cujos depoimentos podem corroborar as provas documentos apresentadas, em diversos momentos se mostraram coagidas, pressionadas e até ameaçados pelos envolvidos. Importante destacar que muitas delas foram ouvidas, sobre os mesmos fatos, na carta de ordem de nº 0011021-03.2017.8.19.0024 e, logicamente sem adentrar no mérito de seus depoimentos, demonstraram-se extremamente pressionadas e amedrontadas. Ressalta-se que, conforme consta dos depoimentos anexos aos autos, após o início das investigações, os acusados atuaram de forma a alterar documentos e situações fáticas existentes com a finalidade de dificultar a apuração dos fatos, tendo ocorrido a exonerações em massa dos supostos ´funcionários fantasmas´. Importante destacar que as testemunhas de acusação são pessoas humildes, facilmente influenciáveis, inclusive, algumas delas, ainda exercendo funções na Prefeitura de Itaguaí, sendo necessária a prisão dos acusados para garantir a imparcialidade de seus depoimentos.

Com jornal Atual de Itaguaí

Bandidos sequestram ônibus na Rio-Santos na altura de Itaguaí

Três homens sequestraram um ônibus hoje(30) de manhã na BR-101, rodovia Rio-Santos, na altura do município de Itaguaí, no Rio de Janeiro. Eles foram presos por agentes das polícias Militar e Rodoviária Federal, na altura do quilômetro 399. O ônibus da companhia Deltur estava fretado por uma empresa para levar funcionários de Angra dos Reis para o Rio de Janeiro.

Quando o ônibus passava por Mangaratiba, por volta das 6h30, o assalto foi anunciado. Na altura de Itaguaí, o ônibus foi parado por policiais federais que faziam outra operação. As pistas nos dois sentidos da Rio-Santos permaneceram fechadas ao trânsito durante toda a negociação.

Os assaltantes se entregaram meia hora depois e foram levados pelos agentes da PRF para a delegacia a 48 DP em Seropédica. Com eles foi apreendida uma pistola. Ninguém ficou ferido.

Agência Brasil

Polícia faz operações nas comunidades do “Rola e Antares” em Santa Cruz

Qualquer um pode fazer denúncias anônimas para colaborar com as investigações. Moradores relatam tiroteios na Zona Sul do Rio. Forças de segurança fazem operação nas favelas do Rola e Antares, na Zona Oeste, e PM atua nos morros da Coroa, Fallet e Fogueteiro, na Zona Norte. Moradores ouviram disparos no Morro Chapéu-Mangueira, no Leme.

Agentes das forças de segurança realizam, na manhã desta terça-feira (14), uma operação nas favelas do Rola e de Antares, em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. Homens da Polícia Militar também realizam operação nas favelas da Coroa, Fallet e Fogueiteiro, na Zona Norte do Rio,

Na ação realizada na Zona Oeste, os agentes verificam denúncias de práticas criminosas e cumprem mandados judiciais. As ações incluem a retirada de barricadas e revista de pessoas e veículos, assim como a checagem de antecedentes criminais.

No Morro Chapéu-Mangueira, no Leme, na Zona Sul, moradores ouvem disparos desde o fim da madrugada. Por volta das 6h20 desta terça-feira, não havia qualquer movimentação policial na região. As favelas Chapéu-Mangueira e Babilônia recentemente foram alvos de disputas entre quadrilhas rivais do tráfico de drogas.

Também pelas redes sociais, moradores reclamam de intensa troca de tiros nas imediações dos Morro da Coroa, da Mineira, dos Prazeres, do Escondidinho, do Fogueteiro e do Fallet. Mas o tráfego é tranquilo nas principais vias dessas regiões.

Forças de segurança na Zona Oeste

Segundo a Secretaria de Segurança, 1.900 militares das Forças Armadas, 140 policiais militares e 45 policiais civis, com apoio de meios blindados, equipamentos de engenharia e aeronaves atuam nas comunidades da Zona Oeste. Algumas vias e acessos poderão ser interditados e setores do espaço aéreo poderão ser controlados, com restrições dinâmicas para aeronaves civis.

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=288294755085355&id=248343018700786

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=260281951362389&id=248343018700786

As tropas efetuam a distribuição de folhetos impressos solicitando a colaboração da população. São oferecidos dois canais: um telefone para denúncias anônimas (2253-1177) e um e-mail para dúvidas, reclamações, comentários e sugestões (ouvidoria.intervencao@cml.eb.mil.br).

Com G1