Justiça autoriza busca e apreensão de documentos na sede da prefeitura de Itaguaí


Prefeito Charlinho não estava apresentando documentos para a Câmara Municipal que investiga casos de nepotismo no governo, do qual um dos casos é de sua esposa secretária de educação

A Câmara Municipal de Itaguaí entrou com uma ação e teve êxito, na busca de documentos da prefeitura de Itaguaí para se apurar possíveis casos de nepotismo dentro do governo de Carlo Busatto Júnior. Na decisão da juíza Bianca Paes Noto da segunda Vara Cível da Comarca de Itaguaí, Charinho tem um prazo de 24 horas para fornecer todas as documentações necessárias e solicitadas pela casa Legislativa. O prazo se extingue hoje, dia 18. Caso se negue, haverá busca e apreensão dos documentos nas dependências da prefeitura, secretarias de governo, obras, administração e nos gabinetes do prefeito e vice prefeito.

Nepotismo no governo Charlinho

A investigação de casos de Nepotismo dentro do governo da prefeitura de Itaguaí é a quarta Comissão Especial Processante deste mandato do atual prefeito. O caso, com informações detalhadas como nome dos envolvidos, relações de parentesco, nomeações, exonerações e vencimentos, contém 213 páginas. Na denúncia são citados mais de 60 envolvidos com relações de parentescos, entre elas o Prefeito Carlo Busatto Júnior (MDB), o vice prefeito Abelardinho (PDT), secretários municipais e vereadores.

A denúncia aponta que os custos aos cofres públicos dos vencimentos dos familiares nomeados chegam a mais de meio milhão de reais ao mês, totalizando quase 7 milhões de reais ao ano. O documento cita obras públicas paradas que poderiam ser concluídas com o montante gasto para o pagamento de vencimentos de familiares dos denunciados. Por fim a denúncia pede a cassação do mandato do prefeito, do vice prefeito e dos vereadores envolvidos, além de encaminhamento da folha de pagamento da Prefeitura Municipal de Itaguaí para perícia do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ).

Leia mais:

Vereador tenta barrar CPI do Nepotismo do qual é um dos investigados em Itaguaí

Vereadores aprovam continuidade de CEP contra Charlinho em possíveis casos de nepotismo

Câmara aprova denúncia e investigará casos de nepotismo na prefeitura de Itaguaí

Servidora denuncia Nepostimo em Itaguaí