Governo do Rio proíbe concursos e nomeações por um ano


 O decreto publicado para a adoção de medidas que reduzam os custos do Governo do Estado do Rio proíbe, por 12 meses, a realização de novos concursos para o provimento de cargos efetivos. A medida entra em vigor no dia 1º de julho deste ano.

O mesmo documento também suspende a nomeação para cargos públicos efetivos, pelo mesmo período. No entanto, ficam ressalvadas as nomeações decorrentes de decisões judiciais.

De acordo com o texto, também podem ser exceções, a critério do governador, as nomeações decorrentes de concursos públicos — que já estão em andamento na publicação do decreto — para as áreas de educação, saúde e segurança.

As medidas buscam diminuir o rombo financeiro de 2016. Entre as alterações, há união de secretarias e o repasse de ao menos dez imóveis ao Rioprevidência, incluindo a Ilha de Brocoió, perto de Paquetá, onde fica a residência de verão do governador. Ao órgão caberá vender os bens para pagar inativos e pensionistas.

Fonte: Jornal Extra

Anúncios

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s