Prefeitura de Itaguaí altera lei de criação de subprefeituras criadas por Charlinho em 2012


Criação de lei foi feita em 2012 às vésperas das eleições daquele ano pelo ex-prefeito Charlinho. Prefeitura alterou alguns artigos na última quarta-feira 15. O Boca questionou e novo governo alegou ser apenas uma errata e que não vai nomear ninguém para não utilizar recursos públicos em plena pandemia

A Prefeitura Municipal de Itaguaí publicou no jornal oficial 837 a alteração da lei 3.032 de 2.012 de autoria do chefe do Poder Executivo, que na época era Carlo Busatto Júnior, o Charlinho (MDB) no final de seu segundo mandato. Charlinho às vésperas das eleições daquele ano, criou 10 subprefeituras e isso geraria mais custos.

Na época a lei criada e assinada por Charlinho no dia 24 de setembro de 2.012, era para entrar em vigor no primeiro dia do ano de 2.013. Mas, Luciano Mota assim que assumiu não teve a mesma intenção do ex-prefeito e não adotou tal lei.

Neste ano, foram feitas alterações através da lei 3.823 de 12 de março de 2.020, também de autoria do Poder Executivo. Agora houve, segundo a prefeitura a publicação de uma errata com a íntegra da redação desta lei. Nela, além das 10 subprefeituras em 2.012, mais quatro foram criadas, totalizando 14 subprefeituras regionais.

Boca entra em contato e questiona prefeitura

Nosso blog questionou a prefeitura sobre essas criações que iriam onerar ainda mais a folha mensal com verbas públicas. E diferente do governo passado, onde a secretaria de comunicação do ex-secretário Fabiano Bastos não costumava responder à imprensa, a nova secretaria de comunicação nos respondeu em menos de uma hora e na parte da noite, afirmando que a criação das 14 subprefeituras não foi decisão do atual prefeito Rubem Ribeiro (Podemos). Ele não nomeou e não pretende nomear nenhum funcionário para incorporar as subprefeituras enquanto houver pandemia.

Segundo a prefeitura a referida publicação da última quarta-feira, dia 15, é apenas uma errata.

Ainda, o novo governo alegou que a Lei nº 3.823, de 12 de março de 2020, da Câmara Municipal de Itaguaí não cria subprefeituras, mas altera e dá outras providências à Lei nº 3.032, de 20 de setembro de 2012, sancionada pelo então prefeito da época.

A prefeitura relatou que se algum dia forem criadas, também não terão estruturas como as da Prefeitura do Rio de Janeiro e suas regiões administrativas, por exemplo, que hoje conta com 7 subprefeituras e 33 regiões administrativas.

Por fim o novo governo afirmou que Itaguaí é uma cidade de grandes dimensões, que atende desde a região portuária à zona rural. As subprefeituras então servirão apenas para trazer as demandas dos bairros, descentralizando as decisões e dando maior rapidez na solução dos problemas.

O blog Boca no Trombone Itaguaí informa que sempre irá ajudar a fiscalizar a verba pública, visando sempre o melhor para a população da cidade. E agradece a nova secretaria de comunicação pela rapidez e competência em responder as demandas não só do blog, mas acima de tudo as demandas de todo Itaguaiense.

Diga não às fakes news! #bocanotromboneitaguai

Estaremos sempre de olho!

Dica para o leitor:

Nossas matérias sempre tem links de interesse público em suas redações. Clique nelas e tenha ainda mais informações.

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s