Câmara abre Comissão Processante para apurar verbas não utilizadas na saúde


A Câmara Municipal de Itaguaí abriu mais uma Comissão Especial Processante (CEP) para apurar atos do poder Executivo. Desta vez será investigada a suposta não utilização de verbas da saúde pelo prefeito Carlo Busatto Júnior, o Charlinho (MDB). A aceitação da denúncia aconteceu na 16ª Sessão ordinária, realizada terça-feira (09/04).

De autoria do vereador Gil Torres (Podemos), o pedido de abertura de Comissão Processante se justifica em virtude do “abandono, omissão, negligência e descaso em que se encontra a saúde pública municipal”. Conforme defendeu o vereador, as evidências do descaso foram presenciadas por ele durante esses dois anos da gestão de Charlinho. Gil é presidente da Comissão de Saúde e realiza diligências frequentes nas unidades de saúde do município. O denunciante afirmou que alertou pessoalmente o chefe do poder Executivo e seus subordinados diversas vezes sobre a situação em que se encontrava o serviço de saúde pública em Itaguaí.

Ao solicitar a abertura da CEP o autor pedia que ao término do trabalho da comissão fosse cassado o mandato do prefeito Charlinho em decorrência dos casos de “irregularidades, omissão, negligência e outras infrações e crimes cometidos pelo poder Executivo”. No documento, o autor afirma que “é de conhecimento que há dinheiro disponível no Fundo de Saúde Municipal” e citou a Constituição ao afirmar que a saúde é direito de todos. O vereador ratificou que a situação chegou a “um ponto lastimável, intolerável e inaceitável”.

O recebimento da denúncia foi aprovado pelo plenário com os votos contrários dos vereadores Robertinho (MDB), Minoro Fukamati (PSD), Carlos Kifer (PP), Noel Pedrosa (Avante), Sandro da Hermínio (Avante) e Haroldo Jesus (PSDB). Após abertura da CEP foi realizado um sorteio para definir os membros que integrarão a comissão. Os sorteados foram os vereadores André Amorim (PR), Minoro Fukamati e Ivan Charles (PSB). Após pausa de cinco minutos para a comissão se reunir para definir quais dos membros seriam o presidente e o relator, o chefe do Legislativo, vereador Dr. Rubem Ribeiro (Podemos), divulgou que foi escolhido como presidente o vereador Ivan Charles e como relator o vereador André Amorim.

Como presidente da comissão, o vereador Ivan Charles convidou a todos os vereadores para a primeira reunião da CEP, que foi realizada na manhã do dia seguinte (10).

Fonte: Câmara Municipal de Itaguaí

Anúncios

2 ideias sobre “Câmara abre Comissão Processante para apurar verbas não utilizadas na saúde

  1. Pingback: Câmara absolve prefeito de Itaguaí de acusação de não repasse de contribuição previdenciária dos servidores | Boca no Trombone – Itaguai

  2. Pingback: Charlinho pode ser cassado nesta quarta por desvios de verbas da saúde em Itaguaí | Boca no Trombone – Itaguai

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s