Arquivo da categoria: Esportes

Botafogo é campeão Carioca 2018

Vasco é vice de novo e único time grande do Rio a não levantar taça nenhuma em 2018, sendo o grande derrotado do campeonato

 

Há coisas que só acontecem com o Botafogo. E quem disse que o clichê só vale para momentos ruins? Com pênalti não marcado, sofrimento até o último minuto e dois heróis estrangeiros, o Glorioso despachou o Vasco neste domingo, no Maracanã, e se sagrou campeão carioca em grande estilo. Joel Carli, aos 49 minutos do segundo tempo, garantiu o 1 a 0 no tempo normal e levou a decisão para os pênaltis. Aí, um roteiro que o torcedor alvinegro já se acostumou se repetiu: Gatito Fernandéz garantiu o troféu ao defender as cobranças de Werley e Henrique.

DESTAQUE

O ESPECIALISTA

Mais do que o alívio pelo gol de Carli no minuto final do tempo normal, o torcedor do Botafogo foi para a decisão por pênaltis confiante. Com Gatito Fernandez, havia quase que uma certeza de ao menos uma defesa na série contra o Vasco. E assim foi! Herói na Libertadores de 2017, o goleiro paraguaio manteve a média e defendeu as cobranças de Werley e Henrique, garantindo o troféu. Agora, são impressionantes dez defesas em 19 pênaltis com a camisa alvinegra.

A PRIMEIRA VEZ…

O título carioca foi ainda mais especial para Joel Carli. E não somente pelo gol decisivo marcado no lance final da partida. O troféu erguido no Maracanã foi o primeiro da carreira do zagueiro argentino de 31 anos. Antes de chegar ao Botafogo, ele tinha passado por Aldosivi, Deportivo Morón, Gimnasia La Plata e Quilmes, todos de seu país.

CUSTOU CARO

Com a vantagem do empate, o Vasco começou melhor a partida diante de um Botafogo ansioso, desperdiçou chance clara com Riascos, parecia ditar o ritmo, mas viu tudo mudar com a expulsão de Fabrício. Aos 36 do primeiro tempo, o lateral fez falta em Luiz Fernando e recebeu o vermelho direito, forçando sua equipe a praticamente só se defender nos 55 minutos seguintes. Zé Ricardo fechou o time, terminou o jogo com quatro zagueiros, mas foi castigado no minuto final.

PRIMEIRO TEMPO

Intensidade, expulsão e casa cheia. Vasco e Botafogo não primaram pela técnica, mas não faltaram ingredientes para valorizar o clima de final no Maracanã. Os primeiros 45 minutos foram marcados por equipes que se mandaram para o ataque como podiam. Em desvantagem, o Glorioso tentava adiantar a marcação e pressionar, oferecendo espaços para um adversário que entrou em campo com quatro laterais de ofício, abrindo o campo para explorar a velocidade dos contragolpes. Com a obrigação de fazer um gol, o Botafogo se mostrou ansioso em alguns lances, enquanto o Vasco criava as melhores oportunidades.

 

Riascos desperdiçou chance clara após vacilo de Gatito em chute de fora da área de Pikachu. Bem postado, os vascaínos conseguiam ditar o ritmo do jogo. Até que o panorama mudou com a expulsão de Fabrício. O lateral recebeu o vermelho direto após falta em Luiz Fernando, que teve que sair da partida, aos 36. Foi quando o Glorioso passou a encontrar mais espaços, principalmente pelos lados, mas faltou criatividade.

SEGUNDO TEMPO

Com um a mais, Alberto colocou o time no ataque: sacou Marcelo e apostou em Kieza. Na base do abafa, o Glorioso esboçou uma pressão, mas faltava criatividade. A solução foi apelar para o chuveirinho, mesmo diante de um adversário que terminou a partida com quatro zagueiros em campo. Quando os botafoguenses conseguiam finalizar, esbarravam em Martín Silva. O uruguaio interceptou cruzamentos e fez boas defesas em conclusões de Brenner e Kieza.

 

Em uma das bolas alçadas na área, polêmica: Galhardo puxou Carli pela camisa e o impediu de disputar a jogada. Muita reclamação dos alvinegros, mas nada marcado. Para Arnaldo Cézar Coelho, comentarista da TV Globo, pênalti claro. O Botafogo não desistia e seguia com bolas aéreas. E assim foi recompensado quando a torcida do Vasco já ameaçava gritos de campeão. Aos 49, após a expulsão de Valencia, bate-rebate na área culminou na finalização de Carli. Gol! E o título carioca foi para decisão por pênaltis.

Taças do Rio

Com o campeonato Carioca conquistado após um torneio confuso por seu regulamento, o Glorioso levantou a taça mais importante do estado. Antes, o Flamengo foi campeão da Taça Guanabara e o Fluminense campeão da Taça Rio. Restou ao Vasco ser o único time grande do Rio a terminar o Carioca de mãos vazias, sem sequer vencer um turno. Dos grandes o Vasco foi o grande perdedor este ano.

 

COMO FICA?

O Botafogo volta a ser campeão carioca depois de cinco anos e agora acumula 21 títulos da competição. Com 34, o Flamengo é o maior vencedor, seguido por Fluminense (31) e Vasco (24).

QUE VENHA O BRASILEIRÃO!

Campeão carioca, o Botafogo estreia no Campeonato Brasileiro na segunda-feira, dia 16, diante do Palmeiras, no Engenhão, às 20h (de Brasília) – antes, encara o Audax Italiano, quinta-feira, às 19h15, em Santiago, pela Copa Sul-Americana. Domingo, o Vasco recebe o Atlético-MG, às 16h, em São Januário.

Com Globoesporte.com

Anúncios

Futsal sub-14 de Itaguaí se prepara para estrear bem nos Jogos da Baixada

Adversário dos itaguaienses ainda não foi definido. Confronto acontecerá em abril

 

A equipe de futsal masculino sub-14 de Itaguaí está se preparando para estrear bem nos Jogos da Baixada. O adversário do time itaguaiense ainda não foi definido pelos organizadores. O confronto acontecerá no dia 8 de abril, na Vila Olímpica de Duque de Caxias. A secretária municipal de Esportes, Erika Yukiko Muraoka de Souza, participou da solenidade de abertura da competição que aconteceu no domingo (25/03).

 

Este ano, Itaguaí participará dos Jogos da Baixada em quatro modalidades: futebol de campo masculino sub-17, futsal sub-14 e sub-17 e natação. No total, o município será representado na competição por 52 atletas.

 

Na estreia de Itaguaí nos Jogos (25/03), o time de futebol de campo sub-17 foi eliminado pela equipe de Guapimirim ao empatar sem gols no tempo normal e perder de 5 a 4 nos pênaltis. “Os garotos foram bem no jogo. Infelizmente fomos eliminados nos pênaltis”, lamentou Adelson.

Fonte: Prefeitura de Itaguaí

Flamengo bate São Paulo e se torna tetracampeão da Copinha

Rubro-Negro aguenta pressão, goleiro Yago se destaca e fatura título invicto no Pacaembu

O Flamengo é tetracampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2018. O Rubro-negro bateu o São Paulo, em pleno Pacaembu, por 1 a 0, e dois anos depois do seu último título, faturou novamente o campeonato de base mais importante do Brasil.

Nem o torcedor do Flamengo mais otimista imaginava um começo de primeiro tempo tão bom. Logo aos 2 minutos de jogo, Pepê cobrou escanteio no meio da área. Wendel, livre, subiu bem para abrir o placar no Pacaembu. O melhor lance do São Paulo veio logo após o gol sofrido. Aos 8 minutos, Toró aproveitou a sobra dentro da área e tirou de Yago Darub, mas a bola bateu na trave antes de sair. Quase o empate tricolor.

O segundo tempo começou com o São Paulo pressionando. Aos 15 minutos, Toró chamou Bernardo para dançar e cruzou. Dantas desviou a bola, que ficou com Yago. Aos 29 minutos a pressão continuou, Yago salvou o Flamengo depois de bom cabeceio de Gabriel. Aos 52 minutos o Tricolor paulista quase chegou ao empate de cabeça mas a bola foi pra fora, um susto para a torcida flamenguista.

 

O São Paulo tentou muitas bolas alçadas na área do Flamengo, mas em todas as oportunidades o goleiro Yago brilhou, fez boas defesas e segurou o resultado que deu o título para o time carioca pela quarta vez em sua história.

GALERIA DE FOTOS DO CAMPEÃO!

Secretaria de Esporte lança o projeto Iniciativa para incentivar novos talentos

Inscrições começam hoje

A Secretaria de Esporte de Itaguaí lança nesta quinta-feira (6/7), na Praça CEUS, em Chaperó o projeto Iniciativa. O objetivo é o de incentivar e formar novos talentos em várias modalidades esportivas.

Aberto à jovens com idade entre 7 e 17 anos, o projeto oferece aulas de futsal, basquete, vôlei e handebol. Para participar os interessados devem comparecer na Praça CEUs, a partir do dia 6 de julho, no horário das 10 às 16h, onde acontecem as inscrições.

Fonte: Prefeitura de Itaguaí

Secretaria de Esporte de Itaguaí está com inscrições abertas para hidroginástica

Aulas acontecem no Ciep 300, no bairro de Ponte Preta.

A secretaria de Esportes de Itaguaí está com as inscrições abertas para o projeto de Hidroginástica que atende ao pessoal da Terceira Idade, como também jovens na faixa etária de 16 anos que tenham recomendação médica.

As aulas acontecem as segundas, terças, quartas e quintas-feiras, em três horários: 08h30, 09h30 e 10h30, no Ciep 300, no bairro Ponte Preta.

Segundo a secretária de Esportes, Erika Yukiko Muraoka de Souza o projeto Hidroginástica vem para promover um aumento no rendimento nas atividades diárias, na sensação do bem estar e momentos de integração entre os participantes.

O professor de Educação Física, Fábio dos Santos, explica que a hidroginástica promove o alívio das dores, relaxamento muscular, maior flexibilidade nos movimentos das articulações, reeducação e coordenação de músculos atrofiados, desenvolvimento de força e resistência dos músculos ao pessoal da Terceira Idade.

“A hidroginástica auxilia também no sistema cardiorrespiratório, ampliando o fôlego e proporcionando mais disposição. Ajuda ainda a prevenir a osteoporose, pois contribui na conservação da densidade mineral óssea”, diz Fábio dos Santos.

Para fazer a inscrição, o aluno deverá apresentar: Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência. Duas fotos 3X4 e um atestado médico.

 

SERVIÇO

Atividade: Aula de hidroginástica

Local: Ciep 300 (Avenida Piranema, s/n, bairro Ponte Preta).

Horário: Segunda a quinta-feira, em três horários: 08h30, 09h30 e 10h30.

Documentação: Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência, duas fotos 3X4 e atestado médico.

 

Fonte: Prefeitura de Itaguaí

 

Atletas reclamam de atraso de repasse fornecido pela prefeitura de Itaguaí

Segundo atletas não é a primeira vez que há atrasos nos pagamentos

Lutadores  da cidade que integram a seleção brasileira de Kung Fu que recebem a verba do Bolsa Atleta, que é um projeto do governo da prefeitura de Itaguaí, oficializaram junto à Câmara Municipal da cidade, uma denúncia contra os atrasos nos repasses feito pelo governo de Weslei Pereira.

No extenso documento, eles alegam que desde o começo do ano vêm encontrando dificuldades no repasse do recurso. A verba vem sendo paga, porém, segundos eles, com atrasos.

Na denúncia, os lutadores esclarecem que há uma competição prevista para outubro próximo, porém correm o risco de ficar de fora, já que devem depositar, até o dia 15/08, o recurso que será usado nos gastos com passagens, hotel e alimentação.  Os denunciantes solicitaram à Casa Legislativa que oficie o secretário municipal de Esporte para esclarecer a questão.

O presidente da Casa, vereador Nisan Cesar (PSD) garantiu que  o problema foi encaminhado à Comissão de Esporte. – Peço que imediatamente oficie a prefeitura para uma dê uma resposta rápida, já que o campeonato está em cima – disse o parlamentar na sessão da última terça.

Presidente da Comissão de Esporte, na Câmara, o vereador Abeilard Goulart, o Abelardinho, (PMDB) prometeu  tomar as providências necessárias para resolver tal questão.

No calor da discussão sobre o problema, o vereador Jailson Barboza (PMDB) fez pesadas críticas ao governo municipal.

-Isso é uma covardia que estão fazendo com os jovens da cidade. É uma verdadeira covardia, uma chantagem muito forte e a comissão tem que tomar as providências rígidas para que isso não continue- emendou o peemebista.

Em resposta, a prefeitura de Itaguaí alegou que já fez os depósitos para o pagamento e que em breve estará disponível nas contas dos atletas.

‘The Guardian’: Rio recebe tocha com tiroteio entre traficantes e protestos contra Jogos

Polícia utilizou balas de borracha para conter protestos e feriu menina de 10 anos

 

O jornal britânico The Guardian publicou nesta quinta-feira (4) uma matéria sobre a chegada da tocha olímpica a cidade sede das Olimpíadas que aconteceu ás 9:15 hs da manhã ao mesmo tempo em que 450 policiais enfrentavam um grande tiroteio na comunidade do alemão, região bem próxima ao aeroporto internacional onde estava acontecendo uma operação para prender traficantes de droga.

A reportagem fala que o prefeito Eduardo Paes foi forçado a desviar de uma grande manifestação contra as Olimpíadas, onde a polícia usou spray de pimenta e balas de borracha para limpar o caminho. Três pessoas foram feridas por balas de borracha, incluindo uma menina de 10 anos de idade. A polícia também utilizou bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo para tirar os manifestantes do caminho da tocha olímpica em um subúrbio do Rio do Janeiro na quarta-feira (3). Soldados armados patrulharam estradas e algumas regiões da cidade.

 

The Guardian Rio 2016: Olympic torch skirts riots and drug gang clashes in host city

 

O Guardian acrescenta que o confronto, que veio um dia depois de protestos anti-governo e olimpíadas em cidades próximas e vários dias de violência na região Norte do Brasil, aumentam a tensão social no país. O maior evento esportivo do mundo vem ao Brasil em meio a pior recessão do país e o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, que se encontra afastada.

O Guardian diz que os moradores do Rio de janeiro estão passando horas no trânsito, enfrentando engarrafamentos absurdos por conta das ruas fechadas para passagem da tocha, comitivas, chefes de Estado e etc…

A comissão organizadora da Rio 2016 disse que ainda estão disponíveis 1,3 milhões de ingressos para assistir os jogos, finaliza o The Guardian.