Por 15 votos a 1, Câmara aprova parecer prévio de Comissão que pode cassar o mandato de prefeito e vice-prefeito de Itaguaí


Apenas o vereador Sandro da Hermínio votou não, não querendo que haja investigação contra prefeito e vice-prefeito por possíveis irregularidades na contratação de empresa de coleta de lixo na cidade. Próxima etapa da Comissão Especial Processante será de oitivas de testemunhas e dos denunciados. Sessão que pode cassar os mandatos de Charlinho e Abeilardinho será realizada somente após o dia 20. Com data ainda indefinida. Leia tudo aqui no Boca

A Câmara Municipal de Itaguaí realizou nesta quinta-feira (04/06) a votação do parecer prévio da Comissão Especial Processante (CEP) que apura denúncias sobre irregularidades na contratação de empresa de coleta de lixo em Itaguaí. Por 15 votos a 1, o parecer prévio da CEP que recomendou a continuidade do processo foi aprovado. Apenas o vereador Alexandro Valença de Paula, o Sandro da Hermínio (AVANTE), foi contrário a continuidade das investigações pela Casa sobre possíveis práticas irregulares dos acusados. Sandro que é líder do governo na Câmara, mais uma vez adotou a postura de se manter fiel ao prefeito de Itaguaí, mesmo diante de tantas acusações de práticas criminosas.

A denúncia que originou a CEP 01/2020 e que pode cassar os mandatos do prefeito Carlo Busatto Júnior, o Charlinho (MDB) e do vice-prefeito de Itaguaí Abeilard Goulart de Sousa sem partido, é sobre irregularidades na contratação da empresa “PLURAL SERVIÇOS TÉCNICOS LTDA”, responsável pela coleta hospitalar e domiciliar na cidade. Entre as várias denúncias, uma delas é sobre o endereço dado como sede da empresa que pertence a sogra do vice-prefeito Abeilardinho e sobre não ter apresentado o menor preço dos serviços prestados, bem como o impedimento por parte do governo da participação da empresa “Líbano Serviços de Limpeza” mesmo ela tendo apresentado os menores preços para a realização dos serviços.

A próxima etapa da CEP são os depoimentos dos acusados e das testemunhas. A comissão que é composta pelos vereadores Haroldo Jesus (presidente), Vinicius Alves (relator) e Roberto Lúcio (membro), fará as oitivas ( depoimentos) de testemunhas de acusação e defesa, bem como as oitivas dos acusados.

As testemunhas a serem ouvidas no dia 12/06 a partir das 10 horas da manhã são:

Jorge Luis Simões Alcântara

Celio de Souza e Silva

Cláudia de Melo Gentil

Jailson Barbosa Coelho

Eider Ribeiro Dantas

Renata Fátima da Cruz

Viviane Monsores Barcelos

Irineu Miranda Barcelos

Benival Ferreira Júnior

Alexandre Oberg

Já a oitiva dos denunciados será dia 18 ou 19, de acordo com a escolha dos acusados, que no dia 18 junho pode ser às 14 ou 16 horas ou 19 de junho às 10 ,14 ou 16 horas.

Com isso, a sessão derradeira que pode cassar os mandatos de ambos será após o dia 20 de junho, ainda sem data definida.

2 ideias sobre “Por 15 votos a 1, Câmara aprova parecer prévio de Comissão que pode cassar o mandato de prefeito e vice-prefeito de Itaguaí

  1. Pingback: Charlinho a um passo da cassação definitiva na Câmara | Boca no Trombone – Itaguai

  2. ANDREA LAUDIER CERVEIRA DOS REIS

    Meu receio é o novo gestor não conseguir cumprir a folha de pagamento com e eficiência e nem manter todos os nossos direitos tetirados

    Curtir

    Resposta

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s