Ambulância doada pelo governo do estado estaria parada no pátio da secretaria de transportes em Itaguaí


Ambulância novinha e vários outros veículos estão estacionados e sem uso segundo denúncias de servidores do local

A prefeitura Municipal de Itaguaí e a Secretaria de Saúde da cidade, que já mostraram a total falta de transparência nas ações concretas ao combate ao Covid-19 (Coronavírus), dessa vez deixam de usar veículos que certamente ajudariam e muito ao socorro de pacientes na cidade, parados na secretaria de transportes ( Sectran).

Servidores que atuam no local, nos enviaram várias imagens e nos relataram que os veículos novos estão sem uso desde que chegaram. Pelas fotos enviadas no dia 20 de abril, se vê uma ambulância novinha doada pelo governo do estado, para ajudar a combater de forma direta o Covid-19 na cidade.
As prefeituras de todo estado, receberam essas ambulâncias. A parceria visa auxiliar no transporte dos pacientes, além de ajudar em possíveis casos de Covid-19. Em outras cidades, as prefeituras divulgaram o recebimento dos veículos. Mas em Itaguaí, mesmo tendo também recebido, a prefeitura Municipal não fez a mesma divulgação.

Na foto que foi tirada na última segunda-feira (20/04), é possível ver que os pneus nem marcas de uso tem. Segundo alguns servidores do local, ela assim que chegou só foi estacionada e não atuou pela saúde da cidade. Uma cidade aliás que enfrenta graves problemas nos atendimentos simples e complexos na área da saúde, entre eles o transporte.

Outros veículos também novinhos, tem a mesma situação. Pelo menos outros 10 veículos, entre vans, carros e outra ambulância do Samu, estão sem uso, mesmo sendo novos.

Foto retirada em plena luz do dia. Horário que esses veículos deveriam estar nas ruas auxiliando o setor público de Itaguaí

Um desses veículos nos chamou a atenção. Ele está sujo com fezes de pássaros, o que induz que já está parado a algum tempo. Porém, consultando pela placa no site do Detran, podemos notar que o carro é 0KM, de 2.020 e de uso particular. Tal veículo aliás, está em “alienação fiduciária,” que é um tipo de transferência de propriedade de um bem, seja ele móvel ou imóvel, com a intenção de garantia. … Isto significa que o bem (ou seja, o carro) não é de propriedade ainda daquele que tem a posse, mas sim do banco ou da instituição financeira que custeou a aquisição. Isso prova que esse, e possivelmente muitos desses veículos são terceirizados e ainda não foram quitados. O que pode implicar o uso no serviço público.

Entramos em contato com a secretaria de comunicação da prefeitura de Itaguaí / Assessoria de imprensa, porém, mais uma vez não houve retorno.

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s