Em assembleia, servidores da educação reivindicam novo concurso público para suprir a falta de servidores em Itaguaí


REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ITAGUAÍ REALIZA ASSEMBLEIA E COBRA MELHORIAS DE INFRAESTRUTURA NAS ESCOLAS

CATEGORIA TAMBÉM REIVINDICA REALIZAÇÃO DE CONCURSO PÚBLICO E UNIFICAÇÃO IMEDIATA DE PAGAMENTO DE SALÁRIO E DISSÍDIO

A assembleia dos profissionais da educação municipal de hoje, no Espaço Tropical iniciou com a descrição do cenário de dificuldades enfrentado pelos servidores do Governo do Estado e a greve que atinge as 92 cidades do Rio de Janeiro.

Em seguida, atendendo às reivindicações da categoria feitas na assembleia anterior, a direção do SEPE fez leitura de um ofício enviado pelo governo ao Sepe, como resposta às reivindicações contidas no ofício 007/2016, enviado pelo Sepe, em cobrança ao governo.

Na mensagem emitida pelo governo ficou esclarecido que a Secretaria de Administração solicitou  levantamento sobre o quantitativo de servidores que não receberam remuneração de férias e que um cronograma de viabilização de pagamento será executado;

Sobre os valores retroativos de implementação do P.C.C.S. a mensagem argumenta dificuldade financeira, reforçando o compromisso acordado de equalizar o pagamento integral até o mês de dezembro de 2016;

Sobre insalubridade e Revisão do P.C.C.S. foram criadas as comissões específicas para cada assunto, com membros técnicos e representantes da Educação (SEPE) e da Saúde.

Na parte de informes sobre a rede municipal foi dada ênfase ao cumprimento da Lei de 1/3, que estabelece o limite máximo de 2/3 de regência em turma, seja qual for a carga horária. O sindicato esclareceu ainda, que não procede a informação de ampliação do tempo de permanência diária do professor DE1 25h em mais 1 hora,  na U.E.

A Comissão Paritária, com membros do SEPE e governo, já concluiu todo o estudo de implementação da Lei de 1/3 para os professores que migraram, restando à Secretaria de Educação publicar a resolução que regulamenta o assunto.

Não há nenhuma alteração no cumprimento do horário extraclasse aos professores DE-1, DE-2, DE-3 e DE-4, que não migraram, permanecendo, portanto, igual aos parâmetros praticados em 2015.

Matéria Sepe Itaguaí

Uma ideia sobre “Em assembleia, servidores da educação reivindicam novo concurso público para suprir a falta de servidores em Itaguaí

  1. Le Silva

    Está cansado de estudar e fazer diversos cursinhos sem ser aprovado? Você percebe que precisa reaprender a estudar da maneira correta para colher bons resultados e nunca mais se frustrar após cada concurso?
    Clique no meu nome para saber mais sobre esse assunto.

    Curtir

    Resposta

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s