CÂMARA APROVA PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ITAGUAÍ


Em clima de tranquilidade, os vereadores de Itaguaí aprovaram na última terça-feira, 30 de junho, o projeto que institui o Plano Municipal de Educação (PME). O documento estabelece as diretrizes da área para os próximos dez anos. Antes de a matéria ir à votação no plenário, o vereador Márcio Pinto solicitou ao presidente, a dispensa de interstício para a mensagem com o argumento de que o prazo final se encerrava ontem.

Após a votação, o vereador Willian Cezar classificou como “muito positivo” a forma que a câmara tratou da questão. Segundo ele, os trabalhos no Legislativo ocorreram de forma objetivo. “Assim que foi recebido o projeto, a Comissão de Educação emitiu parecer”, disse. “Conseguimos aprovar a dispensa de interstício já que hoje (terça-feira) encerrava-se o prazo do governo federal para os municípios e estados aprovassem as suas leis”, destacou.

 

Na avaliação de Willian, a construção do PME se deu de forma democrática, com participação efetiva da categoria em todos os aspectos. Ele lembrou que foram oito meses dedicados a elaboração da proposta “Prevaleceu à vontade da categoria que lida o assunto diariamente. Só temos que parabenizar a todos pelo excelente trabalho”, pontuou.

 

Sobre as metas do projeto, Willian citou, por exemplo, que consta no documento a proposta de ensino integral, isonomia e a informatização das unidades de ensino.

 

Indicações

Asfaltamento da Rua Radialista Paulo de Carvalho, no Parque Primavera, vereador Parrola.

Contenção e reflorestamento de toda mata nativa ao longo da extensão da Avenida Presidente Castelo Branco, vereador Noel Pedrosa.

Estudo de combate à mosca doméstica em domicílios, hospitais e academias e onde mais se fizer necessário com colocação de cartazes ilustrativos, Noel Pedrosa.

Duplicação e reforma da ponte localizada na Rua Doze, na Gleba B, Chaperó, Carlos Kifer.

 

Leis aprovadas

Também houve aprovação da Lei 3.323 de autoria da Casa Legislativa, que denomina Escola Municipal Bairro Piranema para Escola Municipal Vereador Professor Arthur Brito de Castro.

Lei 3.325 que estabelece a meia entrada para servidores da rede pública municipal de Itaguaí nos estabelecimentos que promovam lazer e cultura, do vereador Willian Cezar.

Lei 3.326 do vereador Willian Cezar que determina a exclusividade do exercício da docência na unidade escolar de lotação da matricula do professor docente e estipula prazo para sua implantação no município de Itaguaí.

Fonte: Câmara Municipal de Itaguaí

Anúncios

2 ideias sobre “CÂMARA APROVA PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ITAGUAÍ

  1. Pingback: Governo municipal restringe participação de pais de alunos em decisões na educação de Itaguaí | Boca no Trombone – Itaguai

Dê a sua opinião sobre a postagem aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s