De volta ao acampamento, o passado no presente


Servidores grevistas fazem assembleias e protestos, acampamento vai voltar

Salários atrasados, 13° salário também, e corte de direitos, a novela continua em Itaguaí…

Ao longo do dia de hoje, os servidores em greve da saúde, assistência social e educação, realizaram atos em protesto ao desleixo da prefeitura com a classe.

slide5

Servidores da saúde e assistência votaram a continuidade da greve com acampamento montado à partir da próxima quarta-feira dia 16 de novembro. Será a segunda vez que esse acampamento será montado, a outra oportunidade foi em uma greve ano passado ainda na gestão de Luciano Mota. Além disso, os servidores votaram e fizeram um abaixo assinado para reivindicar a saída imediata do empresário Serra da pasta da saúde com o cargo de “secretário”. Segundo os funcionários, Serra se mostrou truculento, sem preparo e ameaçou os trabalhadores durante a semana. “Quando você pensa que não pode piorar vem um novo secretário de saúde e pahhh! Despreparado, grosseiro, desconhecedor dos direitos de servidores e totalmente ignorante sobre politica de saúde. Entre as pérolas que escutamos, “a que vai as últimas consequências”(que estou doida pra saber qual é), que vai demitir mesmo todo mundo, que vai desativar setores e fechar as farmácias das UBS, questionou a greve, disse que vai a justiça(vou adorar) para ilegalidade e debochou da função social do sindsprevrj. Um hospitalocêntrico tosco e ignorante, pra fechar caixão com chave de ouro.” relatou Chris Gerardo.

slide6

Mais tarde, eles foram para a prefeitura e se dirigiram  ao Gabinete do Prefeito Weslei Pereira, tentando mais uma vez conversar com Weslei. Até o fechamento desta matéria não soubemos se houve êxito nessa tentativa.

Amanhã as 9h no antigo Zé Galo, haverá uma grande marcha contra a Pec 241/55, Os trabalhadores seguirão para a Prefeitura onde será apresentado proposta de acordo de greve.

“Fora Secretario Serra da Saúde.
Pague os salários Prefeito”. Foi o recado dado.

 

PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL DECLARAM CONTINUIDADE DA GREVE

Servidores realizaram assembleia na quadra municipal da cidade.

slide3

Iniciada em 19/10/2016, a greve dos profissionais da educação municipal ganhou mais uma vez o aval da categoria para sua continuidade, na assembleia de hoje, 10 de novembro. Por maioria dos votos, os presentes deliberaram por sua manutenção.

Os profissionais revezaram-se em momentos de fala, reivindicaram providências e propuseram ações a serem empreendidas no conjunto das mobilizações, diante da situação.

slide4

slide2

Educadores seguiram em caminhada em direção à prefeitura

Além da CONTINUIDADE DA GREVE, por tempo indeterminado, a assembleia deliberou, ainda:

* Permanência da pauta de reivindicações de greve, conforme ratificada na assembleia de (21/10), disponível no seguinte link -> https://www.facebook.com/sepeitaguai/posts/1809717499243506?pnref=story;

* Ampliação do Comando de Greve, com a inclusão de um servidor por cada escola;

* Realização de ato público até a prefeitura;

* Articular mobilizações coletivas com os demais sindicatos da cidade.

* Construção de caminhada com os demais sindicatos e movimentos estudantis, com ato público, após a próxima assembleia, que foi deliberada para quinta-feira (17/11), às 09 horas, em local ainda a ser divulgado. Texto Sepe Itaguaí

Anúncios

Uma ideia sobre “De volta ao acampamento, o passado no presente

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s