Câmara de vereadores de Itaguaí rejeita projetos que dariam mais transparência dos atos na cidade


Um dos projetos seria a obrigação da secretaria de saúde publicar a relação dos medicamentos na rede municipal disponíveis nas unidades de saúde no site da prefeitura

 

Agindo de forma um tanto estranha, a Câmara de vereadores da cidade de Itaguaí rejeitou três importantes projetos que beneficiaram a população e aos servidores em regime de contrato e comissão.

Ambos os projetos de autoria do vereador Willian Cezar (PSB), foram rejeitados com argumentos vazios.

O Plenário da Câmara, por sua maioria, não aprovou projetos que só trariam benefícios ao cidadãos.

Rejeitado por 10 x 6 votos,  um dos projetos de lei, dispõe sobre a proibição de exoneração de servidores contratados ou comissionados que estejam com seus vencimentos atrasados;

 

O segundo rejeitado por 10 x 6, votos,  dispõe sobre a obrigatoriedade da Secretaria Municipal de Saúde de publicar no site da Prefeitura Municipal de Itaguaí e todas as unidades básicas de saúde a relação dos medicamentos na rede municipal;

 

O terceiro a não ter vez, por 9 x 7, votos, era sobre a divulgação da lista de espera para vagas na educação infantil no Município.

Mais uma vez, a Casa Legislativa está na mira da população por continuar na costumeira incoerência em relação aos interesses da cidade.

Anúncios

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s